90 programas de TV como amigos

Se você foi criança nos anos 90 com certeza se dividia entre a escola, amigos e programas de TV como 'X-Tudo' (1992) e 'Eliana & Alegria' (1998). Relembre essas e outras quatro atrações que ... *Aumenta o número de programas centrados na faixa dos 20 a 30 anos, como E.R. (Plantão Médico 1994-2009), Beverly Hills 90210 (Barrados no B... Remexemos o baú da TV brasileira e escolhemos os 15 melhores programas, entre shows de auditório e séries de televisão. Se você não viveu os anos 90, não tem problema: encare como uma ótima oportunidade para conhecer a programação de TV que mexia com a cabeça da galera na década anterior ao surgimento do YouTube. Rodeada de familiares, amigos, música, alegría y mucho cariño, es como doña Silvia Pinal celebró en su casa su cumpleaños número 90. La primera actriz, atendió a la prensa en la puerta de su casa y expresó lo feliz y afortunada que se siente y obviamente le preguntamos cuál era su deseo de cumpleaños. 10 programas de TV de los 90’s que los Millennials deben ver para comprender a la Generación X ... hay que ver esta serie sobre un grupo de amigos en Nueva York cuando el mundo no tenía ... ¿Cuales son las mejores series americanas de los años 90? Descubre en SensaCine.com las mejores series americanas de los años 90, como por ejemplo: Los Soprano,Friends Programas de TV que marcaron a los niños y jóvenes de los 90 Los Power Rangers, Sabrina, El Príncipe del Rap, entre otros, acompañaron la juventud de muchos. Más para ver #1 Friends. Emitida de 1994 a 2004, la serie producida por Marta Kauffman y David Crane cuenta la historia de seis amigos que viven en Nueva York y atraviesan momentos tanto buenos como malos ... Fue el programa de humor en el que se dieron a conocer Paz Padilla y Chiquito de la Calzada, a partir de sus apariciones en él se consagraron como auténticos humoristas de la televisión del país. Era un concurso en el que los participantes realizaban pruebas cómicas y contaban chistes, divertido cuanto menos. Descubre todas las series más populares de drama en SensaCine.com como : Riverdale,Los 100,The Boys ... sigue la historia de unos amigos están reunidos en Navidad y deciden compartir historias ...

Entrevista profesor

2020.09.02 11:50 IDDigitalSchool Entrevista profesor

Carlos Berbell lleva impartiendo clases sobre comunicación institucional y jurídica desde el comienzo de nuestro Máster Universitario (oficial) en Comunicación Política y Empresarial.
Actualmente, dirige el prestigioso diario digital especializado en noticias jurídicas y bufetes de abogados, Confilegal. Cuenta con una amplia experiencia como asesor de comunicación e imagen del Consejo General del Poder Judicial y del Tribunal Supremo. Ha sido también consultor internacional y redactor, y ha colaborado en RTVE y varias emisoras de radio de primer nivel.

Carlos, buenos días, ¿Cómo está?

Usted es uno de los mayores expertos en comunicación institucional y jurídica de España. En el máster de comunicación imparte clases sobre esas disciplinas. ¿Qué temas aborda? ¿Qué les aporta a los alumnos dominar ese tipo de comunicación?


Hay una parte muy importante que es la comunicación desde el punto de vista de la justicia, cómo se hace la comunicación del Poder Judicial y cómo se transmite. Lo que hacemos en el máster es dar las bases del conocimiento que es desconocida. Cuando yo comencé en el Consejo del Poder Judicial en el año 2003 es cuando elaboramos la política de comunicación, lo que hoy día se está viendo. Cómo opera hoy día el Poder Judicial español, las piedras de la construcción de lo que es hoy las pusimos nosotros. Una consecuencia muy directa y muy clara de lo que supuso aquello es el juicio del Procés, es decir, la entrada de las cámaras de televisión en los juicios hasta 2004 no estuvo santificada por el tribunal constitucional y, a partir de ahí, hicimos todo lo posible para que España tenga uno de los poderes judiciales más transparentes.
Además, también facilitamos las vías para que la ciudadanía, a través de los periodistas, tuviera toda la información judicial que en estos momentos se están produciendo. Es una información muy específica en la cual también entramos a valorar lo que hoy día se llama “Fake News”, noticias falseadas. Desde el punto de vista político, todas aquellas tretas o artimañas para crear un estado de opinión. Son dos jornadas muy intensas en las que revelamos los secretos de cómo funciona la comunicación relacionada con la justicia.

Desde el 2014 dirige el exitoso diario digital “Confilegal”. ¿Cuáles son las claves necesarias para que un medio digital especializado tenga éxito?

Trabajo, trabajo y más trabajo. En este mes de agosto que mi gente está de vacaciones me quedé yo al frente del periódico y significa que muchos días me estoy acostando a la una, dos o tres de la mañana cerrando la edición del siguiente día. Cuando hicimos el periódico Yolanda Rodríguez Vidales y yo, los dos veníamos del Consejo del Poder Judicial y teníamos gran experiencia y un montón de fuentes, aunque era otro tipo de fuentes. Pero, al final del camino, lo que hizo que esto funcionara era que fuéramos serios en la información que dábamos, que fuera fidedigna y veraz y que la gente supiera que la información que estábamos realizando era veraz frente a otros que se la inventaban. Es como arar en un campo, aras el campo, plantas, recoges y otra vez, hasta que llega un momento que la gente te descubre, esa es la clave. Y luego que te guste el tema de la justicia y que entiendas cuando hablas con la gente de dentro de qué va la historia.

Ha trabajado como asesor de comunicación e imagen de la Justicia en el Consejo General del Poder Judicial y el Tribunal Supremo durante más de diez años. ¿Cuáles eran las responsabilidades de su puesto? ¿Cómo fue una experiencia a priori tan interesante?

En ese momento Ana Rosa Quintana me había contratado para trabajar en el programa de la tarde en Antena 3 para hacer cosas de justicia y sucesos y, además, yo venía de dirigir durante cinco años Tribunal TV que era un canal de juicios y sucesos principalmente, nos colocamos en Telemadrid y en Vía Digital, que era una plataforma de satélite que había antiguamente en los años 90 que ha ido desapareciendo hasta convertirse en una fusión con Prisa. En el 2002 yo dejé de dirigir el canal, se cerró y seguí trabajando, dirigí otro programa de televisión y me llegó la oportunidad de trabajar con Ana Rosa Quintana y en aquel tiempo estaba terminando el libro CSI: Casos reales españoles y yo encantado.
En esto se me cruzó la posibilidad de trabajar en el Consejo del Poder Judicial como asesor de imagen de la justicia, fuimos trece personas y me eligieron a mí. Me dieron la oportunidad de construir la política de comunicación que hoy día impera en el poder judicial en todos los órganos judiciales. Montamos una red de 18 oficinas de comunicación que entonces no existían, contratamos a los mejores periodistas de justicia de aquel momento para dirigir esas oficinas, redacte el protocolo de comunicación de la justicia que hoy día se ha ampliado y luego promovimos la cobertura de los juicios a través de la televisión. Somos el único país de Europa junto con Inglaterra, que lo permite.
En España el Tribunal Supremo y la Audiencia Nacional tienen sus propios equipos de televisión y en el resto de las comunidades autónomas se hacen acuerdos para dar la señal de aquellos juicios que son requeridos por los medios de comunicación. Esto no ocurre en ninguna parte de Europa, ni en Francia, ni en Alemania, ni en Austria, ni en Noruega, solo ocurre en España y en parte en Inglaterra. Esta fue una de las funciones y otras de las funciones fue crear el departamento audiovisual. En este tiempo dotamos al poder judicial del poder de comunicación, que no lo tenía. Esa es la herencia o el legado que dejamos mi equipo y yo cuando nos marchamos en el año 2014 y nos pasamos al gremio de los periodistas o como dicen algunos amigos del poder judicial a “los asediadores” del poder judicial. Como dicen ellos los más peligrosos, ya que conocemos el castillo por dentro y, evidentemente, somos los más certeros. La experiencia es un grado y conocer el terreno en el que te mueves también. Fueron 10 años muy interesantes y estos 5 años posteriores están resultando más interesantes al frente de Confilegal, ya que realizo una visión crítica de cómo funciona el Poder Judicial y que se está haciendo bien y que se está haciendo mal.

Además, ha colaborado en varios medios de comunicación, tanto de TV como radio y prensa. ¿En qué medio se siente más cómodo?

La televisión siempre me gustó muchísimo, durante el tiempo que estaba dirigiendo el canal estuve presentando un debate y fue muy divertido. Pero, no es lo mismo dirigir algo desde dentro que ser colaborador. De Colaborador he estado en muchos sitios, RNE, RTVE, COPE y en televisiones casi en todas. La Televisión tiene una inmediatez y un impacto que no tiene la prensa, la prensa es para grandes minorías iniciadas, la gente lee ahora mismo todo en el teléfono y se consume rápidamente. Puede llevarte un artículo una hora o dos horas y ese día te lo han consumido. La Radio es increíble, es una droga y tiene un impacto importante menor que la televisión, la televisión tiene un impacto completo e influye y se queda en la mente de la gente.

Por último, ¿Qué lecciones de su dilatada experiencia profesional aplica a la docencia?

Lo fundamental como docente es transmitir aquello que uno ha aprendido a lo largo de su vida, a veces, aprender una cosa cuesta mucho tiempo. Ahora mismo cuando tengo alguna duda, yo no soy abogado, pero llevo tanto tiempo trabajando en esto que pienso como uno de ellos y me entran lagunas, sé perfectamente que no siempre los abogados lo saben todo, aunque dé esa sensación. Yo puedo aportar la experiencia y la síntesis de aquella experiencia, por ejemplo, cuando tengo una duda muy importante sobre algo tengo la capacidad de llamar a gente muy importante y que en cinco minutos me den una lección de algo muy complejo de una forma muy simple para que yo lo entienda y, cuando termino esas micro clases, doy gracias porque me siento un privilegiado. En el máster hacemos lo mismo, hacemos dos sesiones, en las que le damos a los alumnos esa concentración de conocimiento y experiencia, que de otra forma les costaría años conseguirla, esa es la gran aportación, ese es el oro de este máster.

https://iddigitalschool.com/entrevista-profesor-carlos-berbell/
submitted by IDDigitalSchool to u/IDDigitalSchool [link] [comments]


2019.10.04 13:54 JorgeAmVF 2ª compilação com mais 494 subreddits tabelados em outubro de 2019

Subreddits

nome descrição abreviada membros
1 abobrinha "Sub para discussões inúteis e aleatórias" 4
2 absolutamentenaoeunvr "É o sub antagônico ao eu_nvr" 669
3 AcademicosBrasileiros "Comunidade dedicada à discussão de assuntos acadêmicos dos mais diversos" 169
4 academicoviseu "Apoio à equipa Académico de Viseu" 1
5 AconteceuPraCaralho "Igual o thathappened mas em português" 506
6 ADecadaPerdida "Se você teve alguma parte da vida nos anos 80, se prepare para as coisas que não queria lembrar" 2
7 Adriana_Lima 464
8 agendacultural "Um canal aqui no reddit para compartilhar eventos culturais e iniciativas" 7
9 agricultura "Subreddit voltado as discussões sobre agricultura brasileira e mundial" 9
10 agronegocio "Subreddit voltado as discussões sobre o agronegócio brasileiro e mundial" 4
11 aguasanta "SubReddit dedicado ao Esporte Clube Água Santa" 1
12 airbnb_pt "Compartilha a tua experiência e as tuas dúvidas na comunidade Airbnb em português" 2
13 AjudaPortugal 1
14 Alagoas 3
15 AlgarvePics "Um subreddit dedicado a fotografias do Algarve, Portugal" 1
16 AliExpressBR "Esta Comunidade é para os brasileiros que adoram importações" 136
17 ALPHAE 2
18 Amapa 4
19 Amarelo 1
20 Amazonas 12
21 AmizadeVirtual "Cópia de makingfriends para brasileiros" 89
22 anarquismoBR 3
23 Ancapinaremos 34
24 anedotas "Sub para anedotas portuguesas" 104
25 aodispor 2
26 aplicativos "Subreddit dedicado a temas relacionados à todas as categorias de aplicativos" 61
27 Aquarum "Uma comunidade com foco em enigmas" 63
28 armasdefogo "Comunidade para pessoas interessadas em armas de fogo" 1
29 ARMBrasil "Comunidade para quem atua com Arquitetura ARM" 6
30 arquitetura "Arquitetura em português " 77
31 arquivados "Notícias de processos arquivados contra o Alckmin e o PSDB" 9
32 arvores 10
33 AskABrazilian 39
34 AskPortugal 10
35 AteParece "Versão brasileira do thatHappened, posts em português de coisas que até parece que aconteceram mesmo" 7
36 ateu "Comunidade brasileira dedicada exclusivamente à publicação de conteúdos ateístas" 20
37 Autocaravanar "Grupo dedicado a todos os amantes de autocaravanas" 21
38 automobilismo "Discutindo o esporte a motor sobre quatro rodas em português" 2
39 Avante "Esquerda em galego e português" 113
40 AyrtonSenna 98
41 Baiacu "Comunidade brasileira de shitpost e afins" 12
42 BairroDoLimoeiro 106
43 banania "Subreddit dedicado principalmente a política" 1
44 BandasPortuguesas "Este subreddit foi criado para a divulgação de projetos, divulgação de bandas pouco conhecidas que gostem, divulgar experiências na indústria e também para que seja possível a discussão como o esclarecimento de alguns temas sobre a indústria" 23
45 barbiePortugues 5
46 barsil "Visite o /brasilivre" 2
47 bbb16 5
48 BelPesce 2
49 bettina "Oi, eu sou a bettina tenho 1 milhão de anos e 22 reais de patrimônio acumulado" 16
50 biblia "Compartilhe aqui a palavra de Deus encontrada na Bíblia" 55
51 Biblioteca "Um local para a partilha de livros digitais em português de Portugal" 756
52 Biscoito "O nome certo é BISCOITO" 1
53 bitcoinPT "Comunidade Portuguesa Bitcoin" 29
54 BlackFridayBR "No BlackFridayBR você encontrará promoções o ano inteiro" 191
55 Blumenau 79
56 boasnoticias "Existe ainda amor na Internet e aqui é o lugar para compartilhar essas boas novas" 47
57 boatarde 8
58 Bolacha 1
59 bolorei 6
60 BotaDemaisGrande "Basicamente o BootTooBig so que em brasileiro" 37
61 Bovespa "Este é um sub para investidores, especuladores, iniciantes e veteranos que atuam na Bovespa" 359
62 bradil "Visite o /brasilivre" 1
63 Brasfoot 1
64 brasi 5
65 Brasil_ "O subreddit para o Brasil e para os brasileiros" 2
66 brasil_politica "Sub em Português para discutir a política no Brasil e no Mundo" 2
67 brasil13 12
68 brasil20 2
69 brasil3 18
70 brasil4 20
71 brasil5 "Pq não há brasils o suficiente" 25
72 Brasil6 14
73 brasil666 2
74 Brasil7 19
75 brasil8 19
76 brasil9 "9º subreddit oficial do Brasil" 20
77 brasil99 "O fã-clube brasileiro do Toto" 40
78 brasilbackup "Faça backup antes de jogar algo pouco testado" 2
79 brasilcentro "Primeira comunidade Brasileira de extremo-centro do reddit brasileiro" 209
80 brasilcentro_drama 0
81 BrasilCrossFit 1
82 BrasildaDepressao "Subreddit para divulgar o que há de certo e errado no Brasil" 37
83 BrasilEdu "O subreddit é dedicado a publicação de conteúdo ou de perguntas, na língua portuguesa, sobre as disciplinas para a educação básica, academia, ocupação e ao trabalho" 30
84 BrasilEsportes "Página dedicada aos brasileiros do mundo todo para falar dos seus esportes preferidos além de notícias, eventos, etc e também, porque não, um espaço para darmos aquela trolada no time adversário" 121
85 BrasilFantastico "Subreddit em Português para discussão de tudo relacionado aos gêneros de ficção científica, fantasia e horror" 2
86 brasilisentao "A bolha acima e entre todas as bolhas" 12
87 BrasilReceitas "Receitas culinárias em português" 1
88 brasilsilsil "Compartilhe e discuta qualquer conteúdo que possa interessar aos brasileiros" 2
89 Brasucas "Comunidade livre para brasucas" 1
90 BrazilianOffDutyCop 2
91 braziltalk 2
92 BRchan 11
93 breja "Recomendações, Reviews e Resenhas de cervejas de todos os tipos" 7
94 bresil "Postagens em português" 3
95 brgonewild "Paraíso das musas tupiniquins" 5843
96 BRSingleMalt "Informações sobre Single Malt em Português" 10
97 Calopsita "Subreddit para quem ama psitácideos" 4
98 Camino 41
99 CaminoDeSantiago 3944
100 campinas 163
101 Canhotos_bandidos "Subreddit destinado para postagens de material que mostra atos ilegais de esquerdistas" 4
102 capeta 3
103 Capina "Bem vindo a este recinto maravilhoso do Capinaremos na internet" 460
104 Capinaremos "Refugiados do Capinaremos" 25
105 capitaofausto "Tudo sobre a banda portuguesa" 16
106 capivara "Melhor Pokemon da região brasileira" 6
107 capoeira 3813
108 capoeiraangola 91
109 CARALHO 3
110 CasosIsolados "Casos isolados de violência policial no Brasil" 3
111 cati "Subreddit da Cati Jr." 2
112 cefetianos "Para discussões de coisas do CEFET" 7
113 cellbits "Bem vindo ao subreddit do cellbit, o fundo do poço" 80617
114 CeltadeVigo 3
115 CemiteriodoHumor "O sub onde você posta as coisas mais sem graça da história Tupiniquim" 13
116 changemyviewbr "Um lugar para postar uma opinião que você admite que pode ser falha, em um esforço para entender outras perspectivas sobre o assunto" 4
117 Charuto "Informações sobre Charuto cubanos e off Cuba" 5
118 chocolage 2
119 chocolatedebolo "Receitas com chocolate do blog Chocolate de Bolo" 4
120 ChupacabraBrasil "Só conspiração e teorias bizarras" 2
121 cidadaosdebem 219
122 CienciaEconomica "Discussões sobre a ciência econômica, em português" 154
123 cineastas "Redditores da comunidade de Cineastas e Actores do Porto" 1
124 circulodepunheta "Porque o portugal não é um" 2
125 circuloidiota 188
126 clubedolivro 4
127 clubedorap "Espaço para vocês compartilharem e ouvirem músicas de rap como prioridade" 86
128 ComeuAPasta 39
129 Compostela 47
130 computando 1
131 ConcursosBR 510
132 conspiracao 3
133 ContosEroticos "Contos Eróticos em Português" 58
134 contraAO "Redditores contra o acordo ortográfico" 16
135 ConversaDeCafe "Proporcionar aos redditors que falem a língua de Camões um espaço de conversa casual sem nenhum tópico central" 6
136 convivio "Um sub de língua exclusivamente portuguesa que serve como espaço de convívio para portugueses (naturais)" 15
137 copadomundo "Subreddit direcionado a discussões sobre a Copa do Mundo" 3
138 correios 1
139 corrupcao "Subreddit para publicação de notícias, criação de debates e denúncias (anónimas ou não) acerca da corrupção em Portugal" 221
140 corrupcaopt "Para acumular os casos de corrupcao que se vao ouvindo, e para começar a pensar em como fazer justiça" 51
141 CPLP "Comunidade dos Países de Língua Portuguesa" 305
142 criptoeconomia 6
143 criptomoedas "Primeiro subreddit em português dedicado a discutir tudo relacionado a criptomoedas no Brasil" 224
144 cristianoronaldo 1318
145 cristianosequeira 0
146 CriticaConsolistaFoda "O câncer acabou de chegar na página frontal da internet" 19
147 Criticas "Esse é um espaço para a divulgação e discussão de críticas" 67
148 CriticaSocialFoda 70
149 CrossFitnoBrasil 1
150 cuidadocomoqueposta 2
151 culinaria "Se deseja dar a conhecer receitas interessantes escritas na língua portuguesa este é o lugar ideal" 55
152 Cultivonha "Esse subreddit tem como objetivo compartilhar experiências e dúvidas sobre o cultivo indoor e outdoor da planta Cannabis" 223
153 cultobastter "Para aqueles que acreditam que a Bastter.com eh um culto pega-sardinha tanto quanto os outros sites de investimento" 4
154 culturapopnerdgeek "Um espaço brasileiro para discussão sobre filmes, séries, games, livros, HQs e tudo mais o que amamos" 267
155 DarknetMarketsBrasil 43
156 Deportivo 114
157 Desciclopedia "A enciclopédia livre de conteúdo" 4
158 desclassificados "Classificados que não se classificaram tão bem como classificados" 54
159 desenrasque "Solução para quando não há soluções e temos de entregar aquilo amanhã" 2
160 designBR "Subreddit para designers brasileiros compartilhar artigos, trabalhos, pedir opiniões e interagir com outros companheiros de profissão" 19
161 Deus 1
162 Deusolivre "Coleção de melhores momentos vividos no brasilivre" 4
163 devBR "Subreddit para programadores e desenvolvedores web brasileiros compartilhar artigos, trabalhos, pedir opiniões e interagir com outros companheiros de profissão" 54
164 dicasdollyinho 1
165 dinheiroonline "Dicas para levantar um $ extra através de ferramentas online" 6
166 Direita "O subreddit da direita brasileira" 194
167 disco_bar "O sítio para onde deverão vir os vídeos e as imagens soltas que acabam habitualmente publicadas no disco-bar.blogspot.com" 10
168 dndPortugal "Uma sub dedicada a tudo sobre Dungeons & Dragons, de criação de mundos a homebrews, tudo em português" 37
169 DoctorRey2018 "Subreddit para apoiar o futuro presidente brasileiro" 1
170 dogecoinbr "Grupo de fomento ao dogecoin no Brasil" 6
171 dogecoinbrasil "Aqui é o lugar para reunir todos os interessados na nova moeda virtual baseada no Litecoin, o Dogecoin, que vem causando sensação desde seu aparecimento" 62
172 Doriana "Notícias sobre o prefeito de São Paulo" 4
173 DragonBallLegendsBR "Encontre tudo sobre Dragon Ball Legends totalmente em português e discuta com outros jogadores do Brasil" 9
174 droga "Discussão sobre drogas em português" 6
175 Eder 2357
176 ElCaminoDeSantiago 112
177 electronicapt "Comunidade de electrónica e FPGA em Portugal" 53
178 eletronica "Subreddit dedicado aos estudantes, hobbistas e qualquer pessoa interessada em entender melhor a magia por trás dos circuitos eletronicos" 17
179 emberwood 59
180 Empreendedor "Subreddit de empreendedorismo em português" 6
181 Empreendedores "Subreddit de empreendedorismo em português" 3
182 empreendedorismopt "Um espaço para discutir o empreendedorismo em Portugal" 1
183 Engenharia "Subreddit dedicada a discussão sobre assuntos relacionados a engenharia em português" 21
184 engenhariacivil "Discussão sobre Engenharia Civil" 78
185 engenhariaquimica "Essa comunidade é destinada a assuntos referentes a área da engenharia quimica" 27
186 EnoughNovoSpam 33
187 equilibrio "Um subreddit brasileiro dedicado ao crescimento pessoal e à busca por um estilo de vida saudável e equilibrado" 241
188 EscreviSaiCorrendo 1
189 esquerdabrasil "Este é um espaço para a discussão de ideias e dos ideais de Esquerda" 4
190 estilo "Um lugar para discutir tendências, hábitos, roupas, promoções, acessórios, modas e outros fatores que demonstram seu estilo de vida" 14
191 eu_nrdd "me_irl versão tuga" 2
192 eu_nvr_tuga "me_irl versão tuga" 29
193 eunvr 1
194 EuTavaLa "Apenas fanfics verídicas" 0
195 Exmormonportugues 72
196 fabricadenoobs "Canal Brasileiro voltado para computação" 2091
197 facebooktuga "oldpeoplefacebook mas em português" 0
198 faisca 1
199 FanficsdeEsquerda 4
200 farense "O Sub dos fãs do Sporting Clube Farense" 5
201 FCdoBrasil "Página para divulgar obras, sites de leitura com obras em português, além de conversarmos sobre o gênero aqui nas terras tupiniquins" 14
202 Felca "Felca do Youtube, o pewdiepie brasileiro" 9
203 FeminismoBrasil "Uma comunidade pras minas trocarem ideias sem serem hostilizadas pelos homens do reddit brasileiro" 240
204 FestivaisPortugal "Partilhar futuros festivais e experiências de festivais anteriores" 3
205 FFBRExvius "Sub em português para os jogadores de Final Fantasy Brave Exvius" 6
206 FicouGratis 1980
207 fifabrasil "Subreddit dedicado a comunidade brasileira do jogo FIFA, para todos os consoles e PC" 32
208 firefox_portugues "Ponto de partilha de informação e discussão sobre o navegador Mozilla Firefox, aqui se conversa e se informa a respeito desse navegador" 3
209 Fisicou "Sub criado com o objetivo de dialogar sobre ciências e afins" 72
210 FlamengoOficial "O subreddit do Mais Querido do Brasil" 39
211 fodase 1
212 Folclore "Reddit sobre o Folclore Português, partilha, discussão e divulgação da tradição portuguesa" 3
213 ForniteBR_Portugal "Um sub-reddit dedicado ao FortniteBR tudo em português, com o objetivo de aproximar a comunidade portuguesa, e ajudar no que for preciso" 1
214 fortniteportugal "Um sub-reddit para discutir sobre Fortnite (PvP e PvE) em Português" 4
215 FrancisMartins 83
216 freelancerspt "Um sub para freelancers Portugueses para discussões relevantes em Português" 117
217 freelasBR "Subreddit destinado a oportunidades, informações e perguntas para Freelancers e Profissionais Autônomos no Brasil" 44
218 futebolamericano "Notícias e conteúdo sobre ligas oficiais como NFL e CFL em português" 1
219 futebolantigo "Subreddit direcionado a discussões sobre campeonatos antigos e times do passado do futebol" 1
220 futebolbrasil "Subreddit direcionado a discussões sobre o Brasileirão e a Copa do Brasil" 1
221 futebolemportugal "Local de discussão civilizada, ou talvez não, sobre futebol em Portugal" 50
222 G0ularte "Um subreddit criado para os inscritos conversarem, mandarem ideias, memes, etc" 13254
223 Galiza 760
224 GalizaCarallo 3
225 gamerbrasil "Subreddit dedicado ao Gamers Brasileiros" 51
226 gauchosBR "Um sub para tudo e todos do grande estado do Rio Grande do Sul" 34
227 Geaaaaaaaaaaada 1
228 GeekBR "Aqui é onde essa grande massa geek brasileira que só cresce a cada ano pode compartilhar notícias, imagens, textos, e etc" 29
229 geopolitica "Espaço para discussões de geopolítica e política internacional" 345
230 gerir_pequeno "Empreendedorismo, Micro-empresas e divulgação" 2
231 gestao 1
232 glpi_brasil 101
233 godot_brasil "Comunidade para os brasileiros interessados em estudar e tirar dúvidas sobre Godot Engine" 85
234 GTAorBrazil 392
235 heraldica "Tudo o que seja relacionado com escudos, brasões de armas e heráldica em geral" 7
236 hfm "Hoje fiz merda" 23
237 HistoriaBr "Subreddit para conversar sobre assuntos de História (com H maiúsculo, por isso a ciência), em português do Brasil de preferencia" 34
238 HoraDaComida "Sub dedicado para compartilhar receitas feitas por vocês próprios ou belas comidas compradas por vocês" 42
239 humorpt 2
240 humortadela 2
241 Ibipora "Sub da cidade de Ibiporã / PR" 1
242 IMPAVIDOCOLOSSO "Nação gloriosa de belezas naturais" 59
243 Impressao3D "Comunidade para discutir sobre impressoras 3D, dicas, técnicas, além de falar sobre modelagem e assuntos afim" 26
244 InClubMaster "Aqui divulgaremos notícias sobre projetos e campanhas do InClub do colégio Master" 1
245 intercambio 8
246 INTESTINOIRRITADO 16
247 introvertidos "Reddit sobre introversão em português" 2
248 investir 12
249 IsabeliFontana 285
250 ISPsPortugal "Um lugar para discutir apenas artigos relacionados com os operadores de telecomunicações de Portugal" 4
251 jamorim "Os melhores vídeos da internet gaucha e brazileira" 25
252 JeanWyllys 0
253 Joinville 6
254 jovemnerd "Revivendo esse subreddit ligado ao mundo Jovem Nerd: Nerdcast, Nerdplayer, MatandoRobosGigantes, NerdOffice NerdStore... Etc" 749
255 KaikerTV "Deixe Memes para o canal do Kaiker" 20
256 Kaskaria "Seu repositório diário de memes, vídeos engraçados e outras coisas sem utilidade" 3
257 KetoPortugal "Como seguir uma dieta Keto em Portugal" 45
258 lageball 1
259 Lagoa "Um subreddit para tudo e mais alguma coisa relacionado com Lagoa, Algarve, um lindo município do sul de Portugal" 1
260 LeagueofLegendsBR 99
261 letsplaypt "Um subreddit dedicado a let's plays (gameplays comentados) feitos no idioma português com o intuito de reunir links úteis, feedback e aumentar a interação com outros let's players" 2
262 libertarios "Bem-vindos Libertários de Portugal" 5
263 ligadoscampeoes "Subreddit direcionado a discussões sobre a UEFA Champions League" 1
264 linksfilmesonline "Comunidade brasileira para pedir ou compartilhar links de filmes online, de preferência filmes legendados e também algumas séries" 12
265 linux_portugues "Esse é um subreddit para interessados em informação relacionada a GNU/Linux" 20
266 LisboadeBorla 7
267 literati "Subreddit de programação e desenvolvimento de sistemas em português" 3
268 LiteraturaPortuguesa "Um local para partilhar escritores em português, seja em prosa ou em verso" 109
269 livrosdeportugal "Um subreddit para discutirmos livros em Português de Portugal" 1
270 LoLBR 26
271 lolportugal "Subreddit em português e para portugueses sobre League of Legends" 8
272 londrina "Velas, choros, lamentações e poesias a respeito de Londrina/PR" 39
273 loylinha "Subreddit da layla" 885
274 LugardeIdeias "Um lugar para refletir, questionar e debater" 41
275 LuizPhilippe "Em apoio ao nosso Dep. Federal Luiz Philippe de Orléans e Bragança" 1
276 luso 1
277 lusowiki "O melhor espaço para a partilha de tudo o que é lusófono e para ajudar quem estuda esta área" 30
278 Luxemburgo "Um subreddit em português dedicado à atualidade luxemburguesa" 3
279 macae 3
280 mamaspapasbebes "Reddit de apoio ao site "Ser Pai é..." e local de discussão de ideias acerca da Paternidade / Maternidade" 3
281 Manaus "Sub dedicado a cidade brasileira de Manaus, capital do maior estado do Brasil, Amazonas" 158
282 MancheteCorrigida "Inspirado na iniciativa gringa do HeadlineCorrections, o Projeto de Correção das Manchetes Fake News nasceu para combater as mentiras e engodos da Grande Mídia" 88
283 mandanudes 67
284 maquiagembrasil "Não limitado para apenas marcas brasileiras, mas um espaço para discutir maquiagem e cosméticos em português (br)" 3
285 Marinho 4
286 MariParaiba 533
287 marketplacebr "O espaço para discussões sobre a venda em marketplaces no Brasil" 4
288 MaseoPT "Aqui são postados prints de brasileiros tentando justificar as ações de certos políticos enquanto cita o PT ou o Lula" 15
289 mattayahu 2052
290 mau_pm_nao_propina "Histórias de abuso policial incluindo: abuso de poder, corrupção e outras desgraças em estados policiais em expansão" 32
291 mbtipt "Discussões sobre a classificação tipológica de Myers-Briggs e outros relacionados" 0
292 MCKevinho "Sub dedicado do hitmaker MC Kevinho" 3
293 Mecatronica "Para o aprendizado e discussões sobre Mecatrônica em português" 2
294 Medianeira "Cidade de Medianeira / PR" 1
295 memesinspiradores "Inspirado no wholesomememes, um sub para postar memes inspiradores, saudáveis, gentis e incríveis" 217
296 MemesPrimeiraLiga "Memes e shitposts do Futebol Português" 197
297 MemesUmidos "Tipo o dankmemes mas com menos graça" 2
298 Mensagemdeaniversario "Lindas mensagem de aniversário para você compartilhar e curtir com suas amigas e amigos" 1
299 mercados "Sub dedicado à partilha de notícias/opiniões sobre mercados, finanças, empresas e economia" 5
300 merdapostagem 30
301 mlsfutebol "Subreddit direcionado a discussões sobre a Major League Soccer (MLS)" 2
302 modacomtesao "Moda em português aqui no Reddit" 4
303 mormonsud "Sub para membros, amigos e curiosos a respeito da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos dias (aka 'Igreja Mórmon')" 2
304 motivacionais "Vem ler, commentar, copiar, ou republicar, os nossos maravilhosos pósters motivacionais" 1
305 MPB 61
306 msd 5
307 mudarportugal "Falar aqui de propostas construtivas para mudar portugal" 101
308 mudeminhaopiniao 127
309 Mulher "Tudo relacionado ao universo feminino em português" 6
310 mulherdepau 61
311 mundialdeclubes "Subreddit direcionado a discussões sobre o Mundial de Clubes da FIFA e a antiga Copa Intercontinental" 1
312 naoecebola 1
313 NaoSalvo "O primeiro subreddit não-oficial para leitores e ouvintes do NãoSalvo" 136
314 nbabasquete "Subreddit direcionado a discussões sobre a National Basketball Association (NBA)" 1
315 NBAPortugal "Espaço para discussões e partilha de notícias relacionadas com a NBA" 23
316 nerdice "Tudo sobre o universo nerd e geek na internet" 1
317 NewsBahia "Só noticias da Bahia" 27
318 NewsBrasil "Noticias dos jornais online do Brasil" 409
319 Neymar 362
320 nflesuperbowl "Este subreddit é direcionado a discussões sobre futebol americano" 1
321 nomadaspt "Quando já não sabes de onde és e o planeta é a tua casa" 1
322 Nordeste "Orgulho de ser nordestino" 6
323 NoticiasBrasil 44
324 NoticiasPT "Notícias em Português" 1
325 Nova_Economia 2
326 Novidades "Adicione o seu WebSite ao nosso directório" 3
327 novismo "Movimento onde ponho minhas anotações como historiador" 3
328 O_Marcelo 1
329 Observatorio "Ambiente em língua portuguesa para astrônomos amadores, fãs de astronomia, curiosos, estudantes, professores e profissionais da área" 1
330 OffDutyBrazilianCop 16971
331 offdutycopinbrazil 91
332 Olavo_de_Carvalho 2
333 oSul "Apenas coisas relacionadas ao Sul" 1
334 ourem "Ourém é um município português pertencente ao Distrito de Santarém" 1
335 pacotedeprincipiante "Poste Starter Packs em português" 64
336 paetesao 3
337 PaoDeQueijo 2
338 Paraiba 5
339 partidonovo 9
340 PastaPortuguesa 877
341 PastorPreso "Coletânea de notícias de pastores sendo presos por caixa dois, molestar crianças e mulheres, perversões, entre outros crimes bizarros que eles sabem cometer melhor do que ninguém" 1
342 PatriaAmada 16
343 paunocu 3
344 PauNoCuDosCorreios 18
345 pbeBrazil2014 2
346 pbeBrazil2016 20
347 PENSOLOGOSOU "Arquivo de notícias, entrevistas, documentários, artigos de opinião, artigos científicos, livros e teses académicas relacionadas com as temáticas da Política das Drogas em Portugal" 44
348 pequenasempresas "Subreddit brasileiro para discutir ideias e problemas de micro e pequenas empresas" 1
349 perolasdofacebook "O melhor da internet brasileira" 3
350 personalfinancebrasil 5
351 personalfinancebrazil 2
352 petropolis 7
353 piadapronta 1
354 Piaui 5
355 PilulaVermelha "Comunidade em português baseada na de língua inglesa 'The Red Pill'" 37
356 pimenta 2
357 Pipoca "Loucos por filmes e séries" 21
358 PizzaComAnanas 5
359 placas "Fotos de placas" 10
360 PocketManBad 3
361 PodcastUbuntuPortugal "Podcast da comunidade portuguesa de Ubuntu" 8
362 PokerBrasil "A primeira comunidade brasileira e em português sobre Poker" 28
363 polemicas "Subreddit em português criado para discutir assuntos polêmicos sem qualquer tipo de censura" 74
364 polemicas2 "Backup do polemicas" 1
365 poliamor "Este é um lugar de amor livre. Vamos debater sobre nossas dificuldades e realizações poliamoristas" 62
366 PoliticaMundial "Uma comunidade voltada aos assuntos políticos, econômicos e filosóficos, com o intuito de reunir pessoas diferentes com pensamentos diferentes para que possamos discutir e debater sobre o mundo a nossa volta" 10
367 pontoXbr "Comunidade em português para aqueles que gostam de fazer o trabalho, seja próprio ou comercialmente" 1
368 popbrasil 6
369 portela "Portela de Sacavém" 17
370 Portgueis "Igual ao Engrish, mas com português" 19
371 PortoSexDating 20
372 Portugalia "Sub-Reddit para todos os portugueses à volta do mundo" 3
373 portugalliberal "Um espaço de discussão positiva e objectiva mas com a missão de tornar Portugal mais liberal" 59
374 PortugalNostalgico "O melhor (ou o pior) que já passou por Portugal" 1
375 PortugalPsicadelico 1
376 portugaltech 1
377 Portuges "Igual ao Engrish, mas com português" 2
378 preocupados 4
379 Preto 1
380 primeiraligamemes "Memes e shitposts do Futebol Português" 0
381 privacidade 21
382 ProducaoMusical "Essa comunidade tem o intuito de unir os produtores musicais brasileiros para uma troca de experiências, dicas, ferramentas e mais coisas voltadas a produção musical" 37
383 programacao "O subreddit programacao é destinado para toda a comunidade de programadores que falam a língua portuguesa" 683
384 projeto "Comunidade de discussão sobre diretrizes para uma nova cidade, baseada na igualdade de pessoas, conservação ambiental e promoção da inovação tecnológica e científica" 7
385 ProjetoHumanos "Projeto Humanos é um podcast que busca explorar um formato ainda pouco explorado no Brasil, o storytelling, popularmente utilizado em podcasts dos EUA, tais como Radiolab, This American Life e Serial" 2122
386 psdb 1
387 PsicologiaBR 177
388 PTchan 40
389 PUCRJ "Reddit destinado à Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro" 3
390 pythonbr "Subreddit sobre a linguagem de programação Python, em português do brasil" 75
391 Quadrinhos "Seu ponto de encontro para notícias e descoberta de HQ, Comix, Graphic Novels‎, Charges e mídia geeks em geral" 36
392 racionalidade "Uma comunidade de racionalidade aplicada em Português" 24
393 RainbowSixBrasil 4
394 Rapadura 1
395 rasil "Visite o /brasilivre" 1
396 rbrasil "Subreddit para notícias e discussão de assuntos relacionados ao Brasil" 146
397 Receitas_LowCarb 1
398 recomendo "Sub para compartilhar recomendações de produtos, serviços e qualquer outra coisa que valha a pena" 1
399 RedditMithrilBot 2
400 RedeGlobo 2
401 reinaldoazevedo 4
402 ReinosEsquecidos 2
403 relacionamentos "Chegue ai e conte o seu problema" 5
404 Reliquias 2
405 retrogaming_br "Um subreddit em português sobre os consoles e jogos da era de ouro dos videogames" 94
406 RockInRioBrazil 5
407 rodellus "Junta-te ao movimento e faz parte desta mudança" 1
408 rolesdodaciolo "Rolês do Cabo Daciolo" 25
409 rolesdoronaldinho "Rolês do Ronaldinho Gaúcho (R10) pelo mundo" 648
410 RonaldinhoSoccerCoin 14
411 ronaldo 635
412 Roraima 2
413 rubronegro 29
414 Ruilhe "Assuntos sobre Ruilhe" 1
415 sapucai 12
416 SaraSampaio 3935
417 segurancainformatica "Notícias de segurança informática em Português" 9
418 SelecaoPortuguesa "Subreddit dedicado a todos os escalões da seleção portuguesa de futebol" 1
419 semanasdemoda 5
420 SemCensura "Comunidade dedicada ao 'Sem Censura', programa de entrevistas exibido pela TV Brasil" 15
421 SerGamer "Ser gamer, ser um jogador" 4
422 SexoBR "Uma comunidade destinada a discussões que dizem respeito a todos os tipos de dúvidas/práticas relacionadas ao sexo e relacionamentos" 117
423 shieldbr "Página em português dedicada à entretenimento e notícias sobre a série Marvel's Agents of S.H.I.E.L.D" 2
424 sigaopolitico "Um guia para te ajudar a acompanhar os seus representantes políticos nas redes sociais" 3
425 SLB 5
426 slBenfica 28
427 soccerPT "Futebol em Português" 5
428 sociedade "Esse é um subreddit destinado para a discussão de assuntos pertinentes à sociedade brasileira" 37
429 Solteiros "Local para solteiros e solteiras se descobrirem, conversarem" 64
430 SouthAmericaMemes 828
431 SpamGenericoPT "Posta aqui, que assim ninguém vê nem se chateia" 2
432 SPQAM "O Senado e Povo de Arstotza Magna é uma miccronação fundada no dia 18 de março de 2017, pelo imperador Caesar Vulpes Petrus Machadus" 1
433 stackunderflow "Poste algo útil para desenvolvedores" 52
434 startups_pt "Discussão sobre o mundo das startups em Portugal" 2
435 StateofRiodeJaneiro 28
436 sucodedornosossos 10
437 suicidiorelogio "https://www.cvv.org.b" 2
438 SupercarrosPortugal "Aqui podem pôr todos os carros raros ou invulgares que encontrarem" 12
439 Tapioca 6
440 TarantinoPTBR "Comunidade em português sobre o diretor, ator, roteirista e produtor Quentin Tarantino" 2
441 Taubate "Sugestões para o cidadão de Taubaté e região" 5
442 tema_de_base_preta "Aqui temas para ambientes gráficos cuja sua cor base seja a cor preta" 2
443 terapia 2
444 teste1323323 1
445 TesteSporting 3
446 the_adenor "Este sub é uma homenagem singela a Sua Autoridade Campal, Dom Tite I, Treinador Fenomenal e Defensor Perpétuo do Joga Bonito e à trupe que trará a taça de Didi, Garrincha, Pelé, Romário e Ronaldo de volta ao lar" 300
447 the_bolso "Subreddit dedicado a troca de informações, notícias e discussões sérias sobre a candidatura de Jair Bolsonaro para a Presidência do Brasil nas eleições de 2018" 1
448 timecircojeca 6
449 TioDoBemEstar 1
450 titulodopalmeiras "Títulos recentes do palmeiras" 2
451 Tocantins 7
452 TodosContraOArtigo13 1
453 Tomar "Tomar é uma cidade portuguesa" 4
454 transbr "Um lugar para discutir tudo relacionado a comunidade trans brasileira" 418
455 transumanismo "Sub lusófono para discussão e compartilhamento sobre transumanismo" 2
456 trashyBrazil "Um recorte da sociedade mau caráter, imunda e irresponsável que temos no Brasil de 2019" 14
457 TrocaIniciais "Um subreddit onde podes divertir-te a trocar iniciais" 1
458 TrocasPKMBrasil "Subreddit em português para facilitar os brasileiros, e quem não consegue se expressar bem em inglês" 6
459 TropicalRussians 81
460 tugao "Subreddit sobre futebol" 2
461 TVIPortugal 4
462 TwitchBrasil "Subreddit feito com a intenção de discussão em português de qualquer assunto exclusivamente sobre Twitch ou streaming em geral" 6
463 UFES "Subreddit da Universidade Federal do Espírito Santo" 18
464 ufpr 4
465 ufrgs "Para alunos, professores ou funcionários da Universidade Federal Do Rio Grande do Sul" 25
466 UFSC 139
467 ufscar "Subreddit da Universidade Federal de São Carlos" 13
468 Umbanda 20
469 unb_brasilia "Subreddit para a Universidade de Brasília" 25
470 unexpectedRicardo 94
471 Unicamp "Um canal para noticias e bate papo amigável sobre uma da mais bem conceituada universidade da América Latina" 220
472 UNIFESP 2
473 UnivAveiro "Subreddit não-oficial da Universidade de Aveiro" 3
474 unix_porno_portugues 27
475 uouuuuxi "Versão em português do woooosh" 0
476 UTFPR "Subreddit sobre a Universidade Tecnológica Federal do Paraná, antigo CEFET-PR" 40
477 Vermelho 1
478 vidadigital "Um guia prático para resolver seus problemas digitais" 3
479 VidaSaudavel "Subreddit para pessoas que desejam compartilhar informações e dúvidas sobre qualidade de vida" 4
480 videojogo "Lugar dedicado a videojogos em português" 1
481 VideosEmPortugues "Um subreddit para videos em português" 38
482 VideosPT "Um subreddit para videos em português" 6
483 VIGO "Porta do Atlántico e feudo de Abel Caballero" 93
484 ViraLataComplexo "Coletânea de perolas daqueles que sofre de Complexo de Vira-Lata pela Web" 2
485 virjao 1
486 vitoriaES "Um dia essa comunidade terá vários capixabas" 37
487 WhiskyBrasil "Grupo sobre Whisky em Português" 1084
488 WordPressBrasil "Esse subreddit é dedicado a assuntos relacionados com WordPress em português" 20
489 xiaomibrasil "Comunidade brasileira de usuários da Xiaomi" 4
490 Xuxa 2
491 ytmv 16
492 zico10 "SubReddit dedicado ao Zico, maior jogador da história do Clube de Regatas do Flamengo" 13
493 zika_pt 14
494 ZonaBrasil "Um subreddit em Português de postagem livre, estilo 'doa a quem doer'" 15

Flairs

nome condição de funcionamento
ativo automatizada
novo automatizada
reativado descontinuada
inativo automatizada
sem moderação automatizada
internacional descontinuada

Multireddits

novos
m/emportugues7
m/emportugues8
m/emportugues9
m/emportugues10
m/emportugues11

Lançamentos

nome funcionalidades básicas repositório
Auto-moderador verifica todas as postagens e comentários; remove postagens que não seguem regras básicas do sub; comenta informando a respeito da regra desrespeitada e notifica a equipe de moderação. link
Robô verifica todas as postagens do sub diariamente; posta um comentário fixado com informações sobre o sub linkado em cada postagem; registra o nome de cada sub linkado, comentário feito e postagem analisada no servidor; atualiza os comentários salvos com informações recentes sobre cada sub; verifica a situação de cada sub salvo e atualiza flairs e marcações NSFW de postagens quando necessário; verifica as postagens recentes e remove postagens com links para subs já listados. link
Crawler carrega e confere a lista salva no servidor diariamente, remove subs banidos ou privados da lista e registra no servidor; coleta informações de todos os subs listados e registra todos dados coletados de cada sub listado de forma compacta no servidor. link
Site carrega uma série de recursos e forma a tabela; carrega os dados sobre todos os subs listados salvos no servidor; formata os dados salvos e exibe no endereço emportugues.org uma tabela com informações sobre cada sub linkado em postagens no sub; permite filtragem dos dados por meio de buscas e fornece links relevantes para usuários. link
Aplicativo carrega os dados sobre todos os subs listados salvos no servidor; formata os dados salvos e exibe em dispositivos Android uma tabela com informações sobre cada sub linkado em postagens no sub; permite filtragem dos de dados por meio de buscas e fornece links relevantes para usuários. link
Mais informações sobre os lançamentos na wiki.

Novidades

Esta compilação deveria ter saído há semanas, porém muita coisa aconteceu desde a apresentação do sub em fevereiro de modo que até o compromisso semestral deve ser alterado por conta dos produtos da colaboração com u/6-bit que inspirou o desenvolvimento e criou os códigos fundamentais para toda essa gambiarra funcionar.
Não é tanto, mas foram seis meses trabalhando remotamente no tratamento de dados dos subs listados para lançarmos agora um site e um aplicativo para Android com o banco de dados de subs em português ou sobre cultura lusófona com mais informações do que as tabelas destas compilações e atualizados diariamente graças a um crawler; aqui também aproveitamos para apresentar u/BoEmPortugues para cuidar do sub junto com u/AutoModerator.
Pedimos paciência por parte de vocês ao usarem estas ferramentas porque elas acabam de ser apresentadas, então começaremos a tomar conhecimento de uma série de erros e comportamentos inesperados daqui pra frente; para saber mais sobre o funcionamento e ajudar na manutenção, visitem a nossa organização no GitHub.
Com esses códigos abertos também incentivamos a participação da comunidade lusófona do Reddit no aprimoramento dessas ferramentas e adoraríamos contar com a colaboração de redditors que tenham interesse e competência para colaborar com programação, design, tradução etc.
E não podemos deixar de dizer que ficamos contentes pelo crescimento do sub durante esses meses e agradecer pela confiança; esperamos que a automatização de várias tarefas dentro e fora do sub bem como a administração de dados de quase 1000 subs lusófonos possa melhorar a função principal do EmPortugues que é dar visibilidade a outros subs que falam a nossa língua no Reddit durante o início da era das máquinas.
⟵ 1ª compilação com 503 subreddits tabelados em fevereiro de 2019
submitted by JorgeAmVF to EmPortugues [link] [comments]


2019.08.04 02:52 altovaliriano Os primeiros dias do fandom de ASOIAF e Game of Thrones

Link: https://bit.ly/2KtExQJ
Autora: Alyssa Bereznak
Título original: The Last Popular TV Show (How game of Thrones became the last piece of monoculture)

Padraig Butler não se lembra exatamente quando se tornou Deus-Imperador da Brotherhood Without Banners. Nos últimos 18 anos, o gerente demeteorologia aeronáutica de 43 anos fez uma peregrinação anual à Worldcon, a convenção de ficção científica e fantasia, para celebrar o trabalho de George R.R. Martin, autor de As Crônicas de Gelo e Fogo. E foi quase 18 anos atrás, quando ele viajou pela primeira vez de sua cidade natal, Dublin, na Irlanda, para a Filadélfia, que começou a jornada até Imperador-Deus.
Segundo a história, a recém-criada organização - batizada em homenagem a um grupo fora da lei na série de livros - organizou uma festa em homenagem a Martin. Depois de uma noite de bebedeira, um fã bem satisfeito, conhecido em fóruns online como Aghrivaine (e cujo nome real é David Krieger), presenteou o autor com uma espada e pediu para ser armado cavaleiro. O autor concordou sob uma condição: que Krieger e os outros foliões se juntassem a ele em uma "missão" às 1 da manhã ao Pat’s King of Steaks. Naquela noite, depois que cerca de 20 membros da BWB encheram seus estômagos com a comida local, eles foram apelidados de Cavaleiros do Cheesesteak.
Nos primeiros anos do clube de fãs do livro, quando o tamanho dos encontros da Brotherhood Without Banners ainda era administrável, esses títulos voltados para a comida se tornaram um símbolo de honra. (Os Cavaleiros da Poutine, os Cavaleiros do Deep Dish, os Cavaleiros do Haggis e, lamentavelmente, os Cavaleiros da Lixeira). Por decreto de Martin, foram acrescentadas outras honras para reconhecer a participação. Um membro que tivesse participado de pelo menos três grandes encontros da BWB seria apelidado de lorde. Depois das cinco, um príncipe. E depois de sete, rei. Butler já esteve em 16 Worldcons e cerca de 100 outras convenções relacionadas a Thrones e confraternizações pertinentes, protegendo seu reino há muito tempo por meio de seu título de cavaleiro do Cheesesteak. "Eventualmente perguntaram a George, de que chamaremos Padraig agora?" Butler lembra. "Ele disse: ‘É isso. Ele é um rei. Ele vai ficar rei até que alguém o remova do trono’”. Butler não tem planos de parar. "Agora as pessoas apenas dizem: 'Você é o Imperador-Deus'".
Butler visitou um total de 12 países e quatro continentes para se encontrar com seus companheiros de estandarte, construindo uma rede social internacional digna de um líder mundial consagrado. E graças a uma junção de tecnologia e entretenimento, a série de livros indie pela qual ele se apaixonou nos anos 90 se tornou uma espécie de passaporte cultural, tanto uma razão para ver o mundo quanto uma maneira de se conectar com as pessoas que o compõem.
Ao longo dos anos, ele também assistiu com admiração quando Game of Thrones explodiu e se tornou uma peça onipresente da cultura pop diante de seus olhos. Um dia, ele embarcou em um trem e viu vários passageiros lendo os livros de Martin. Então ele olhou para cima para ver outdoors gigantes anunciando a data de estréia da adaptação da HBO. Eventualmente, seus colegas no aeroporto começaram a discutir o programa como uma fonte de turismo. (Uma atração de 110.000 pés quadrados chamada Game of Thrones Studio Tour será aberta na Irlanda na primavera de 2020.) Depois de quase 20 anos celebrando a série, e vendo-a se transformar em best-seller, programa de televisão, universo estendido e a potência da propaganda, ele ainda acha difícil processar o alcance da franquia. "É tipo: Nossa, isso está em toda parte agora."
[...]
Em 1997, Linda Antonsson estava dando uma olha sua livraria local em Gotemburgo, na Suécia, quando se deparou com uma versão em brochura de A Guerra dos Tronos, de George R.R. Martin. Era o primeiro item no que o autor previa ser uma trilogia intitulada As Crônicas de Gelo e Fogo, e contava a história de várias grandes casas disputando o poder nos continentes fictícios de Westeros e Essos, contada a partir da perspectiva de um punhado de personagens interessantes. O livro tinha sido lançado no ano anterior sem muito alarde. "Realmente não fez sucesso quando saira em capa dura", lembra Antonsson. Mas quando ela começou a ler, foi fisgada.
Ninguém mais que ela conhecia havia lido o livro, então ela se voltou à internet em busca de outros fãs de Martin - o que era uma experiência relativamente nova nos anos 90. "Eu lia muita fantasia, mas nunca tive ninguém com quem conversar sobre fantasia", ela me disse. "Eu tinha todas essas coisas que queria discutir e ninguém para conversar." Os cidadãos suecos não conseguiram adquirir suas próprias conexões dial-up até 1995; antes disso, Antonsson ocasionalmente fazia o acesso no centro de informática de sua universidade, onde estudava arqueologia clássica. Quando ela finalmente conseguiu sua própria conexão à Internet, ela navegou de bulletin board em bulletin board, debatendo desde a trilogia O Senhor dos Anéis, de J. R. R. Tolkien à série de livros A Roda do Tempo, de Robert Jordan. “Era um mundo incrível para se entrar, para poder encontrar todas essas pessoas que compartilhavam seu interesse sobre essas coisas que pareciam bem obscuras.”
Através desses primordiais fóruns da internet, Antonsson também descobriu o ElendorMUSH, um RPG multijogador baseado em texto que simulava o ambiente da Terra Média descrito nos romances de Tolkien. (O termo MUSH significa “alucinação compartilhada por vários usuários” [multi-user shared hallucination]. Isso foi antes de World of Warcraft, quando os computadores não tinham placas gráficas poderosas e os jogadores tinham que usar sua imaginação). Foi lá, na “cultura” que Antonsson havia se juntado, que ela conheceu Elio García. Na época, García estudava literatura inglesa e história medieval na Universidade de Miami. E os dois passaram os últimos anos analisando os detalhes mais sutis da Terra Média em árvores de discussão da Usenet, as precursoras dos fóruns on-line. Depois de terminar A Guerra dos Tronos, Antonsson convenceu o cético García a lê-lo também.
Logo eles estavam navegando juntos. Em 1998, a internet estava sendo amplamente usada como um utilitário de busca de informações em vez de uma rede social. Mas com a ajuda de algumas pesquisas no AltaVista, os dois encontraram tantos fóruns de fãs de A Guerra dos Tronos quanto puderam. Entre seus resultados estava Dragonstone, que García lembra ter sido executado via uma conexão de internet instável na Austrália; Harrenhal, que foi construído sobre a plataforma de serviços web Angelfire da Lycos (quee de alguma forma ainda existe hoje); e um fórum chamado Canção de Gelo e Fogo, dirigido por um usuário chamado “Revanshe.” Isso foi na época em que o mundo do entretenimento estava começando a entender o poder de marketing de mitos na internet. E, ao fuçar os fóruns de fãs dedicados à série Wheel of Time, Antonsson havia testemunhado em primeira mão como pistas e pontos da trama não resolvidos motivavam conversas. Ela viu o mesmo fervor se desdobrando com ASOIAF.
"Algumas das maiores e mais intensas discussões sempre foram sobre mistérios", disse Antonsson. "O primeiro tópico que eu lembro de ter lido no fórum de Pedra do Dragão foi a discussão sobre a paternidade de Jon e as poucas pistas que existiam depois do primeiro livro."
O fórum ASOIAF de Revanshe acabou se tornando grande em 1998, acumulando o que García estimava em cerca de 1.000 usuários regulares. Quando chegou a hora de Revanshe ir para a faculdade de medicina, ela passou o site para García, que já havia se tornado um moderador.
Enquanto isso, García e Antonsson estavam planejando começar seu próprio jogo MUSH em Westeros. Para garantir uma representação fiel, eles colocaram sua formação acadêmica em prática e tornaram-se geologistas, botânicos, zoólogos, antropólogos e historiadores autônomos de Westeros, registrando todos os fragmentos de dados que poderiam extrair de de Guerra dos Tronos em um documento do Microsoft Word chamado “The Concordance”. Eles compartilharam o banco de dados no fórum ASOIAF, pavimentando o caminho para a fundação da enciclopédia on-line feita por fãs, que hoje é conhecida como A Wiki of Ice and Fire. A wiki, que seria desenvolvido alguns anos depois, é composto de 23.081 páginas de conteúdo e passou por 236.642 edições desde o seu lançamento. Também inspirou a fundação de 11 sites irmãos em idiomas estrangeiros.
Observando os fóruns de fãs da Roda do Tempo, eles também estavam cientes de que a correspondência com os autores era freqüentemente perdida em tópicos separados. Então foi nessa época que eles começaram a registrar as entrevistas de Martin, e-mails, respostas em fóruns e postagens em blogs pessoais. (Naquele ano eles fizeram seu primeiro momento de contato com o autor, para pedir permissão para fazer o jogo MUSH. Meses depois, ele concordou, e os dois ainda tocam o A Song of Ice and Fire MUSH como um projeto paralelo).
O crescimento constante dos seguidores on-line de Martin - emparelhado com seu envolvimento na cena de ficção científica e fantasia desde os anos 1970 - gerou uma quantidade razoável de novidades para o segundo fascículo da série de Martin, A Fúria dos Reis. "Martin não pode rivalizar com Tolkien ou Robert Jordan, mas ele se qualifica com perfeitos medievalistas de fantasia como Poul Anderson e Gordon Dickson", escreveu um Publisher's Weekly cautelosamente otimista. À época, Peter Jackson estava se preparando para filmar a trilogia de filmes de O Senhor dos Anéis, e produtores e cineastas que viam potencial no gênero de fantasia começaram a sondar Martin pelos direitos de sua história. (Ele hesitou, convencido de que sua história nunca poderia ser esmagada no formato de filme).
Foi quando a coisa entre García e Antonsson ficou séria em mais de uma maneira. Por dividirem o gosto por Tolkien, Jordan e Martin, um romance floresceu e, alguns meses depois de Fúria ser lançado, García se mudou para a Suécia. Todos com quem eles conversaram sobre a série estavam apaixonados por ela. “Nós tínhamos alguns proselitistas que falavam em arremessar os livros em amigos, familiares, colegas de trabalho, etc.”, disse García por e-mail. “E foi tudo muito orgânico. A Random House não passava seu tempo vasculhando maneiras de nos vender ou fazendo com que trabalhássemos para eles, os fãs só fizeram isso porque gostavam”.Encorajados pelo fato de o livro inicial não ter sido o único, eles lançaram o site Westeros.org, reunindo os fóruns que herdaram, os dados de “The Concordance” e seus registros dos declarações públicos de Martin. Começou como um projeto paralelo executado em um servidor miudo em casa, enquanto continuavam a perseguir seus respectivos objetivos acadêmicos. Mas, eventualmente, se tornaria a principal fonte de análise e informação sobre o universo, seu autor e tudo mais.
Enquanto isso, a série de Martin continuou atraindo mais leitores e tornando-se mais difícil de lidar. O manuscrito de seu terceiro livro, A Tormenta de Espadas, tinha 1.521 páginas, e alguns editores não conseguiram manter tudo em um volume. Mas seu apoio entre a comunidade on-line da fantasia ficou mais forte do que nunca, e a Publisher’s Weekly chamou esse fascículo de “um dos exemplos mais gratificantes de gigantismo na fantasia contemporânea”. Quando foi lançado em 2000, estreou em 12º lugar na lista de best-sellers do New York Times.
No momento em que Martin lançou O Festim dos Corvos em 2005, ele garantiu seu lugar como o proeminente escritor de fantasia da década. O livro chegou ao topo da lista de best-sellers do New York Times e a Time o apelidou de "o Tolkien americano". Mas ele também se deparou com os mesmos problemas com Festim que com Tormenta. Sua solução foi dividir Festim em dois e contar a história de apenas metade dos personagens, em vez de metade da história de todos os personagens. Ele explicou tudo no post scriptum do quarto livro, logo após um final instigante. "Olhando para trás, eu deveria ter antevisto", escreveu Martin em seu site pessoal em 2005. "A história faz suas próprias demandas, como Tolkien disse uma vez, e minha história continuou pedindo para ficar maior e mais complicada."
O que pode ter sido uma limitação editorial frustrante para Martin foi uma fonte quase enlouquecedora de suspense para sua crescente base de fãs. Depois de esperar cinco anos entre o terceiro e o quarto livro, os leitores ainda ficaram imaginando o destino de favoritos como Jon Snow, Tyrion Lannister e Daenerys Targaryen. O próximo fascículo seria lançado em 2011, seis agonizantes anos depois. E foi durante esses períodos de silêncio, quando os fãs não tinham material novo com o qual se ocupar, que eles começaram a se concentrar em criar os seus próprios. "Não tenho certeza se a popularidade que antecede os livros poderia ter acontecido se os livros tivessem saído muito rapidamente", disse Antonsson. “Ter tempo entre uma série de livros é o que alimenta a discussão nas comunidades. Dura mais”.
O acesso digital e as plataformas sociais estavam evoluindo para apoiar esses tipos de obsessões. Entre 1995 e 2005, o uso global da Internet aumentou de 44,4 milhões de usuários para 1,026 bilhão. Plataformas simples para blogs, como LiveJournal, WordPress e Xanga, tornaram mais fácil para as pessoas iniciarem blogs pessoais e compartilharem suas ideias sobre qualquer coisa, independentemente de quão arbitrárias ou específicas. E as primeiríssimas redes sociais da web, incluindo o MySpace e o Facebook, estavam na infância, assim como o conceito de podcasting.
Enquanto Martin continuava atualizando sua base de fãs através de um LiveJournal chamado Not a Blog, seus fãs adoradores lidavam com sua impaciência de formas cada vez mais criativas. A maioria preferiu vasculhar os fóruns de Westeros.org ou Tower of the Hand, onde puderam analisar todas as teorias possíveis em torno de cada enredo e propor suas próprias. Uma facção de leitores impacientes se separou para formar uma comunidade ressentida conhecida como GRRuMblers. O fundador do site Winter Is Coming, Phil Bicking se agarrou a um anúncio de 2007 de que a HBO adquirira os direitos da série As Crônicas de Gelo e Fogo, e redirecionou sua energia para um site do Blogger que registrava o elenco, as filmagens e a produção da série. Mesmo antes de o piloto ter sido filmado, os fãs no site de Bicking começaram a tratar os anúncios do elenco como mistérios não resolvidos. Como um colunista de fofoca, Martin iria postar dicas sobre quem foi escalado para determinado papel em seu blog, para alimentar a chama. "Então a base de fãs passaria dias debruçado sobre aquilo, tentando desvendar o teste", disse Bicking. “Nós descobrimos todos eles. Fiquei chocado que as pessoas foram capazes de descobrir até mesmo Isaac Hempstead Wright, que interpreta Bran, e estava em um comercial antes disso”. Bicking se lembra de ter começado dois tópicos separados para discutir rumores e vê-lo ser encher com quase 1.000 comentários cada um. “Então, eu fiquei tipo: 'OK, eu tenho aqui uma comunidade dedica e de bom”, disse ele. A grande imprensa estava tomando conhecimento". Algum programa de TV recente gerou mais entusiasmo on-line, sendo que nem mesmo é um programa de TV?", perguntou o The Hollywood Reporter em 2010.
Quando a HBO estreou Game of Thrones em 2011, Martin já era famoso. Ele havia vendido mais de 15 milhões de livros em todo o mundo, fora retratado pelo The New Yorker e poderia levar sua legião de adoradores e haters ao frenesi com uma simples foto de férias postada em seu LiveJournal. Tudo isso significava que, quando o programa estreou em 17 de abril, ele se saiu bastante bem segundo os padrões de televisão. Cerca de 2,22 milhões de pessoas assistiram à estreia, o que foi menos do que o número de espectadores conquistados por Storage Wars da A&E e por The Killing da AMC, e mais do que Khloe & Lamar do E!.
Ainda assim, a crítica o recebeu de forma foi irregular. Embora muitos analistas tenham elogiado a capacidade da HBO de estabelecer um palco exuberante e cativante para a história complexa e abrangente de Martin, outros a consideraram um sinal de declínio da rede. Slate o chamou de “lixo de fantasia semi-medieval e repleto de dragões”. O New York Times o descreveu como “drama em traje de época com pingue-pongue sexual”. Em uma fala indicativa de uma conversa muito maior sobre a legitimidade da cultura nerd e sua perceptível falta de inclusão de gênero, a crítica Ginia Bellafante detonou o show por glorificar “a ficção infantil paternalmente acabou atingindo a outra metade da população”, e concluiu que “se você não é avesso à estética de Dungeons & Dragons, a série pode valer a pena”.
Enquanto isso, os servidores da Westeros.org estavam caindo. A agitação que antecedeu a estreia do programa deixou García e Antonsson com cerca de 17.000 membros registrados no Westeros.org. Mas o casal estava totalmente despreparado para a onda de interesse que se seguiu à estréia da série. Na noite em que foi ao ar, o site foi torpedeado pelas buscas do Google, e os dois cuidavam de seu único servidor como um recém-nascido com cólica. Para desviar o fluxo de tráfego, García ajustou o site para que apenas os membros registrados pudessem ver as postagens. "Eu imaginei que isso impediria as pessoas de entrarem", disse ele. No dia seguinte, ele acordou com 9.000 novas solicitações de conta. García passou horas aprovando manualmente os recém-chegados. A espera entre o terceiro e o quarto romance estimulou um aumento lento e constante de fãs, talvez um ou dois mil membros por ano entrando no fórum. Mas com a chegada do programa de TV, eles poderiam acumular vários milhares em um único dia. "Foi impressionante", disse García. “Os membros do nosso fórum chamaram a onda de novas pessoas de 'The Floob' - uma enxurrada de noobs.” Foi nessa época que García e Antonsson abandonaram suas atividades acadêmicas para se concentrarem no site em tempo integral.
Embora o casal tenha perdido alguns dos dados do número de visitantes dos primeiros dias, Antonsson lembra-se de ter assistido a vazão e o refluxo do tráfego em A Wiki of Ice and Fire quando os recém-chegados reagiram aos principais pontos da trama da primeira temporada. Esses picos foram particularmente pronunciados no episódio 9, quando o herói do programa, Ned Stark, foi executado inesperadamente. “Logo após o episódio terminar, todo mundo foi até a página de Ned Stark para checar: Ele está bem? Né?” - lembrou Antonsson. (Ele não estava.) O final da temporada do show foi assistido ao vivo por cerca de 3,04 milhões de lares - cerca de 820 mil a mais do que a estréia. A primeira temporada mais tarde viria a ser indicada para 13 Emmys e ganharia dois, para Melhor Design de Abertura e para a performance de Peter Dinklage como Tyrion na categoria Melhor Ator Coadjuvante em série dramática. Ao matar o herói de Westeros antes mesmo que a temporada terminasse, Benioff e Weiss chocaram seus espectadores menos maduros, agradaram os superfãs dos livros e plantaram uma semente de curiosidade que sustentaria a série ao longo dos próximos oito anos.
O que García e Antonsson testemunharam em seu site naqueles primeiros dias se assemelhava à conversa em duas frentes de Game of Thrones que logo surgiria na mídia e na internet como um todo. Depois de cada novo episódio televisivo, aqueles que não leram os livros (agora presumivelmente na casa dos milhões, tendo em conta a audiência do programa) correm para a Internet em busca de contexto, enquanto os leitores de livros (também uma base crescente) riem de diversão e depois analisam as diferenças entre o show e o cânone. Essa “camada paralela” de conversação, como a T Magazine do New York Times a chamou, pode ao mesmo tempo fornecer aos recém-chegados uma melhor compreensão do universo de Westeros e permitir que os veteranos testassem seu conhecimento detalhado do cânone em contraste com o show.
[...]
E há o Deus Imperador Butler. Embora o programa esteja chegando ao fim e não esteja claro se ou quando os livros remanescentes de Martin serão publicados, a comunidade que ele aprecia sobre Thrones continua viva. Em agosto, muito depois do final da série, ele participará de sua 17ª reunião da Brotherhood Without Banners na Worldcon em Dublin. "Seria meio triste não ir", disse ele.
submitted by altovaliriano to Valiria [link] [comments]


2019.04.20 04:05 roybatty_2049 Me sinto completamente desconectado da minha família. Não consigo lidar com como tudo mudou desde a chegada do meu padrasto

Olá, Brasil.
Sou lurker aqui do grupo há um tempo e, no meio de tantos desabafos com os quais esbarro aqui, decidi fazer o meu também. É algo que me deixa envergonhado e só dividi com uma ex-namorada que tive (com a atual nunca comentei) mas que me machuca bastante por razões estranhas. Bem, vou começar pelo fato em si: eu me sinto completamente separado da minha família, que eu vejo hoje como completamente irreconhecível e da qual não consigo me sentir parte de forma alguma. A culpa disso é do meu padastro, que não fez absolutamente nada de errado. Na verdade, ele é um cara bem maneiro, segundo a percepção geral. Até minha. E eu tenho total noção de que essa ausência de qualquer sensação de pertencimento é mais minha do que de qualquer outra pessoa.
Vou contar a história de forma cronológica, para vocês compreenderem.
Minha mãe e meu pai me tiveram bem jovens, ambos tinham 20 e poucos anos. Combinada, a situação financeira dos dois não era ruim. Meu pai e minha mãe passaram para concursos públicos de nível médio com salários de classe média quando tinham 19/20 anos. Como conseguiram essa estabilidade financeira jovens, decidiram casar. Meu pai biológico tinha um emprego melhor, minha mãe tinha um com uma remuneração menor como assistente administrativo.
Só que, quando eu tinha 2 anos (ela 23, ele 25), eles se separaram. Não foi uma separação amigável, na verdade foi bem caótica. Meu pai começou a fazer faculdade de Direito e o acordo na casa foi de que, uma vez terminada a faculdade dele, minha mãe faria um curso superior. Os dois fazendo trabalho + faculdade ao mesmo tempo não tinha condição, até porque tinham um filho.
O problema é que o casamento desandou. Meu pai traiu minha mãe, depois não cumpriu esse acordo de deixá-la fazer faculdade e ficava postergando, arrumando desculpas. Com o diploma de Direito, ele eventualmente conseguiu passar em um concurso bem melhor e com um excelente salário. E se divorciou da minha mãe tão logo recebeu a notícia de que tinha passado no concurso.
Houve um acordo para pensão de forma informal, mas meu pai vivia o descumprindo, atrasava. Dava um jeito de humilhar minha mãe sempre que faria o pagamento. Isso fez com que ela desistisse de cobrá-lo e eu tive uma infância bem braba: mãe trabalhando, dinheiro escasso, meu pai completamente sumido e a família da minha mãe é muito pequena, então tinha pouca gente para ajudar na criação. Minha mãe é filha única, minha vó materna tem uma saúde extremamente frágil já há algum tempo e meu avô materno a abandonou. A família do meu pai e meu pai nunca mostraram interesse na gente, era como se a gente fosse um acidente de percurso.
Minha mãe ganhava pouco, mas ao menos tinha a estabilidade de um serviço público. Por isso, conseguimos morar numa casa que fica na entrada de uma comunidade extremamente violenta na cidade onde vivemos, tinha uma boca de fumo braba a literalmente 200 metros da minha casa. Não dava para brincar na rua nem nada, nem tinha play.
Criança é criança, então na escola até que minha vida era tranquila. Mas, em casa, minha vida era muito ruim. Minha mãe tentava equilibrar o trabalho full-time comigo, então a casa vivia sempre bagunçada, a alimentação era ruim e não havia luxo. Era uma casa de um quarto só, então nem privacidade rolava direito e eu dormia na sala ou com a minha mãe no quarto. Tudo na casa era meio velho e eu sempre tinha a sensação de que morava numa casa inacabada.
Não faltava comida, mas o resto era bem escasso. Ganhava muita coisa de segunda mão, não tive videogame ou PC, não tinha muito programa na rua porque a grana era pouca e no bairro onde a gente morava as opções públicas eram muito ruins. Minha mãe tinha depressão. Na época, eu não entendia, mas hoje fica bem claro para mim. Várias vezes eu via ela chorando antes de dormir, ou sem forças para fazer nada o dia todo. E ela engordou bastante nessa época.
Essa merda toda me fez ter um carinho enorme pela minha mãe. Eu fiz questão de aprender a lavar louça, cozinhar, ir no mercado e na escola sozinho. Já com uns 10/11 anos, eu era mais independente do que muitos amigos que eu tenho hoje em dia. E isso fez a gente ficar muito próximo como mãe e filho. Não vou mentir, a nossa vida era bem triste, humilde e solitária. Mas nós tínhamos um vínculo de proximidade muito forte e eu me sentia na responsabilidade de tirar ela desse buraco, de ajudá-la.
Aí vem o plot twist inesperado, meu padrasto.
Meu padrasto conheceu minha mãe na adolescência, eles foram amigos por uns anos e depois do segundo grau acabaram perdendo contato completamente. Eles se esbarraram por acaso resolvendo problema em cartório. Ele quis se aproximar, os dois começaram a trocar mensagens pela internet (sim, na época inda era Orkut e MSN) e engataram um relacionamento.
Preciso aqui inserir um parêntese para que vocês entendam que tipo de pessoa é o meu padrasto. Estou falando de um cara bem inteligente, com quase 1,90 de altura, forte para caralho e rato de academia, só que mais calmo do que um monge tibetano e bem sucedido financeiramente e profissionalmente (não era ricaço nem nada, mas tinha uma vida bem confortável). Quando ele aparecia para pegar a minha mãe na nossa rua, parecia que um ator de TV tinha aparecido, a vizinhança inteira parava para vê-lo. Eu mesmo ficava chocado com a situação de tão estranha que era.
Até porque a mulher por quem ele estava nitidamente apaixonado era a minha mãe. Uma mulher bem acima do peso, deprimida, com um emprego ferrado e que morava na entrada de uma comunidade, mãe solteira. Não estou falando que ela não merecia ele ou coisa do tipo, mas era uma situação muito peculiar.
Eu sempre ficava esperando que ia dar uma merda muito grande. Que a gente ia descobrir que ele é um agiota (e eu sabia o que era um agiota porque um vizinho nosso se meteu com um e não foi bonito), um bicheiro, um golpista, qualquer coisa do tipo. Mas não. O cara era realmente aquilo tudo.
Quando o relacionamento ficou mais sério, foi a vez da pequena família da minha mãe e seu círculo de amigas no trabalho ficarem apaixonadas por ele. Todo mundo queria saber mais sobre ele, todo mundo queria conhecer e bater um papo, todo mundo queria pegar dicas de exercício e alimentação, todo mundo queria ouvir a opinião dele sobre alguma coisa, política, negócios. Era bizarro, eu acho que nunca vi alguém cativar tanta gente com tanta facilidade antes.
Eu gosto de comparar ele ao Gastão da Bela e a Fera, só que um bom Gastão, obviamente. Todos esses anos com a minha mãe, eu não vi praticamente nada que o desabonasse, muito pelo contrário. Ele ate ajudou muito ela. Ela recuperou a auto-estima, começou a praticar exercícios físicos, emagreceu e parecia ter rejuvenecido. Sério, minha mãe com 35 tinha cara de 50. Minha mãe com 39 tinha cara de não ter 30. Chega a ser chocante ver as fotos (e meio chato começar a conviver com amigos que acham sua mãe gostosa, mas isso é outro problema).
Ele até tentou, de maneira bem tranquila e respeitosa, se aproximar de mim. Eu tava no meio da adolescência e até deixei no começo, mas eu continuava achando quela situação muito estranha, continuava vendo aquilo como uma intrusão. Eu gostava dele, mas tudo parecia meio irreal.
Aí veio a merda: eu passei para uma faculdade em outro estado.
Nesse período de pouca conexão com a minha família, a sensação foi de que essa sensação de estranheza só aumentou.
O sonho do meu padrasto era ter filhos. E eles tiveram duas meninas. Se mudaram para um belo apartamento em um bairro de classe média alta da cidade. Minha mãe abandonou o emprego público dela e passou a administrar uma franquia que ele comprou para ela. E muito disso rolou enquanto eu estava fora. Toda vez que eu voltava para casa, parecia que tinha rolado uma revolução.
Adendo importante aqui: talvez chamem isso de frescura racial, mas vamos lá. Meu pai era negro, minha mãe parda ou morena clara, como preferirem. Eu sou negro. Meu padrasto é branco em outro nível de brancura, as duas filhas que ele teve com a minha mãe são bem brancas também. Pode parecer besteira, mas isso aprofunda ainda mais essa sensação estranha de não pertencimento. Eu me sinto o cara negro que caiu de para-quedas na casa de uma família de comercial de margarina.
E às vezes eu tenho a sensação de que o meu passado não existiu. Todo esse período de infância e boa parte da adolescência - de perrengue, de roupas herdadas de terceiros, de ir num mercado fodido sozinho enquanto minha mãe tava no trabalho, de ter a luz cortada algumas vezes, de nunca sair com os amigos da escola, de ter só minha mãe como companhia, de viver num bairro quebrado - parece que não aconteceu. É algo tão distante que parece um sonho mesmo.
No meio disso tudo, eu voltei para a nossa cidade depois de terminar a faculdade já tem um ano e me sinto completamente não-pertencente a minha casa. Eu mal reconheço a minha mãe (que agora administra muito bem essa pequena franquia, virou crossfiteira e tem uma animação de outro mundo), minhas irmãs me viram pouco até agora porque passei a maior parte do tempo em São Paulo, e meu padrasto, apesar de sempre tentar se aproximar, parece essa figura que "causou" tudo isso.
Eu não sou idiota nem mesquinho, eu sei que ele é um cara maneiríssimo, trouxe felicidade para a minha mãe, ajudou ela a se reencontrar e é bem correto. Mas, ao mesmo tempo, eu tenho sempre a sensação de que ele roubou minha família de mim. Que parte da minha identidade se perdeu quando minha família se tornou algo completamente diferente com o que eu estava acostumado.
Eu me sinto extremamente frustrado de não ver minha família como família, e sim uma mãe que mal reconheço, um padrasto do qual não sou próximo e duas meninas que parecem viver uma vida completamente diferente da que eu vivi e que possivelmente vão passar pouquíssimos perrengues na vida.
O tempo todo, eu só penso em meter o pé de casa, mas sei que isso não vai resolver tudo. Mas eu queria muito ver a minha família como um ninho, como conforto, como um lugar onde você vai quando tá com problema ou para desabafar. Mas hoje eu me sinto completamente desconectado deles, o que me deixa puto, triste, vazio e frustrado.
E o pior de tudo: eu sei que eu estou errado. Mas eu sinto que roubaram a família que eu tinha. E nem preciso dizer que o almoço de hoje em família só aprofundou mais isso.
submitted by roybatty_2049 to brasil [link] [comments]


2019.02.19 16:47 JorgeAmVF 1ª compilação com 503 subreddits tabelados em fevereiro de 2019

Subreddits

nome descrição abreviada membros
1 091Para "Comunidade de Belém do Pará" 12
2 a7arte "Cinema e TV, filmes e séries, notícias e avaliações a filmes" 729
3 AdrianaLima 5871
4 AJS_BR "O objetivo deste subreddit é debater de maneira saudável, respeitando os indivíduos e a liberdade de expressão e pensamento, os problemas advindos dos movimentos caracterizados como Justiceiros Sociais" 274
5 Ajuda "Obtenha ajuda em português, com assuntos relacionados a reddit.com" 5
6 AjudaBrasil "AjudaBrasil, é um subreddit onde você vai tirar suas dúvidas relacionadas ao reddit.com" 151
7 AlessandraAmbrosio 5529
8 Algarve 373
9 AllTuga "Jull chill no subreddit de tugas, faz o que quiseres aqui é anarquia ahhaha welcome" 30
10 AnaBeatrizBarros 442
11 AnarquismoBrasil "Esse fórum é dedicado a discussões sobre a teoria e prática anarquistas, sua história e desenvolvimento, assim como a interação entre anarquistas, aliados e visitantes que desejam conhecer mais sobre o movimento" 83
12 Angola "Debates sobre qualquer coisa que envolva Angola" 406
13 animebrasil "Um sub em português para os fãs de anime, mangá e cultura pop japonesa num geral" 865
14 animeportugal "Subreddit sobre anime e manga" 250
15 Anitta 152
16 AplicacoesUteis "Sites com informações relevantes, ferramentas ou aplicações em geral" 2
17 arco_iris "Esse subreddit se dedica à população LGBTQ+ de lingua portuguesa" 994
18 Arrependinaro "É melhor jair se arrependendo" 1609
19 artebrasileira "O melhor da arte nacional" 652
20 artept "Fotos e comentario sobre: azulejos metalurgia arquitectura tradicional portuguesa" 14
21 askgaytugas "Inspirado no askgaybros surge o askgaytugas, um local onde o grupo LGBTQ+ tuga pode vir partilhar os seus devaneios, piadas, questões, problemas, etc" 94
22 ateismo_br "Um subreddit para os ateus do Brasil poderem divulgar informações e conteúdo" 125
23 ateismobr 24
24 aveiro 367
25 azores 1224
26 bahia "Subreddit dedicado ao Estado da Bahia" 66
27 barba "Tudo sobre barbas e relacionados, barbudos e barbudetes são bem vindos" 6
28 basquete "Conteúdo e notícias sobre ligas oficiais como NBA e CBL" 5
29 batebola "Um lugar para discutir futebol brasileiro" 13
30 batepapo 416
31 Beja "Tudo de interesse em Beja" 30
32 belempa "Redditors de Belém" 40
33 BeloHorizonte 338
34 benfica "Casa do Sport Lisboa e Benfica, 'O Glorioso', no Reddit" 4785
35 bestofbrasil "Uma lista dos melhores comentários em português do Reddit" 226
36 bicicleta 4
37 bicicletariodejaneiro "Um subreddit para o pessoal de 021 conversar de bicicleta, rotas, bicicletaria, ciclovias, proteção, mecânica etc" 5
38 BigBrotherBrasil1
39 Bissau 11
40 bitcoinportugal "Espaço partilha de informação e discussão sobre Bitcoins & Criptomoedas" 204
41 BitoqueCaralho "Se têm um prato de culinária Portuguesa (de Portugal ou qualquer outro), feitos pela vossa avózinha (abençoada) ou algo que inventaram, partilhem" 557
42 boanoite 20
43 bolha "Não somos nem de esquerda nem de direita, somos a favor da liberdade de expressão e contra o discurso de ódio" 287
44 bolsa "Notícias automáticas em Português ou Inglês" 127
45 bolsadevalores "Aprenda a investir na bolsa de valores, traçando o melhor investimento, as melhores opções do mercado com base na análise técnica e fundamentalista" 94
46 bolsocriticabolso "Tipo o TrumpCriticizesTrump, só que da família Bolsonaro" 18
47 Bolsonaro Subreddit de apoio e apreciação à Família Bolsonaro 1701
48 BolsonaroVsBolsonaro "Subreddit para colecionar momentos de hipocrisia de Jair Bolsonaro" 961
49 bomdia 17
50 bomdiagrupo "Um subreddit dedicado a fazer sátiras às mensagens de bom dia do ZAPZAP" 9
51 botafogo 84
52 BR_Events 39
53 br4r "Seja uma pegação leve, um encontro casual, um amigo com benefícios, namoro, casamento, ou apenas uma amizade, este é o subreddit para brasileiros que querem uma companhia" 186
54 braga 399
55 brasil "A casa dos brasileiros no Reddit" 217150
56 brasil_anarquia "Subreddit brasileiro LIVRE, sem tiranias nem censuras politicas presentes em certos subreddits" 52
57 brasil_drama "O lugar para falar sobre brigas, acontecimentos dramáticos e comentários de outros subreddits brasileiros" 2502
58 Brasil_PPG "Neste subreddit você poderá encontrar pessoas para jogar este jogo, basta criacomentar em um post" 27
59 Brasil_reflexivo "Este subreddit é dedicado ao compartilhamento e, ocasionalmente, discussão de material que provoca interesse e reflexão" 32
60 BRASIL_XXX "BRASIL XXX PORNO BRASILEIRO GRATIS SEXO GRATIS VIDEOS PORNO ,NOVINHAS ,AMADOR" 1111
61 brasil10 172
62 brasil2 "Esse reddit agora é sua tumba cibernética, ao aguardo da ressureição de nosso lord, no terceiro dia" 432
63 brasil420 "Pra galerinha do bem q n quer brasil nem brasil2, só quer discutir coisa boa e matar a larica" 190
64 BrasilAnarchy "Regras: Não há regras" 49
65 Brasilandia "Brasilandia é um subreddit criado para que todos os Brasileiros Brasileiras, pessoas do Brasil, no Brazil e etc possam conversar livremente" 47
66 Brasilball "Um subreddit ao estilo Polandball" 999
67 BrasilBitcoin "Tudo sobre Bitcoin aqui e no mundo" 1871
68 BrasilBItcoinOTC "Balcão de anuncios de Bitcoin" 27
69 BRASILCARALHO 41
70 brasildemocratico 31
71 BrasildoB "Subreddit dos maconheiros, homossexuais, comunistas, beneficiários do Bolsa Família e universitários" 4771
72 Brasileiras 40
73 Brasileirinhas "Aqui nós falamos sobre mulheres brasileiras de dimensões reduzidas" 40
74 Brasileiros 13
75 brasileirosIlustres "Sub para demonstrar personagens importantes e marcantes da história do Brasil" 7
76 brasileirosnoreddit 14
77 brasilethereum 15
78 brasilfeliz "O mundo não se resume a esquerda e direita" 7
79 BrasilFilmes "Compartilhe aqui links para assistir filmes online" 16
80 BrasilGamerPRO "Use este espaço para divulgar suas live stream/vídeos" 42
81 brasilgonewild "Simples, envie suas fotos, preze pela sua privacidade não mostrando seu rosto, e aguarde os comentários" 62
82 brasilgw "Agora um subreddit pra exibir as curvas brasileiras" 83
83 brasilia "Brasília, a capital federal do Brasil" 570
84 BrasiliansGoneWild 243
85 brasilisarb "Um sub desenhado para agradar um público-alvo completamente oposto ao brasil" 245
86 brasilivre "Subreddit brasileiro livre de todo tipo de censura" 10048
87 Brasilivrelivre 71
88 BrasilivrelivreFinal "A comunidade feita para aqueles que se cansaram da censura dos outros Subreddits brasileiros" 41
89 brasilN "Subreddit de testes" 21
90 brasilnews "Reddit com notícias importantes sobre o Brasil" 28
91 brasilnoticias "Reddit voltado para notícias exclusivas do Brasil" 274
92 BrasilOnReddit 3788
93 brasilpics "Comunidade para compartilhar e apreciar paisagens urbanas e naturais do Brasil" 429
94 brasilpolitica "Política no Brasil" 100
95 BrasilPorra 25
96 brasilpqp 14
97 BrasilRoyale "É o primeiro subreddit brasileiro de Battle Roayle ideológico" 17
98 BrasilRPG "É uma comunidade voltada para jogadores, mestres, fãs e criadores de conteúdo em RPGs (Role Playing Games) em português" 49
99 brasilsemfrescura "Aqui você pode falar o que quiser" 18
100 BrasilSimulator "Inspirado no SubredditSimulator, o Brasil Simulator cria um ambiente onde bots interagem criando posts e comentários a partir de uma cadeia de Markov treinada com posts de subs brasileiros" 185
101 brasilx 1
102 brasilxxx 12
103 Bratugal "Por causa dos: NewZanada Ameristralia" 92
104 Brazil "Este sub se mudou para o brasil" 8973
105 brazil_tech_expats "Um lugar para juntar os brasileiros da área de tecnologia que estão espalhados por esse mundão de Deus e uns tantos outros que querem saber mais sobre como é viver e trabalhar fora" 13
106 brazil_vs_argentina 176
107 Brazilerias 40
108 BrazilGirlsOnTV "Brazil Girls on TV" 277
109 brazilhotties 294
110 BrazilianArchitecture 195
111 BrazilianBabes 11546
112 brazilianfartporn 56
113 braziliangoddesses 370
114 BrazilianGP2018lives 197
115 brazilianjiujitsu 2193
116 brazilianmalemodel 420
117 brazilianmusic "Musica do Brasil" 3119
118 brazilians 2651
119 brazilianwhores 241
120 BrazilistheWorst 64
121 BrazilOpenSource "Brazil Open Source é a comunidade brasileira para os amantes da filosofia Open Source e Software Livre" 364
122 BrazilorRussia 57
123 braziltourism 82
124 BrazilVapor 12
125 BrazilvsMexicoLives 97
126 brazucas "O Brazuca's existe desde 2006, sempre focado em dar a melhor experiência para os jogadores" 30
127 brdev "Sub em Português dedicado a T.I., desenvolvimento e engenharia software em geral" 969
128 BrDevelopers "O subreddit para os brasileiros que gostam de programação" 123
129 brengracado "Equivalente ao funny mas para postagens em pt-br" 101
130 Brinquedos "Brinquedos antigos, novos, criativos, originais" 1
131 BRSExplica "Um casal que explica coisas na Internet" 150
132 brugal "Aqui é um lugar para postar, ou achar dicas que irão te ajudar a ser mais econômico no dia-a-dia" 196
133 brvideos "Vídeos com idioma em pt-br vamos nos ajudar, poste mesmo se estiver vazio" 72
134 CaboVerde 46
135 cachaca "Se sente livre a postar qualquer coisa relacionada a cachaça" 38
136 CaldoVerde "Como o trees mas com mais vinho tinto e bigode" 68
137 camara 2
138 campismo "Permitidas apenas publicações relacionadas ao campismo, campings, equipamentos, fotos e videos" 2
139 CampoGrande "Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Brasil" 37
140 CapeVerde "A subreddit for links and discussion related to Cape Verde" 280
141 capeverdeancreole 18
142 Carioca "Brasil, Rio de Janeiro, São Paulo, a civilização, a arte, desporto, cultura, futebol, praias, sol, políticos, sociais, clubes, bares, restaurantes, alimentos, medicamentos, educação, governo, instituições, de carnaval, o parlamento, cinemas, teatros , Religião, fé, lindas garotas" 130
143 carreiras "Este sub é voltado para pessoas que não sabem qual curso superior escolher, qual carreira escolher, ou que querem opiniões sobre possíveis novos rumos para uma carreira já existente" 49
144 carros "Bem vindo ao carros, o subreddit dedicado para discussões, notícias, fotos, vídeos ou qualquer assunto relacionado a automóveis e nossa paixão por estas maquinas do asfalto" 33
145 CartoeseClubes "Neste sub compartilharemos informações sobre cartões de crédito e seus benefícios (salas VIP, seguros, pontos etc.) e de clubes de fidelidade (Multiplus, Livelo, KM de Vantagens dentre outros)" 324
146 cascavel "Subreddit da cidade de Cascavel - Paraná" 7
147 casos_isolados 54
148 castelobranco "castelobranco, para os albicastrenses de gema" 52
149 catioros_inspiradores "O melhor subreddit para você postar imagens de catioros sensacionalmente incríveis, sempre com as melhores frases possíveis para a alegria geral da comunidade" 32
150 ccportugal "Reddit sobre a planta cannabis sativa e suas variantes, informações sobre a planta, estudos científicos, activismo, legalização, vantagens da legalização e tributação (aplicação de impostos), comunidade canábica em Portugal" 121
151 Ceara "É quente" 31
152 celebridades "O fantástico mundo das celebridades" 3
153 CelebsBR "Imagens de celebridades brasileiras" 20662
154 cellbit "Enigmas" 1428
155 cerveja "Criado para assuntos relacionados a cerveja" 36
156 cerveja_artesanal "Uma comunidade para os amantes e produtores de cerveja artesanal" 20
157 Chapecoense 310
158 chapeubranco "Discussão sobre privacidade e segurança online em português" 761
159 chapolin "Reddit para fãs do maior herói do mundo" 3
160 chaves "Reddit para fãs do Chaves" 11
161 ChoquedeCultura "Achou que não ia ter subreddit de Choque de Cultura" 115
162 chorinho 4
163 cienciabrasil 18
164 cienciadedados "Fórum de discussão e aprendizado de Ciência de Dados no contexto do Brasil" 37
165 ciencias "Notícias, Avanços Científicos, Informações e Curiosidades em um subreddit no nosso idioma" 563
166 CienciaSemFronteiras "Ciência sem Fronteiras é um programa que busca promover a consolidação, expansão e internacionalização da ciência e tecnologia, da inovação e da competitividade brasileira por meio do intercâmbio e da mobilidade internacional" 150
167 cienciatododia "Reddit oficial do canal e página 'Ciência Todo Dia'" 65
168 CinemaBrasil "Sub brasileiro sobre cinema em geral" 198
169 CintiaDicker 945
170 circojeca "Igual se o circlejerk fosse uma comunidade do orkut" 7323
171 circojeca2 10
172 Coimbra "Tudo sobre e para a cidade dos estudantes e não só" 800
173 ComidasFeia 2
174 Comunismo 314
175 concursospublicos "Novidades sobre concursos públicos no Brasil" 625
176 conselho_amoroso "Um género de versão portuguesa do relationship_advice" 16
177 ConselhosLegais "Um lugar para perguntas questões legais simples" 607
178 conservadorismo "Comunidade de conservadores brasileiros no reddit" 141
179 Contos "Publicação de todo tipo de Conto" 6
180 copiaEcola "Comunidade dedicada a arquivar copypasta em português" 12
181 Copicola "Para copicolas" 57
182 Corinthians "Subreddit para o time brasileiro com mais torcedores no país" 593
183 corretagem 4
184 Corrida "Levanta a bunda gorda da cadeira e vai correr" 18
185 CozinhaPortuguesa "Um sub dedicado à cozinha portuguesa para inspirar, aprender a cozinhar, experimentar ideias novas e descobrir pratos saborosos, rápidos e saudáveis" 200
186 craftmybox "O CraftMyBox ajuda você a montar seu novo PC: escolha as peças que são compatíveis e com os melhores preços do Brasil" 296
187 CriativosdePortugal "Trabalhos, noticias e artigos relacionados com arte e cultura" 105
188 Criciuma "Subreddit para criciumenses e região" 39
189 Cruzeiro "Este é o lugar para os fãs de Cruzeiro" 181
190 CryptoPortugal 489
191 CSGO_Brasil "Esse subreddit foi criado com a intenção de termos uma comunidade ativa de CS:GO brasileira aqui no reddit" 47
192 Cultura "A casa do Clube do Livro e do Clube do Filme" 515
193 curitiba "Subreddit sobre tudo relacionado à cidade de Curitiba" 732
194 Curtas "Filmes com duração de até 30 minutos, de intenção estética, informativa, educacional ou publicitária" 2
195 desabafo 32
196 desabafos "Comunidade para quem quer desabafar" 5097
197 desporto "Tudo sobre o desporto" 74
198 devpt "Subreddit dedicado a todos os developers em Portugal" 838
199 Dicionario "Sub dedicado às palavras e seus significados" 2
200 Dinossauros "Somente Dinosauros" 2
201 DireitaDoBrasil "Subreddit destinado a brasileiros que são favoráveis a direita política" 8
202 direito "Comunidade sobre Direito, para todos de língua portuguesa" 951
203 DireitosDigitais 27
204 direitosdoshomens "Advogando pela igualdade social e legal de homens e rapazes desde 2015" 131
205 DiretoDoZapZap "As 'melhores' ''piadas'' dos Grupos de zapzap da vida" 5430
206 Documentarios "Postagens de filmes não-ficcionais via sites de vídeo legais, notícias, trailers e tudo que for relacionado a documentários, seja com compromisso total ou parcial com a realidade" 5
207 Dota2BRa 21
208 Dota2Brasil "Comunidade Brasileira do Dota 2" 220
209 DrogasBrasil "Nos fundamos na necessidade do uso consciente das drogas para que possa coexistir com a saúde, evitando abusos e mortes" 288
210 educacaofinanceira "Finanças Pessoais, Empresariais, Investimento entre outros" 64
211 EmPortugues "Coleção de subs que utilizam o português como idioma principal no Reddit" 30
212 empreendedorismo "A procura de sócios e projetos" 65
213 empregos "Encontre oportunidades de trabalho em todo o Brasil" 55
214 enem "Discuta sobre o Enem aqui" 36
215 equatorial_guinea 13
216 EquatorialGuinea 37
217 Eristocracia "Cada homem, mulher e criança é um papa" 10
218 Escalada "SubReddit de escalada no Brasil" 60
219 Escola_Austriaca "Comunidade criada com o objetivo de discutir artigos,livros,notícias e questões sob a ótica austríaca" 31
220 escrevasobre "Versão em português do writingprompts" 386
221 escrita "Um espaço para o convívio entre escritores e aspirantes, e a partilha de textos originais em prosa ou poesia" 303
222 EscritoresBrasil "Um espaço amigável para escritores que querem divulgar seus trabalhos, pedir conselhos e feedbacks, ou que se interessa a ler contos de outros users" 553
223 Espiritismo 68
224 EspiritoSanto "Tudo sobre o Estado do Espírito Santo, Brasil" 35
225 EsporteClubeBahia "O SubReddit do Maior Clube do Nordeste" 27
226 esquerda 30
227 estacionamento "Fotos de estacionamentos feitos por digníssimos conterrâneos, que por falta de tempo ou de inteligência complicam a vida ao seu semelhante numa total falta de respeito pelas mais elementares regras de urbanidade" 159
228 EstadoNovo "Estado Novo Regime" 26
229 estudiodobrasil "Um espaço para brasileiros fotógrafos e cinegrafistas compartilharem seus trabalhos e conhecimentos" 111
230 eu_nvr "Selfies da alma" 5014
231 EuTireiUmaFoto "Comunidade para amantes da fotografia, em português" 120
232 fado 157
233 farialimabets "Subdesenvolvimento, agora também no mercado financeiro" 267
234 faustao "Um lugar para todos os amantes das palhaçadas do Faustão" 5
235 favela 8
236 fazdeconta 1
237 fazeramigos "Um subreddit onde o interesse comum é fazer amigos em Portugal" 455
238 fcporto 1944
239 FCT "Bem-vindos ao subreddit da FCT, a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, situada no Campus da Caparica" 297
240 feijoada 59
241 Feminismo "Poste qualquer conteúdo contra feminismo e justiça social com áudio de preferencia em português/inglês ou com legendas" 41
242 Festas 2
243 filmes "Comunidade dedicado aos fãs de cinema para discussões sobre filmes, séries e afins" 303
244 filmes_e_series "Dê sua opinião sobre filmes e séries" 15
245 filmeseseries "Comunidade brasileira focada na discussão sobre filmes e séries" 521
246 Filosofia "Reddit voltado às discussões filosóficas" 431
247 FilosofiaBR "Aqui é o subreddit para filosofia" 38
248 Filosofias "Este é um espaço livre dedicado à filosofia" 53
249 financaspessoaispt "Um lugar para falar de dinheiro, especialmente para residentes em Portugal" 993
250 fintas "Um lugar para discussão sobre Futebol sem qualquer tipo de restrição" 77
251 FixeeTuga "Subreddit para partilhar cenas que sao fixes e portuguesas" 5
252 Flamengo "SubReddit dedicado ao Flamengo e à maior torcida do Mundo" 820
253 florianopolis 69
254 floripa "Comunidade para os que residem e os que gostam de Florianópolis/SC - Brasil" 38
255 Fluminense "Torcida pó de arroz, estamos no nense" 58
256 foradecasa "Aqui é onde aqueles que emigraram, os que desejam emigrar ou até mesmo aqueles que já voltaram para casa se reunem para trocar informações" 1590
257 Fortaleza "Se você é de Fortaleza ou pretende visitar a cidade, junte-se à comunidade e escreva uma nova mensagem" 154
258 FortalezaEC "Aqui é um reddit que fala sobre o Campeão Brasileiro de 2018,seus resultados e suas curiosidades" 27
259 francesinhas "Tudo sobre francesinhas, fotos, receitas, dicas" 375
260 funana 35
261 FunkCarioca "Juntando todas as vertentes do funk num lugar só" 2
262 Furacao "Subreddit direcionado para todos os torcedores e fãs do Clube Atlético Paranaense" 42
263 futebol "Bem-vindo ao subreddit oficial do futebol brasileiro" 5127
264 futebolbrasileiro "Aqui nós discutimos sobre o futebol brasileiro, competições, times e jogadores" 312
265 futebolnacional "Subreddit onde se irá debater acerca dos jogos e dos clubes de futebol portugueses, em competições nacionais e internacionais" 24
266 futebolpt "Subreddit sobre tudo Futebol em Portugal" 33
267 g1comments "Achou aquele comentário relacionando o final da novela das 8 ao vice-presidente do PT no melhor estilo 'raciocínio do G1'" 1222
268 Galicia 459
269 Galo 110
270 Gambiarra "Faça você mesmo" 2700
271 Gamebiters "Sub-reddit oficial do Gamebiters" 1
272 gamesEcultura "Um lugar para discutir a cultura que a gente consome, com ênfase no videogame" 5194
273 gamingportugal "Um subreddit feito para a discussão de videojogos e da sua comunidade em Portugal" 799
274 GiseleBundchen 1810
275 globo "Subreddit para notícias e conversas relacionadas ao canal brasileiro Rede Globo de Televisão e canais derivados" 48
276 goiania 50
277 Goias 15
278 gonewildBR 101
279 gororoba "Pra quem perdia aula pra ver o Note e Anote" 467
280 gremio 418
281 GuineaBissau 54
282 GuineBissau "Tudo sobre a Guiné-Bissau" 25
283 hiphoptuga "Hip hop Português" 217
284 HistoriaEmPortugues "HistoriaEmPortugues é o lugar para lusófonos que apreciam história" 1050
285 historias_de_terror "Sub destinado à traduções de conteúdos e criação de conteúdos autorais (contos, histórias, relatos) de terror ou suspense em pt-br" 85
286 HojeEuAprendi "Hoje eu Aprendi (HEA)" 118
287 Idiomas "Essa é uma comunidade destinada a todos que tem interesse em idiomas" 416
288 ilhabela "Ilhabela, a capital da Vela" 12
289 ImagesOfBrazil 386
290 Imoveis "Notícias, informações e discussões sobre o mercado imobiliário brasileiro" 6
291 imperio "Subreddit para a discussão da restauração da Família Imperial Brasileira Orléans e Bragança" 11
292 InesperadoCu "Lugar para postar aqueles cus que não eram cus" 742
293 insonia "Contos de terror em português" 1
294 internacional "O sub do Clube do Povo" 160
295 InternetBrasil "Reunindo links e discussões sobre nossa amada rede em nosso amado país" 2398
296 investimentos "Primeiro subreddit em português dedicado a discutir tudo relacionado a dinheiro no Brasil" 6655
297 IST "Tudo sobre o nosso IST" 1103
298 ItHadToBeBrazil 16913
299 IzabelGoulart 693
300 JairSeArrependendo 7
301 jairsecorrompendo "Coleção de notícias de corrupção envolvendo o governo Bolsonaro" 159
302 jardim "Sub sobre Jardinagem e hortas" 192
303 jogatina "O Jogatina é o espaço dos falantes da língua portuguesa partilharem de uma paixão comum a todos, que são os jogos, seja postando notícias, fazendo reviews, divulgando seu trabalho, combinando partidas multiplayer, ou simplesmente jogando conversa fora" 1574
304 jogos "Discussão sobre jogos em português" 437
305 JogosBrasil "Grupo criado com o intuito de interagir e discutir sobre jogos em geral" 43
306 jornalismo "Referências sobre o jornalismo (não) praticado em Portugal" 50
307 Laranjao "Espaço para os cavalheiros (e damas*) do Laranjão discutirem as ironias da vida" 117
308 leagueoflegendsbrazil "Um subreddit para falarmos sobre o servidor brasileiro de LoL" 732
309 leiria "Espaço comum para Leirienses" 306
310 Lennado "Subreddit apenas para os fans do lennado, e que conspiram que ele vai ser o salvador do universo com seu poder" 12
311 LiberalismoSocial "Todos que queiram discutir civilizadamente sobre políticas e tópicos do ponto de vista do Liberalismo Social são bem vindos" 33
312 Libertarianismo "Do estado mínimo até ao anarco-capitalismo este é o espaço de discussão do libertarianismo em português" 425
313 linuxbrasil "Comunidade Brasileira do Linux" 514
314 lisboa "Tudo sobre a cidade das sete colinas: notícias, eventos, turismo, etc" 3931
315 Lisbon 490
316 literatura "Cada história, uma obra literária" 339
317 Livros "Discussões gerais sobre livros, leitura e literatura em língua portuguesa" 2013
318 lixo 1
319 Luanda 4
320 Lusitania 28
321 lutalivre "Subreddit sobre wrestling, em português" 112
322 Macau 1133
323 maceio 36
324 maconha "Sub-Reddit /trees da Comunidade Brasileira, em Português" 484
325 MadeInPortugal "O GoneWild Tuga, para todas as necessidades de encontrar o produto verdadeiramente português" 168
326 Madeira 541
327 Mamatas "Comunidade dedicada a reunir as principais 'mamatas' do Governo Bolsonaro" 112
328 mapas "Mapas de Portugal" 7
329 maputo 22
330 Maromba "A versão em português do fitness" 206
331 masqueporra "A sua coletânea das notícias e artigos do Brasil e do mundo que nos levam à questão: que porra" 457
332 medonho "Criado para compartilhar histórias de fantasmas, assombrações, avistamentos, fatos estranhos, malassombros, extraterrestres, ovnis, anomalias, lendas urbanas ou qualquer conteúdo que aterrorize o leitor" 7
333 MeirellesPresidente "Sub dedicado a apoiar a candidatura e eleição do nosso melhor brasileiro presidenciável" 45
334 MemesBrasil "Um subreddit inteiro dedicado para postagens de memes em português" 1458
335 MemesPortugal "Colecção de memes feitos a partir da cultura, historia e actualidade portuguesa" 914
336 MercadoDeCriptomoedas "Subreddit para notícias,artigos,discussões do mundo das criptomoedas" 1
337 MercadoViagens "Subreddit para notícias e anúncios relacionados a turismo" 48
338 merdasbrasildiz "Porque algumas coisas são boas demais para desaparecer do Reddit" 56
339 MetalLusitano "Espaço de divulgação do Heavy Metal Português" 36
340 mimimi 83
341 MinasGerais "Subreddit dedicado a cultura e turismo do estado de Minas Gerais" 122
342 Mindelo 15
343 Mocambique 13
344 Monarkia "Tragam suas guilhotinas" 1034
345 Monarquia "Monarquia é um subreddit dedicado aos assuntos relacionados à monarquia no Brasil" 114
346 motoca "Motoca é um subreddit que foi criado para unir brasileiros que possuem (ao menos) um interesse em comum: motociclismo" 136
347 Mozambique 311
348 mozambiquenews 18
349 mulheresbr "Sub feminino BR" 20
350 MulherMelancia 173
351 MUSICA 407
352 musicanova "Descoberta de música em língua portuguesa, de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe, Timor Leste, e outros" 1423
353 Musicas "Reddit para apresentação, divulgação e discussões sobre músicas em geral" 86
354 naoesensacionalista "Histórias absurdas e ridículas que não são do Sensacionalista" 629
355 NaoMortoAbraDentro "Versão brasileira do dontdeadopeninside" 52
356 nense "O Fluminense é o único time tricolor do mundo" 200
357 NerdPowerBR "Canal para reunir os Nerds do Brasil, para compartilharmos novidades e discutirmos no nosso próprio idioma, mostrando a força do NerdPower em nosso país" 470
358 niteroi "Subreddit para a cidade de Niterói-RJ, Brasil, conhecida popularmente como Cidade Sorriso, já figurou entre as 10 em qualidade de vida no país" 33
359 noticiasBizarras "Notícias no sense, bizarras, estranhas, diferentes, originais" 2
360 nspot "'Não seguro para o trabalho' vem do termo inglês Not Safe For Work (NSFW) e significa que aqui há conteúdo explícito" 371
361 O_PACOTE "Derivativo do THE_PACK" 914
362 oBitcoin 524
363 omecanismo 79
364 opendata_pt "Neste subreddit pode encontrar notícias e discussões relacionados com dados abertos em Portugal" 354
365 oporto 12
366 OuijaPortugues "Invoque os espíritos é tenha sua resposta definitiva pelo OuijaPortugues, uma versão adaptada à língua lusitana do AskOuija" 144
367 palmeiras "O subreddit do maior campeão do Brasil, a Sociedade Esportiva Palmeiras, e seus milhões de torcedores" 625
368 Parana "Subreddit sobre tudo relacionado ao Estado do Paraná" 157
369 PergunteReddit "Versão brasileira do AskReddit" 260
370 piadas 38
371 pirataria "Base de Dados do MAPiNET" 117
372 podcastbr "Um subreddit brasileiro dedicado ao mundo dos podcasts" 513
373 POESIA "Comunidade para todo conteúdo e discussão relativos à poesia em espanhol/castelhano ou português" 222
374 PokemonGOBrasil "Para jogadores de Pokemon Go no Brasil" 538
375 PokemonGoPortugal "Este é o subreddit da maior comunidade portuguesa de Pokemon Go" 149
376 PokemonGoTuga "Movemos-nos para pokemongoportugal" 88
377 PoliticaBR 54
378 politicabrasil "Sub para discussões políticas no Brasil" 43
379 PoliticaBrasileira "Vamos dialogar sobre política do Brasil" 156
380 politicaportuguesa "Portugal precisa de mais política, de mais debates e de mais opiniões" 312
381 porramauricio "Porra mauricio" 1674
382 porto 2445
383 portoalegre "Leal e Valerosa Cidade de Porto Alegre" 228
384 portugal "Um lugar para discutir apenas artigos relacionados com Portugal ou portugueses no mundo" 60689
385 portugal_economico 26
386 portugal2 586
387 PortugalACultivar 12
388 PORTUGALCARALHO "Subreddit dedicado ao país mais rico da Europa, e o glorioso império Portugues além mar" 10123
389 portugalcirclejerk "Juntos, satirizemos Portugal" 22
390 PortugalConspiracy 29
391 portugalfriends "Se tens falta de amigos e queres conheçer outro portugueses, procura aqui" 14
392 portugalgaming "Bem vindos ao Dominio Sagrado dos Jogos em Português" 63
393 PortugalGaymers "Grupo de Gaymers Portugueses" 55
394 PortugalGoneWild "Para quem conhece ou frequenta o sub gonewild e derivados, as regras são as mesmas" 2514
395 PortugalHive 29
396 Portugaliza "Subreddit para falar sobre Galiza, Portugal, a lusofonía, o reintegracionismo, etc" 14
397 PortugalLaFora "Sub dedicado a todos os emigrantes Portugueses espalhados pelo mundo" 760
398 PortugalMediaNews "Notícias dos meios de comunicação de Portugal" 22
399 portugalnews "Hub de notícias de Portugal" 627
400 PortugalNostalgia "O subreddit para recordar os velhos tempos: tv, cinema, sociedade, etc" 517
401 PortugalOnReddit 792
402 PortugalPics 1119
403 PortugalRPG "Subreddit para Jogadores em Portugal de Role-play de Mesa, tabuleiro e temas relacionados" 22
404 portugaltheman 5852
405 PortugalVegan 236
406 PortugalvsBelgium 17
407 PortuGIF "O local dos GIFs relacionados com Portugal" 259
408 portuguesas 210
409 portuguesbrasileiro "Qualquer coisa em português brasileiro menos spam" 31
410 Portuguese 9183
411 portuguese_tits 74
412 portuguesedoitbetter 26
413 PortugueseFeed 164
414 portuguesegirls 32
415 portugueseliga "Tudo sobre o Futebol Português, desde o Amador até ao Profissional, passando pelo Futsal, a Selecção Portuguesa de Futebol e todos os Tugas que representam o nosso país além fronteiras" 379
416 portuguesepals 19
417 PortuguesePICS "Partilhem fotos interessantes relacionadas com Portugal" 434
418 portugueseproblems 12
419 portugueses "O sub dos portugueses [sem censura]" 255
420 portuguesewaterdogs 74
421 Portusil "Por causa dos: NewZanada Ameristralia" 9
422 PrimeiraLiga "Esta comunidade é dedicada a notícias, resultados e discussão do futebol profissional português, nomeadamente acerca de toda e qualquer competição nacional, bem como acerca das instituições e pessoas que as compõem" 4785
423 PromosBR "Sub dedicado aos redditors brasileiros, para compartilharem promoções com outros usuários" 90
424 Psicanalise "Comunidade em Português de Psicanálise no Reddit" 196
425 punheteiros 15
426 putaria "Essa comunidade foi criada e é mantida exclusivamente para o compartilhamento de pornô e discussões de teor sexual" 1189
427 PutasEVinhoVerde "Só putas e o ocasional vinho verde" 4
428 RadioAmador "Um espaço para discutir e trocar informações sobre o radio amadorismo em Portugal" 40
429 rapidinhapoetica "Sub criado para textos curtos ou poesia escritos em português, sejam escritores profissionais, amadores, ou gente que só escreveu uma vez na vida mas gostou" 875
430 Recife 314
431 ReformaPolitica "Sub criado para discussao de propostas de reforma politica no Brasil" 27
432 ReiDoPaint "O nome é meramente ilustrativo, esse sub se dedica à batalhas e montagens com o PHOTOSHOP e similares" 32
433 restaurantes "Tens algo a dizer sobre um restaurante" 226
434 RevistaMariaResponde "Um sub para resolver problemas sentimentais" 233
435 Rio 19
436 rioave 20
437 riodejaneiro "A cidade maravilhosa" 1724
438 riograndedosul 396
439 rpg_brasil "Espaço brasileiro dedicado à discussão de Role-Playing Games (RPGs) nacionais e internacionais e assuntos pertinentes" 2011
440 salpicao 61
441 Salvador 49
442 samba 97
443 Sampa 2
444 SantaCatarina "Um lugar para compartilharmos notícias e debater assuntos que importem ao estado de Santa Catarina" 65
445 SantosFC 84
446 saopaulo "Subreddit dedicado ao Estado e a Cidade da Garoa: São Paulo" 3003
447 SaoPauloFC 23
448 SaoTomePrincipe 50
449 scbraga 61
450 seducaopt "Todos os conselhos, técnicas e ajuda na arte de sedução, em Portugal" 115
451 selecao 7
452 Semeando "Primeiro subreddit de plantas em português" 157
453 senado 2
454 Sergipe 11
455 Sertanejo 4
456 Setubal "Notícias de Setúbal" 129
457 SitesUteis "Aplicativos com funções úteis para o dia dia em geral" 1
458 Soberano "Maior subreddit sobre o São Paulo FC" 281
459 soccerCARALHO 41
460 solteafranga "Para Redditors que querem ser vistos" 615
461 somluso "Subreddit dedicado à discussão de musica em geral, com especial destaque para a música portuguesa" 1222
462 SPFC 103
463 Sporting 29
464 SportingCP "Tudo sobre o Sporting Clube de Portugal" 2658
465 sportrecife 27
466 standupbrasil "Espaço para brasileiros discutirem tudo sobre Stand Up Comedy" 26
467 SubredditsPortugueses "Um sub para partilhar e apresentar subreddits Portugueses" 17
468 TascaDoZe "Um local para beber um copo e conversar com os amigos em português" 87
469 territoriolivre "Espaço dedicado à cooperação e debate de ideias, projetos e propostas do Movimento Brasil Livre" 145
470 Timor "Timor Leste" 144
471 timorleste "Subreddit sobre Timor Leste" 43
472 TinderBR 690
473 tiodopave "Para as piadinhas feitas pelo seu tio gordo no churrasco da família" 6465
474 TiTiTi "Ok, Ok" 44
475 tuga4tuga "Versão portuguesa do DirtyR4R" 28
476 TuGaOwninG "Reddit aqui pra malta e pronto" 26
477 Tugasnuas "Reddit para postar tugas amadoras nuas, seminuas ou pouco vestidas" 31
478 turismobrasil "Links e discussões sobre viagens e turismo no Brasil" 72
479 ueee "Imagens que fazem você falar 'uéee'" 214
480 uerj "Universidade do Estado do Rio de Janeiro" 3
481 ufmg "Subreddit para alunos, ex-alunos, colaboradores e professores da Universidade Federal de Minas Gerais" 4
482 uminho "Subreddit da Academia e dos habitantes do Minho" 133
483 uporto "Grupo dedicado aos assuntos e notícias relevantes à comunidade da Universidade do Porto" 113
484 URSAL 410
485 USP "Subreddit criado para assuntos relacionados à Universidade de São Paulo, desde festas até protestos, palestras e o que o valha" 171
486 Vagas "Este é um sub focado em compartilhar vagas, relatar experiencias, dar dicas de processo seletivo e entre outros assuntos relacionados" 1386
487 valetudo 169
488 valetudointernacional 77
489 vasco "Sub para assuntos relacionados com o Club de Regatas Vasco da Gama" 170
490 veganismobrasil "Esse é o subreddit brasileiro sobre veganismo" 88
491 velhos_na_internet "Semelhante ao oldpeoplefacebook, mas em português" 114
492 vergonhaalheia "vergonhaalheia é o lugar para vídeos, imagens ou histórias de situações vergonhosas" 227
493 vergonhaalheira "Uma espécie de cringe para os falantes do português, porque há tanto recheio para essa chouriça" 555
494 Vestibular "Subreddit destinado aos jovens brasileiros que pretendem prestar o exame para entrar em universidades" 19
495 viana 85
496 VideosLegais "Vídeos legais, criativos, originais, diferentes" 1
497 vinho "Tudo sobre vinho Português" 83
498 VocePrefere "Popular jogo 'O que você prefere', onde são mostradas duas opções e deve-se escolher uma delas, com uma justificativa" 2
499 WackyZapZap "Um lugar pra postar imagens que saíram do ZapZap mas sofreram mutações" 124
500 wrestlingportugal "Um sub-reddit para os fãs de wrestling portugueses discutirem Professional Wreslting nacional e estrangeiro" 7
501 youtubebrasil "Um lugar para compartilhar e divulgar vídeos com qualquer conteúdo brasileiro" 313
502 ZeroQuatroMidia "Canal oficial para falar com quem curte os vídeos da ZeroQuatroMídia, ou só games em geral" 22
503 Zuera 17

Flairs

nome critério de marcação
ativo para subreddits com postagens regulares que não se encontram nas condições dos outros flairs
novo para subreddits criados recentemente, isto é, nos últimos 6 meses
reativado para subreddits que não estavam ativos ultimamente e voltaram a ter postagens regulares recentemente
inativo para subs em que a postagem mais recente já está trancada por ter sido feita há pelo menos 6 meses atrás
sem moderação para subreddits que não têm moderadores com conta ativa
internacional para subreddits sobre cultura de país lusófono, mas que não utiliza o idioma português e é voltado para público estrangeiro

Multireddits

novos
m/emportugues1
m/emportugues2
m/emportugues3
m/emportugues4
m/emportugues5
m/emportugues6

Novidades

Como as postagens no Reddit ficam abertas por 6 meses, a previsão é que esta postagem funcione dentro desse prazo para receber comentários caso haja interesse; quando a postagem fechar, uma nova postagem similar deve lançar novidades.
Peço a ajuda de vocês para manter o sub ativo a fim de motivar sua manutenção e também para auxiliar outros moderadores a manterem os subs que administram vivos já que parte considerável dos subs em português tendem à inatividade.
Assim, convido usuários e moderadores de outros subs e, principalmente, de subs novos e reativados a postar subs conforme o padrão adotado nas demais postagens, bastando: copiar e colar o link do sub, escrever a descrição abreviada, selecionar o flair adequado e pronto!
A intenção é que EmPortugues possa servir como newreddits, shamelessplug, NOTSONEWREDDITS, newsubreddits, promotereddit, freepromote e freeadvertising a fim de viabilizar subs em nosso idioma e para tomarmos conhecimento de novos subs lusófonos e afins já que não temos tanto espaço nos subs citados justamente pela barreira do idioma.
Quem tiver dúvidas ou quiser oferecer algum tipo de ajuda para levar este projeto adiante, basta responder à versão original desta postagem e eu agradeço pela cooperação de quem está lendo.
⟶ 2ª compilação com mais 494 subreddits tabelados em outubro de 2019
submitted by JorgeAmVF to EmPortugues [link] [comments]


2019.01.04 03:04 l4y3r8 [DATA] Trabajo de QA (Quality Assurance) Manual y Automation

El comentario que publiqué en un post sobre búsqueda laboral generó muchas consultas. Por lo visto a varios les interesó, asi que hago este post para resumir toda la información que publiqué y también respondí en preguntas que me mandaron por mensaje.
Si entraste a este post y no sabes de que corno estoy hablando, pegale una leida. En resumen: estoy dando una guia para conseguir un laburito piola, comodo y bien pago. Hay que ponerse a estudiar en casa, pero no es tanto y vale la pena (equivalente a rendir 1 o 2 finales para la facultad). Lo que si, es excluyente en el 90% de los casos, saber Inglés. Mas abajo lo detallo mejor.
Escribí esto de una sola pasada, asi que a medida que me vaya acordando de cosas, voy a ir updateando el post principal y agregando la data que vaya respondiendo de las consultas que surjan.
Todo lo que explico en este post, no aplica por igual a todas las empresas de informática. Hay algunas que exigen mucho mayor nivel de conocimiento tecnico (como el caso de Despegar . com que solo contrata gente estudiando carreras relacionadas o recibidos). Y hay muchas otras, que con tener estos conocimientos bien sabidos, podes formar parte de un proyecto sin problemas.
Si alguien del rubro está leyendo esto y encontró algun error o tiene algo para aportar, dejenló en un comentario asi lo sumo.
UPDATE Agregados los aportes de los comentarios hasta el viernes 4/1/2019 7:50pm CTRL+F "aporte de" para buscar los updates 






submitted by l4y3r8 to argentina [link] [comments]


2018.05.23 22:11 sebastianlizardi Moción de confianza sobre Pablo Iglesias e Irene Montero

Buenas
.
Quiero expresar mi total apoyo a Pablo Iglesias e Irene Montero.
.
Al que le interese dedicar unos minutos para leer tranquilamente por qué defiendo esta posición, a continuación explico mis motivos.
.
Este cuestionamiento de la credibilidad de Pablo Iglesias e Irene Montero, surge de la noticia de la compra por parte de ambos de una vivienda de 600.000 euros. En todos los medios de comunicación, en todas las televisiones, en todas las radios, en todos los medios escritos, en todas las redes sociales, en todos los foros de internet, no se habla de otra cosa que no sea la compra de la vivienda de Iglesias y Montero. Los argumentos para criticar a Iglesias y Montero por comprar esa vivienda son de todo tipo, desde la demagogia más rancia hasta interesantes reflexiones de personas consideradas progresistas y de izquierdas.
.
Se ha dicho que Iglesias se ha convertido en casta, en la misma casta corrupta que el mismo criticó siempre. Se ha comparado a Iglesias con Felipe González por su falta de ética. Se ha dicho que Iglesias demuestra falta de coherencia al hacer lo mismo que él criticó, en alusión a un tuit sobre la compra de otra vivienda por parte de Luis de Guindos, así como a una declaración en un programa de Ana Rosa Quintana sobre el aislamiento de los políticos que viven en chalets. Se ha dicho que Iglesias es un hipócrita. Se ha dicho que 600.000 euros es demasiado dinero para una vivienda de un político de izquierdas. Se ha dicho que esa vivienda es demasiado lujosa porque tiene jardín y piscina, que Iglesias se ha aburguesado, y que por tanto ya no representa a la clase trabajadora. Se ha dicho que Iglesias debió comprar una vivienda menos ostentosa y que no eligió bien la localidad en la que vivir, puesto que Galapagar es una ciudad vinculada a las clases altas y al PP, y que por tanto debió comprar o alquilar otra vivienda en otra localidad distinta. Se ha dicho que Iglesias debió esperar a dejar de ser secretario general para más adelante comprarse una vivienda como esa. Se ha dicho que la compra de esa vivienda es un error de Iglesias, porque un político tiene que vivir como la gente a la que representa. Se ha dicho que Iglesias ha cometido un error de cálculo al no prever la reacción mediática que podía causar la compra de esa vivienda, que por tanto ha sido una torpeza política que finalmente terminará restando miles de votos a Podemos debido a la desilusión que ha provocado. Se ha dicho que esta consulta que se vota hoy es un error porque se está trasladando lo que es una responsabilidad individual, el error de una persona, a toda la organización, y con ello se está haciendo partícipe a todo Podemos del error de Iglesias. Se ha dicho que esta consulta es un plebiscito bonapartiano que demuestra el talante autoritario y antidemocrático de Iglesias. Se ha dicho que Iglesias debe simplemente dimitir por la compra de esa vivienda.
.
Muy bien. No estoy de acuerdo con ninguno de estos argumentos. Explico mis motivos.
.
En primer lugar Pablo Iglesias e Irene Montero han comprado esta vivienda de forma legítima, con su dinero ganado honradamente, con sus ahorros, con la ayuda de sus padres que también ganaron su dinero trabajando honradamente toda su vida y pudieron ahorrar para poder ayudar a sus hijos (ambos Pablo e Irene son hijos únicos), con una hipoteca a 30 años, y con sus sueldos, que afortunadamente, son sueldos dignos. Se trata de la compra de una vivienda absolutamente legítima. No es un regalo. No es un privilegio. No es un trato de favor por estar en la posición en la que están. No es un trato de favor a cambio de favores políticos. No es el Jaguar de Jesús Sepúlveda. No son los trajes de Francisco Camps. No es el máster de Cristina Cifuentes. No son las prostitutas de Rodrigo Rato. No son los safaris de Juan Carlos de Borbón. No es casta.
.
Respecto a la cuestión ética. Se han dicho muchas cosas sobre Pablo Iglesias e Irene Montero. Lo que no se ha dicho, lo que todos los medios de comunicación olvidan, qué casualidad, es que según el código ético de Podemos todos los cargos públicos pueden percibir como máximo un sueldo de tres salarios mínimos españoles, y el restante deben donarlo. Así lo hacen Iglesias y Montero al igual que todos los cargos públicos de Podemos. El sueldo de un diputado son entre 6.000 y 7.000 euros al mes, eso es lo que cobra cualquier diputado del PP, del PSOE o de C’s. Iglesias y Montero reciben tres salarios mínimos. El SMI son 735,90 euros al mes. Por tres son 2.207.70 euros. Es decir Iglesias y Montero ingresan 2.207.70 euros al mes, y los más de 4.000 euros restantes los donan, tal como estipula el código ético del partido. Este código ético también establece que todos los cargos del partido deben publicar su declaración de bienes e ingresos en la web de transparencia de Podemos. Como se puede ver aquí [https://transparencia.podemos.info/] en la web de transparencia están publicados todos los datos financieros del partido, todas las entradas y salidas de dinero en detalle. También están todos los datos de todos los cargos públicos. Aquí está la declaración de bienes de Pablo Iglesias [https://transparencia.podemos.info/cargos-publicos/congreso/pablo-iglesias-1], y aquí la de Irene Montero [https://transparencia.podemos.info/cargos-publicos/congreso/irene-montero-gil]. Como se puede ver en la web, Pablo Iglesias publica la información de todas sus propiedades, como una vivienda rústica en Ávila por valor de 13.000 euros, todos sus vehículos, como una motocicleta scooter por valor de 2.600 euros, todos sus ingresos, como los que percibe por su trabajo en la productora de TV Producciones Con Mano Izquierda, o por la venta de los libros que ha publicado, y el dinero que tiene en todas sus cuentas bancarias, en las que se ve que tiene ahorrados unos 100.000 euros, ahorros que ya tenía desde antes de fundar Podemos. El nivel de transparencia es el que es, no hace falta hacer ningún comentario, salta a la vista. En cualquier caso no está de más compararlo con las webs de “transparencia” de los otros partidos. La del PP [http://transparencia.pp.es/], la del PSOE [http://www.psoe.es/transparencia/], la de C’s [https://www.ciudadanos-cs.org/transparencia]. Miren y compraren. Juzguen por ustedes mismos. Yo lo tengo claro. Pablo Iglesias e Irene Montero son éticamente intachables, al igual que todos los cargos públicos de Podemos que cumplen con el código ético del partido.
.
Respecto a la incoherencia que implica comprar esa vivienda después de determinadas declaraciones de Pablo Iglesias. Estas declaraciones, tal como se han difundido por los medios de comunicación y por las redes sociales, son dos. La primera es un tuit de 2012 en el que Pablo Iglesias decía que no se puede confiar en un político como Luis de Guindos, que se había comprado un ático de lujo por 600.000 euros. Sobre esto hay varias cosas que decir. En primer lugar el tuit es de 2012 (Podemos se fundó en 2014), y Pablo Iglesias no tenía ninguna responsabilidad política en ese momento. En segundo lugar, se trata de un caso diferente. Por un lado, la vivienda de Iglesias y Montero es comprada por dos personas al 50%, por tanto estamos ante una compra de vivienda por valor de 300.000 euros por persona, la mitad del valor de la vivienda de Luis de Guindos, la mitad. Por otro lado, Luis de Guindos, antes de ser ministro de economía, fue miembro desde 2004 del Consejo Asesor de Lehman Brothers, uno de los bancos de inversión más grandes del mundo, especializado en la especulación inmobiliaria, que quebró el 13 de septiembre de 2008, provocando la crisis financiera más grave de la historia desde 1929. No se puede comparar la especulación inmobiliaria a la que se ha dedicado durante años Luis de Guindos, con la compra de una vivienda para vivir en ella con tu familia, pagándola con dinero ganado honradamente, pagando impuestos, pidiendo ayuda a los padres, con una hipoteca a 30 años (Iglesias tiene 39 años, terminará de pagar cuando tenga 69), y cumpliendo el código ético, cobrando tres salarios mínimos y donando el resto. Esa comparación me parece miserable. La otra declaración es una entrevista informal con Ana Rosa Quintana en Vallecas, el barrio de Pablo Iglesias, en la que dijo que le parecía peligroso que los políticos se aislasen viviendo en chalets en Somosaguas. Lo cierto es que Pablo Iglesias tuvo que mudarse de Vallecas por el acoso de los periodistas. Se alquiló un piso en Rivas Vaciamadrid, una ciudad históricamente gobernada por la izquierda. Al parecer vivir en un piso de 50m en Rivas Vaciamadrid es lo que debe hacer un buen comunista, por “coherencia” con su ideología. En fin. Iglesias lo hizo, se alquiló su piso de 50m en Rivas, pero resulta que también allí le acosaban los periodistas. Iglesias siempre ha dicho que está dispuesto a asumir niveles de exposición y de invasión de su privacidad, sin embargo está dispuesto a asumir esos niveles de exposición para él mismo, pero no para sus hijos, y su compañera Irene Montero está embarazada de mellizos. Galapagar es una ciudad gobernada por el PP, y en donde vive gente con alto poder adquisitivo, pero también es una localidad más tranquila y donde se puede vivir con más privacidad.
.
Respecto al alto precio de la vivienda, 600.000 euros, entre dos personas son 300.000 euros cada uno. Con los ahorros de Iglesias, que a sus 39 años ha conseguido ahorrar 100.000 euros, más la ayuda de los padres de Montero (el padre trabajó de mozo de mudanza toda su vida), han pagado la entrada de la casa, 60.000 euros. El resto, 540.000 euros, lo pagarán con una hipoteca a 30 años. En cualquier simulador de internet se puede calcular la cuota mensual, que son 1.600 euros. Entre dos personas son 800 euros al mes cada uno. Los dos tienen sueldos de 2.207.70 euros al mes. Una persona que cobra 2.207.70 euros al mes y paga 800 euros de vivienda, está destinando el 36% de sus ingresos a su vivienda. Es más que razonable. De hecho lo normal es pagar más por tu vivienda y esto lo sabe todo el mundo. Pero, ¿por qué Galapagar? ¿por qué comprar una vivienda con jardín y piscina? ¿por qué comprar una vivienda tan cara? Como ya he dicho, Galapagar es una ciudad tranquila, donde se puede vivir con privacidad, Iglesias y Montero dicen tener amigos allí, también dicen que les gusta el método alternativo de enseñanza de un colegio público de Galapagar, y quieren educar a sus hijos allí, también dicen que tienen tres perros y quieren tener una casa grande con jardín. Eso han dicho. La verdad, yo puedo explicarlo mejor que ellos. Se han comprado esa casa porque les sale de los ovarios comprarse esa casa y no tienen que dar explicaciones a nadie. Es su derecho vivir donde ellos quieran y comprarse la vivienda que quieran con su dinero ganado honradamente, con la ayuda de sus padres, con sus tres salarios mínimos, donando el resto, cumpliendo con el código ético del partido. Les sale de los ovarios comprarse esa casa y punto. ¿Y por qué 600.000 euros? Pues la especulación inmobiliaria, gracias a las políticas económicas del PP (y también del PSOE), ha provocado un aumento desorbitado del precio de la vivienda, especialmente en la Comunidad de Madrid. La realidad es que una casa con jardín no baja de 600.000 euros en ningún sitio de la CAM. Lamentablemente es lo que cuesta una vivienda en la Comunidad de Madrid. Y digo lamentablemente porque es verdad que no todos tenemos un sueldo de 2.207,70 euros al mes. Y efectivamente no todos, la mayoría, no podemos comprarnos una vivienda en la Comunidad de Madrid. La especulación inmobiliaria es en mi opinión el problema más grave que hay en España, causó la crisis de 2008, y está causando una nueva crisis ahora, tal vez más grave que aquella. ¿De quién es la culpa? ¿De Pablo Iglesias por comprarse una casa? ¿O de los gobiernos del PP y del PSOE?
.
Hasta aquí las críticas a Iglesias y Montero son en mi opinión pura demagogia. Pero luego nos encontramos con reflexiones publicadas en algunos medios considerados progresistas como eldiarioes, público o ctxt. En ellas encontramos argumentos como que Pablo Iglesias ha cometido un error de cálculo al no prever la reacción mediática que podía causar la compra de esa vivienda, que por tanto ha sido una torpeza política que finalmente terminará restando miles de votos a Podemos debido a la desilusión que ha provocado. Quisiera centrarme en este argumento.
.
Pablo Iglesias e Irene Montero han publicado una carta titulada “No te metas en política”, puede leerse aquí [https://www.eldiario.es/politica/Podemos-denunciar-Iglesias-Montero-compra_0_773073068.html], en la que denuncian que están siendo acosados, ellos y sus familias. La campaña de acoso es evidente, militantes de extrema derecha de las juventudes de Vox han colocado una pancarta en la nueva casa de Iglesias y Montero que dice “Wellcome refugees and okupas”. Se han publicado ecografías de los hijos. Se han publicado el patrimonio y fotos de los padres de Pablo. En todas las televisiones, en todos los medios de comunicación, en todas las redes sociales, se está hablando de los metros cuadrados de la casa de Iglesias y Montero, de la piscina, de cuántas ventanas tiene, del tipo de interés del crédito hipotecario. Se trata de una campaña de desprestigio coordinada por todos los medios de comunicación. Voy a ser sincero, estoy tratando de no ser un fanático pablista, de ver las cosas con objetividad, y de asumir determinadas críticas sobre el discurso de Podemos que puede caer en contradicciones, contradicciones algunas que yo critiqué en su momento, en los canales adecuados. Pero creo que todo esto es un despropósito. ¿Soy el único que ve con claridad este asunto? Aquí lo grave, lo verdaderamente grave, es la campaña de acoso a la familia de Pablo Iglesias. Esta campaña de acoso, en mi opinión puede ser constitutiva de delito, pero lo que es seguro es que es un incumplimiento del código deontológico del periodismo, no como la compra de la vivienda de Iglesias, que no solo es perfectamente legal y pagada con dinero ganado honradamente, sino que también cumple perfectamente con el código ético del partido. Los responsables de este acoso son los medios de comunicación, incluyendo los medios progresistas. Los medios de comunicación. Volviendo al argumento "Pablo Iglesias cometió un error de cálculo al no prever la reacción mediática". ¿Acaso una víctima de acoso tiene que prever que la van a acosar? Puede hacerlo, puede preverlo, pero, la pregunta no es si puede preverlo, la pregunta es, ¿debe hacerlo? ¿Acaso es su obligación prever acciones contra él que pueden ser posiblemente ilegales y con seguridad incumplimiento del código deontológico periodístico? ¿Debe preverlo? ¿Debe preverlo y actuar en consecuencia? ¿Debe comprarse una casa diferente a la que él quiere comprarse? ¿Debe vivir en un piso de 50m en Rivas Vaciamadrid porque eso es lo que hacen los buenos comunistas? ¿Debe elegir la casa que va a comprar previendo la reacción mediática? ¿Acaso una mujer que sale a la calle sola por la noche y con minifalda debe prever que la pueden violar o la pueden acosar? ¿Quién comete el "error"? ¿La mujer que sale a la calle sola de noche y con minifalda o el hombre que la viola o que la acosa? Obviamente las mujeres pueden salir a la calle solas de noche y ponerse la ropa que quieran, sin que nadie juzgue su estilo de indumentaria, y a quienes hay que perseguir es a los acosadores y a los violadores. Eso es obvio. Pues en el caso de Pablo Iglesias yo veo la misma lógica. Aquí lo que hay es una campaña de acoso, una campaña de desprestigio y de destrucción de una persona y su familia, que es responsabilidad directa de los medios de comunicación.
.
Estas campañas de desprestigio son una lacra para la calidad democrática de cualquier país. En el caso de Podemos se trata de una campaña de desprestigio y acoso, que comenzó hace cuatro años y no ha parado nunca desde entonces, no descansan ni los fines de semana, todos los días una noticia difamatoria, cada día una cosa diferente. Van probando noticias de todo tipo, hasta que dan con una que causa efecto en el público, y entonces la explotan. Ahora parece que han dado con la adecuada. Esta noticia ha causado indignación a nivel internacional. Eso significa que esta campaña es efectiva, da resultados, por eso la explotan. Se trata de un ataque coordinado y sin tregua. Es gente sin escrúpulos, basura de personas que se venden por cuatro monedas. Los que les pagan por buscar tuits de Pablo Iglesias del año 2012. El twitter de Pablo Iglesias tiene 18.000 tuits, para que se vea del tipo de ejército que tiene esta gente en las redes sociales, son los mismos que escriben en masa mensajes de odio en las redes sociales. En internet y en las redes hay ejércitos de trolls pagos, en todo internet. La manipulación es igual o peor que en los grandes medios de comunicación. ¿Quién paga a estos ejércitos de trolls? Pues, tal como se explica en este artículo de 2016 [https://www.eldiario.es/zonacritica/trolls-mercenarios-servicio-PP_6_562103810.html], en algunos casos se pagan con dinero público, o sea lo pagamos nosotros, algunos gobiernos del PP como el de Esperanza Aguirre en la Comunidad de Madrid invierten dinero público en estas campañas. En la mayoría de los casos los paga la trama Púnica, o sea la mafia. Son básicamente las cloacas del estado. El daño que hacen es miserable, y su objetivo es claro, seguir trincando, quieren seguir recibiendo esos contratos públicos. El dinero del estado, que es mucho dinero, no quieren que se reparta o se redistribuya, lo quieren para ellos, me refiero a los contratistas de la Púnica, son ellos los que pagan a empresas de servicios de internet para que hagan campañas de desprestigio en redes, tienen formas de influir en periodistas y medios de comunicación para que difundan sus noticias, incluso medios progresistas, luego ellos les dan tratamiento a través de las redes con sus ejércitos de trolls. Así se moldea una campaña de desprestigio. Es todo un trabajo, lo tienen perfectamente diseñado. Todo para desprestigiar a la izquierda, para que sigan gobernando los mismos y ellos puedan seguir recibiendo sus contratos públicos. Esa gentuza, es inhumana, no les importa destruir seres humanos, no les importa nada, su única ideología es el dinero.
.
Estas campañas de desprestigio, en la mayoría de los casos están dirigidas a políticos de izquierdas, pero no siempre es así. Existen algunos casos de políticos de derechas víctimas de campañas de desprestigio. El ejemplo más claro es el caso de Cristina Cifuentes, una política del PP que presuntamente está implicada en el caso de corrupción Lezo, y presuntamente ha cometido un fraude universitario con el máster de la URJC. Por esos presuntos delitos, Cifuentes deberá responder ante la justicia. Se respeta su presunción de inocencia hasta que haya una sentencia judicial, y tiene derecho a defenderse. Sin embargo no ha sido así desde que el periodista considerado progresista Ignacio Escolar destapase el escándalo del máster. No se ha respetado la presunción de inocencia de Cifuentes. Ha sido declarada culpable desde el primer día por todos los medios de comunicación sin excepción, y en todas las redes sociales. Muy bien, esto tiene un nombre, y se llama campaña de desprestigio. En mi opinión es claro que esta campaña es una maniobra gatopardiana para tumbar al PP en la Comunidad de Madrid pero continuar sus políticas con un eventual gobierno de C’s en 2019. Que todo cambie para que todo siga igual. Todo esto que digo, que en un principio podía sonar extraño, se confirmó el día que el medio de extrema derecha vinculado con las cloacas del estado y con la mafia okdiario, publicó el vídeo de Cifuentes en el supermercado. Un video que la mafia de la Púnica tenía guardado desde 2011, y que usaron para chantajear a Cifuentes todo este tiempo desde entonces. Viene al caso recordar el asunto de Cifuentes, por las declaraciones que hizo Pablo Iglesias el día que se publicó el video del supermercado. Pueden verse aquí [https://www.youtube.com/watch?v=tISHmAiB9gs]. Iglesias dijo “Cifuentes debe dimitir por el caso Lezo, y no por ese video. En política hay límites y destruir a un ser humano es inaceptable”. En mi opinión esas palabras demuestran no sólo la coherencia de Pablo Iglesias sino también su nivel de ética y humanidad.
.
Por último también ha suscitado polémica la decisión de convocar esta consulta por parte de Pablo Iglesias. Se ha dicho, desde sectores de la izquierda, que se trata de un plebiscito bonapartiano que demuestra el talante autoritario y antidemocrático de Pablo Iglesias. También se ha dicho que no se puede trasladar a la militancia del partido lo que es una decisión personal, el error de una persona. Estas críticas, son legítimas. Sin embargo son inoportunas. Los que hacen estas legítimas críticas, parecen no darse cuenta que ahora mismo hay una concentración de fascistas en la casa de Pablo Iglesias, parecen no darse cuenta de que hay un evento en facebook para convocar una barbacoa ocupando la casa de Iglesias, y que a esa convocatoria han respondido más de 60.000 personas. Esto ha sido denunciado a la policía de Galapagar, que ha respondido que no van a implementar ningún dispositivo de seguridad extraordinario por este asunto. Estas personas de izquierdas, que se dicen a sí mismos antifascistas, en mi opinión deberían reflexionar lo que significa el antifascismo, teniendo en cuenta que hay fascistas rodeando la casa de Pablo Iglesias y de Irene Montero, que está embarazada. Ante esto yo solo puedo decir que, en primer lugar la consulta se ha convocado según el reglamento de convocatoria de consultas establecido en el documento organizativo aprobado en la última Asamblea Ciudadana de Podemos, en la que votaron 155.275 personas. Y por otro lado que esta consulta no es ningún plebiscito para decidir si aprobamos o no la compra de la vivienda de Pablo Iglesias, no es una pregunta para ver si nos gusta la casa, o si nos parece un chalet de lujo en el que sólo puede vivir la casta corrupta. Esta consulta es una moción de confianza. La primera vez en la historia de España que el secretario general de un partido político se somete a una moción de confianza ante los militantes de su partido. Aquí no se está debatiendo sobre la vida privada de Iglesias y Montero, aquí se está decidiendo si siguen en sus cargos o si dimiten. Quien piense que deben dimitir, por el motivo que sea, que vote. Así de sencillo.
.
Por estos motivos he votado que Iglesias y Montero sigan en sus cargos. Esto no significa que no tenga críticas a su gestión. Esto no significa que no crea que puede haber determinadas contradicciones en el discurso de Podemos y su acción política. Siempre las hay. Como las hay en el ayuntamiento de Cádiz cuando se otorga un contrato público para construir fragatas de guerra para vender a Arabia Saudí. Teniendo en cuenta la postura de Podemos contraria a las políticas de colaboración con Arabia Saudí, es una contradicción notable. A pesar de ello, a pesar de determinadas contradicciones, Pablo Iglesias defendió al alcalde de Cádiz José María González “Kichi”, como se defiende a un compañero de partido, cuando fue la polémica del contrato con Arabia Saudí. Tal como dijo ayer Pablo Echenique, es imposible que no haya contradicciones, siempre las hay. Como es una contradicción defender la paz en África cuando todos tenemos un teléfono móvil fabricado con mineral coltán, mineral que se extrae en países de África en conflicto. Cuando hay contradicciones, cuando se cometen errores, las críticas internas, hay que hacerlas, siempre, no hay que callarse nada. Pero hay que hacerlo por los canales adecuados, y dando a cada cosa la importancia y la relevancia que tiene.
.
Yo he criticado en muchas ocasiones a Pablo Iglesias y a su gestión como secretario general, lo he hecho en Plaza Podemos y en los foros de debate del partido, he usado las plataformas de Reditt y Appgree, he participado con mi voto en todas las consultas y primarias, y he defendido mi posición en todas las asambleas ciudadanas, en la mayoría de los casos posiciones contrarias a las de la corriente mayoritaria. Sin embargo en este caso quiero expresar mi total apoyo a Pablo Iglesias e Irene Montero, y ole sus ovarios porque se están enfrentando a la mafia de este país, con su dignidad por delante.
.
Un abrazo
submitted by sebastianlizardi to podemos [link] [comments]


2017.11.10 21:16 aureliano_babilonia_ Crônica de um suicídio - reportagem da Veja relata espetacularização em operação da PF na UFSC

Link para a matéria original (restrita para assinantes).
Paywall de cu é rola: Crônica de um suicídio
Na noite do domingo 1º de outubro, um antigo cliente do Macarronada Italiana, de onde se avista a deslumbrante Baía Norte de Florianópolis, entrou no restaurante à procura de Zé. O garçom José de Andrade, de 63 anos, irrompeu no salão e aproximou-se para registrar em seu bloquinho o pedido de sempre do freguês de quase quatro décadas: talharim à bolonhesa.
— Não, Zé, hoje só vim te ver e tomar um café contigo. O garçom percebeu um timbre diferente e retrucou:
— Te conheço, Cau. Você está bem?
Cau não estava bem, mas desconversou. Reclinou sua vasta figura de 1,90 metro e 85 quilos sobre o balcão e tomou um expresso em companhia de Zé, que percebeu outra estranheza: o silêncio incomum e prolongado do interlocutor. Dez minutos depois, Cau deu-lhe um abraço apertado, um beijo na bochecha esquerda e disse “adeus”.
Dali, Cau foi ao Shopping Beiramar, uma caixa de concreto de sete andares, subiu até o último piso e andou em torno das escadas rolantes mirando lá embaixo, como quem calcula o território. Caminhou duas, três, cinco vezes ao todo. E decidiu ir ao cinema. Assistiu a Feito na América, o mais recente filme de Tom Cruise, e voltou para casa. No dia seguinte, na última manhã de sua vida, Cau deixou seu apartamento, no bairro de Trindade, e pegou um táxi. No meio do caminho, talvez à espera de que o shopping abrisse as portas, às 10 horas, encerrou a corrida na Praça dos Namorados, onde costumava levar o filho quando pequeno. Sentou-se num banco. Uma conhecida o cumprimentou, ele perguntou as horas. Eram 9h20. Quando o shopping abriu, Cau não demorou a chegar. Cruzou com um estudante universitário, a quem saudou protocolarmente, e tomou o elevador até o 7º andar. As câmeras de segurança do shopping captaram o momento em que Cau, sem nenhuma hesitação, se postou na escada rolante, colocou as mãos no corrimão de borracha, em seguida subiu ali com os dois pés — e jogou-se no vão da escada, projetando-se no precipício. Despencou de uma altura de 37 metros, a uma velocidade de 97 quilômetros por hora. Seu corpo bateu no chão como se tivesse 458 quilos. Ele morreu na hora, às 10h38 de 2 de outubro de 2017.
O suicídio de Luiz Carlos Cancellier de Olivo, aos 59 anos, o Cau, reitor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), foi o desfecho trágico de dezoito dias dramáticos. Sua vida começou a desabar na manhã de 14 de setembro, quando agentes da Polícia Federal deflagraram a Operação Ouvidos Moucos, com o objetivo de apurar desvios de verbas para cursos de ensino a distância na UFSC. Às 6h30 daquela quinta-feira, o reitor ouviu tocar a campainha de seu apartamento e, enrolado em uma toalha de banho, abriu a porta para três agentes da PF, que subiram sem se fazer anunciar pelo porteiro do edifício. Os agentes traziam dois mandados — um de prisão temporária e o outro de busca e apreensão. Recolheram o tablet e o celular do reitor e conduziram-no à sede da Polícia Federal em Florianópolis, dentro de uma viatura.
Atônito, sem entender o que estava acontecendo, o reitor só se lembrou de chamar um advogado quando estava prestes a começar seu depoimento, às 8h30. Durante as cinco horas em que foi arguido, passou duas sem saber por que estava à beira da prisão. Ainda respondia a perguntas sobre os meandros operacionais do ensino a distância, com o estômago embrulhado pelo jejum matinal e pelo tormento das circunstâncias, quando a delegada Érika Mialik Marena, ex-coordenadora da força-tarefa da Lava-Jato, à frente agora da Ouvidos Moucos, adentrou o local. Apressada para iniciar a coletiva de imprensa que começaria logo mais, Érika finalmente esclareceu ao interrogado o motivo de tudo aquilo: “O senhor não está sendo investigado pelos desvios, mas por obstrução das apurações”. E correu para comandar o microfone na sala ao lado.
Desde cedo, já voava nas redes sociais a notícia de que a Polícia Federal deflagrara uma operação de combate a uma roubalheira milionária na UFSC. A página oficial da PF no Facebook, seguida por 2,6 milhões de pessoas, destacava a Ouvidos Moucos: “Combate de desvio de mais de 80 milhões de reais de recursos para a educação a distância”. Ainda acrescentava duas hashtags para celebrar a ação: “#euconfionapf” e “#issoaquiépf”. A euforia não encontrava eco nos fatos. Na coletiva, a delegada Érika explicou que, na realidade, não havia desvio de 80 milhões de reais. O valor referia-se ao total dos repasses do governo federal ao programa de ensino a distância da UFSC ao longo de uma década, de 2005 e 2015, mas não soube dizer de quanto era, afinal, o montante do desvio. Como a PF não se deu ao trabalho — até hoje — de corrigir a cifra na sua página do Facebook, os 80 milhões colaram na biografia do reitor. Em seu velório, uma aluna socou o caixão e bradou: “Cadê os 80 milhões?”.
Encerrado seu depoimento, o reitor deveria ficar retido na sede da PF, mas, como a carceragem havia sido desativada, foi para a Penitenciária de Florianópolis, um complexo de quatro pavilhões construído em 1930. Acorrentaram seus pés, algemaram suas mãos e, posto nu, ele foi submetido a revista íntima. Um dos agentes ironizou: “Viu, gente, também prendemos professores!”. Cancellier vestiu o uniforme laranja, foi fichado e passou a noite em claro. Seus dois colegas de cela, presos na mesma operação, choravam copiosamente. Cancellier estava mudo, como que em transe, e cada vez mais sobressaltado com os rigores do cárcere.
Ficou trinta horas na cela na ala de segurança máxima. Teve sintomas de taquicardia: suava muito e a pressão disparou para 17 por 8. Seu cardiologista foi autorizado a examiná-lo, trazendo os remédios que ele havia deixado em casa (desde dezembro, quando implantou dois stents, Cau tomava oito medicamentos). Quando deixou a cela, Cancellier era um homem marcado a ferro pela humilhação da prisão. Sua família o recebeu em clima de festa e alívio. Os irmãos, Julio e Acioli, tinham comprado de tudo um pouco no Macarronada Italiana para um jantar regado a vinho branco Canciller, rótulo argentino escolhido pela similaridade com o nome de origem italiana da família. Também ali estava o filho do reitor, Mikhail, de 30 anos, doutor em direito como o pai, com quem ele mantinha um laço inquebrantável. Mas, entre piadas e risos, Cancellier exibia um semblante sem expressão. “Ele estava chocado. Revivia aquelas cenas o tempo todo”, lembra o irmão Julio, jornalista de 51 anos. Mais que tudo, o reitor estava sendo esmagado pelo peso da proibição de pisar na universidade até o final das investigações. A decisão fora tomada junto com o mandado de prisão e, para o reitor, soou como uma punição cruel.
Depois de ter visto seu nome nas manchetes do noticiário na internet e na TV, Cancellier deu boa-noite a todos e recolheu-se. Não era um homem aliviado pelo fim do martírio da prisão nem reconfortado pelo reencontro com a liberdade. Deixou o jantar como um derrotado. Um dos convivas, o desembargador Lédio Rosa de Andrade, de 58 anos, amigo da infância pobre passada em Tubarão, a 130 quilômetros de Florianópolis, percebeu o peso que o reitor carregava. “Ele entendeu que o episódio deixaria uma marca incontornável em sua biografia”, diz Andrade, colega de colégio de Cancellier.
A UFSC era uma extensão da casa do reitor. Seu apartamento, de três cômodos, onde viveu dezenove anos, dois deles casado e o restante na companhia do filho, fica a 230 passos do câmpus. Nos fins de semana, o reitor fazia uma ronda informal, bem à vontade em seu moletom. Na UFSC, ele teve, para os padrões acadêmicos, uma carreira meteórica. Em apenas dezoito anos, concluiu o curso de direito, fez mestrado, fez doutorado em direito administrativo, virou diretor do Centro de Ciências Jurídicas e, numa eleição acirrada, elegeu-se reitor — cargo que ocuparia por dezesseis meses. Na eleição, a paciência para tecer alianças foi arma decisiva em um jogo embaralhado. “Ele não era um orador brilhante, mas era um articulador que conseguia trazer para o mesmo lado gente de todos os espectros ideológicos”, define o amigo Nelson Wedekin, de 73 anos, ex-senador pelo PMDB local.
Desde a juventude, a rotina universitária era a bússola da vida de Cancellier. Em 1977, aos 19 anos, época em que fazia política estudantil com o cabelo desgrenhado e bolsa de couro a tiracolo, ele se encantou com a universidade. “Não quero nunca sair daqui”, confessou ao amigo Osvaldir Ramos, hoje presidente do Conselho Estadual de Educação em Santa Catarina. Acabou forçado a sair, no regime militar, em decorrência de sua militância no Partido Comunista Brasileiro, o antigo Partidão, e da chamada novembrada: em 30 de novembro de 1979, o presidente João Figueiredo, o último ditador do ciclo militar, baixou em Florianópolis, bateu boca com estudantes na rua e o episódio terminou em pancadaria e prisões. Cancellier teve de desaparecer da faculdade de direito. Ressurgiu cinco meses depois trabalhando em um jornal e acabou tornando-se assessor de políticos, inclusive de Wedekin, função que o levou a se mudar para Brasília. Só voltou à UFSC em 2000, aos 42 anos, para cumprir uma fulminante trajetória acadêmica — e ser de novo expelido da universidade, agora em plena democracia e na condição de reitor, num banimento que lhe pesou como uma suprema humilhação. No muro da universidade, um anônimo grafitou: “Fora Cancellier”.
“A humilhação é a bomba nuclear das emoções”, afirma a psicóloga alemã Evelin Lindner, uma autoridade mundial num ramo da psicologia que estuda o peso da vexação em sociedade e sua relação com atos de violência — como o terrorismo e o suicídio, que, não por acaso, andam juntos. Se a culpa é uma dor que vem de dentro, a humilhação é como uma dor que vem de fora, imposta pelo olhar alheio. É sentida como uma falência em público. Sai cortando fundo no orgulho, na honra, na dignidade, e tende a ficar marcada como uma cicatriz. Escreve o psiquiatra Neel Burton, professor em Oxford e autor do livro Heaven and Hell: The Psychology of the Emotions (Céu e Inferno: a Psicologia das Emoções): “As pessoas que foram humilhadas carregam a marca da humilhação, são lembradas pela humilhação. Em um sentido muito real, elas se tornam a própria humilhação que sofreram”.
Os estudos científicos sugerem que, quando estão em jogo elementos que constituem a razão de ser de uma pessoa, como princípios, posição ou status, o peso da vergonha pode até desfigurar a identidade pessoal e tornar-se insuportável. “Em alguns casos, ser submetido a uma situação vexaminosa gera condutas irracionais e pode desencadear uma resposta violenta, como o suicídio”, diz o professor Helio Deliberador, do departamento de psicologia social da PUC de São Paulo. O filho mais velho de Bernard Madoff, um dos nomes mais cintilantes de Wall Street, suicidou-se depois da descoberta de que seu pai era, na verdade, um farsante que aplicara golpes bilionários. Jacintha Saldanha, enfermeira em um hospital onde a duquesa Kate esteve internada em 2012, caiu no trote de radialistas australianos que se fizeram passar pela rainha da Inglaterra, facilitou o acesso a dados sobre o estado de saúde da duquesa e foi publicamente achincalhada. Matou-se aos 46 anos. Como escreveu Albert Camus em Mito de Sísifo: Ensaio sobre o Absurdo: “Matar-se, em certo sentido, é confessar que se é ultrapassado pela vida e que não a compreendemos”.
Nos dias que se seguiram à sua soltura, Cancellier começou a ser ultrapassado pela vida. “Passou a alternar momentos em que achava que ficaria tudo bem com outros em que mergulhava no desânimo”, diz o ex-senador Wedekin. Em 16 de setembro, dois dias depois da prisão, seu irmão Acioli levou-o para falar com advogados. Ao entrar e sair do táxi, Cancellier tremia, com medo de ser reconhecido na rua e hostilizado. Com o celular confiscado pela PF, quase não atendia o telefone fixo de casa. Não ligava a TV e, ao irmão Julio, disse que cometera “suicídio digital”, pois retirara fotos do Facebook e parara de navegar nas redes sociais. Ensimesmou-se a tal ponto que os irmãos decidiram levá-lo a uma psiquiatra, a primeira vez na vida que buscava ajuda dessa natureza.
A consulta com a médica Amanda Rufino ocorreu em 19 de setembro, cinco dias depois da prisão. Ele saiu de lá com o diagnóstico de “sintomas de stress pós-traumático desencadeados por impactante fator estressor no âmbito profissional” e um quadro de “intensa sensação de angústia, de opressão no peito e taquicardia”. A psiquiatra prescreveu um ansiolítico e um antidepressivo, ambos em doses moderadas. Cancellier tomou obedientemente os remédios e voltou à médica em 29 de setembro, a três dias do suicídio. Ao final da segunda consulta, a psiquiatra comentou com um dos irmãos do reitor que a situação parecia sob controle. “O quadro está evoluindo bem”, disse. A João dos Passos, procurador-geral do estado, o reitor deu uma pista do que sentia: “Vou te confidenciar, João. Meu estado é de pós-catástrofe, como se eu fosse o sobrevivente de uma queda de avião. Não consigo me situar, raciocinar direito”. O amigo Lédio Andrade, com quem o reitor jogava xadrez, descreve um Cancellier irreconhecível: “Seu raciocínio ficou lento e os olhos fixavam o infinito. Não parecia o Cau”.
Em situações normais, o reitor tinha entusiasmadas conversas sobre Shakespeare, Freud e o cristianismo, temas que despertavam sua curiosidade intelectual. Agora, nada parecia atrair seu interesse. O irmão Acioli, engenheiro que mora em São José dos Campos, tentando tirá-lo da clausura de si mesmo, alugou um Fiat Uno e provocou: “Agora você vai me mostrar essa ilha”. Era sempre o irmão ao volante, pois Cancellier, apesar de ter carteira de motorista, só dirigia moto. Nesses passeios, o reitor até relaxava, mas logo voltava a cerrar-se em casa. Em Foz do Iguaçu, sua ex-mulher, Cristiana Jacquenin, de 48 anos, externou seu temor aos mais chegados: “Tenho medo do que ele possa fazer. Ele não vai aguentar ficar longe da universidade, é a vida dele”. Crica, como Cancelllier a chamava, foi uma paixão fulminante — em dois meses, eles subiram ao altar, ele com 28 anos, ela com 18. Conheceram-se no jornal O Estado (que já não existe) e, apesar da separação, mantiveram um elo até o fim. Ela afirma: “Aquela humilhação toda atingiu o Cau. Era como se alguém acertasse com uma bazuca uma escultura de pecinhas bem encaixadas que nunca mais se rearranjariam”.
A Polícia Federal pediu a prisão de Cancellier e outras seis pessoas da UFSC com base em um relatório de 126 páginas. Nele, o reitor é acusado de tentar obstruir as investigações da universidade sobre os desvios de dinheiro com base em apenas dois depoimentos. Em um deles, Taisa Dias, coordenadora do curso de administração, contou à polícia que, certo dia, levou ao reitor suspeitas de uso indevido de verbas no curso que coordena. Cancellier, segundo ela, perguntou se aquilo não seria um “problema de gestão” e, em seguida, lhe disse o seguinte: “Guarda essa pastinha”. Taisa entendeu que, com essa frase, o reitor estava querendo enterrar as investigações. A Polícia Federal, por sua vez, considerou a interpretação de Taisa como uma suspeita suficientemente clara de que Cancellier queria embolar a apuração. A defesa do reitor admite a conversa com Taisa, mas afirma que, ao dizer “guarda essa pastinha”, ele queria lhe pedir apenas cautela nas apurações e nas acusações. Ao reitor, nada foi perguntado sobre suas intenções, antes de ele ser preso.
O outro depoimento foi prestado pelo corregedor da UFSC, Rodolfo Hickel do Prado, um senhor calvo de olhos claros que nunca altera o tom de voz e fez fama de investigador obsessivo no câmpus da universidade. Em novembro do ano passado, o centro acadêmico da faculdade de engenharia postou no Facebook um texto que dizia que a universidade mantinha uma lógica desigual, punitiva para alunos e benevolente para professores. Hickel do Prado debruçou-se sobre a questão. Queria entender o que era aquela lógica desigual. Convocou nada menos do que uma centena de estudantes para depor. A apuração se encerrou sem nada concluir, mas ajudou a sublinhar sua fúria investigativa. Aos que lhe censuram o ímpeto de xerife, Hickel do Prado rebate com segurança pétrea: “Quem faz tudo certo não tem por que ter medo de nada”. (Na terça-feira 7, o corregedor pediu licença médica de dois meses da universidade.)
Em seu depoimento, Hickel do Prado fez cinco acusações ao reitor. Disse que ele lhe recomendou que instalasse uma sindicância, em vez de abrir um processo administrativo, e tentou subordiná-lo a uma secretaria ligada à reitoria. (A defesa do reitor confirma as duas providências, mas diz que eram uma tentativa de evitar os conhecidos excessos do corregedor, e não de sabotar a investigação.) Também afirmou que ele cortou sua remuneração numa “tentativa de constrangê-lo”. (A defesa do reitor afirma que houve uma ampla reforma na UFSC com cortes na remuneração de vários cargos comissionados, e não uma medida exclusiva contra o corregedor.) Ainda acusou o reitor de tê-lo chamado para uma conversa reservada na qual lhe pediu que não apurasse as suspeitas. (A defesa do reitor nega que a conversa tenha existido.) E, por fim, disse que ele lhe pediu para ter acesso formal às investigações depois de ter visitado a Capes, órgão federal que financia o sistema de pós-¬graduação no Brasil, que havia acabado de cortar as verbas para o programa de educação a distância da UFSC. (A defesa do reitor confirma que ele pediu acesso às investigações exatamente para saber as razões que levaram a Capes a cortar as verbas.)
A polícia não ouviu as explicações do reitor, antes de pedir sua prisão. Ainda que os dois depoimentos se limitassem a acusá-lo de tentar obstruir as investigações, a polícia incluiu o nome do reitor em uma lista de doze pessoas suspeitas de terem tido “efetiva participação na implementação, controle e benefício do esquema criminoso”. Não há no inquérito nenhum indício ou acusação de que o reitor fosse membro do “esquema criminoso”, nem mesmo a descrição do que poderia vir a ser esse “esquema criminoso”. VEJA perguntou à Polícia Federal por que Cancellier foi apontado como integrante da quadrilha, mas a PF preferiu não responder.
No final do relatório, na página 123, estão as cinco razões para prender o reitor. O texto afirma que ele:
• “Criou a Secretaria de Educação a Distância para estar acima do já existente Núcleo Universidade Aberta, vinculando-a diretamente à reitoria.” (O inquérito não traz nenhuma prova de que a criação da secretaria tenha relação com desvios de verba.)
• “Nomeou no âmbito do EaD (educação a distância) os professores do grupo que mantiveram a política de desvios e direcionamento nos pagamentos das bolsas do EaD.” (O reitor, ao assumir o cargo, fez mais de cinquenta nomeações. No âmbito do EaD, fez apenas três, e outros três professores que já integravam o grupo antes mesmo de sua gestão foram mantidos.)
• “Procurou obstaculizar as tentativas internas sobre as irregularidades na gestão de recursos do EaD.” (O inquérito, neste caso, baseia-se no depoimento da coordenadora Taisa Dias e do corregedor Hickel do Prado.)
• “Pressionou para a saída da professora Taisa Dias do cargo de coordenadora do EaD do curso de administração.” (É uma afirmação gratuita. O inquérito não informa de onde saiu essa suspeita nem aponta nenhum elemento que lhe dê consistência.)
• “Recebeu bolsa do EaD via Capes e via Fapeu.” (O inquérito também não informa de onde saiu essa suspeita, nem mesmo se existiu alguma irregularidade na concessão das bolsas.)
A juíza Janaína Cassol, da 1ª Vara Federal de Florianópolis, analisou o pedido da PF em 25 de agosto e concedeu as prisões. Sobre o reitor e os outros seis acusados, ela escreveu: “Essas pessoas podem efetivamente interferir na coleta das provas, combinar versões e, mais do que já fizeram, intimidar os docentes vitimados pelo grupo criminoso”. Em 12 de setembro, a juíza pediu licença por problemas de saúde e foi substituída por Marjorie Freiberger. Dois dias depois, em 14 de setembro, a polícia lançou a Operação Ouvidos Moucos e prendeu o reitor e os outros seis. No dia seguinte às prisões, a juíza Marjorie Freiberger, sem que houvesse recurso da defesa do reitor e dos outros seis, resolveu revogar a decisão de sua colega e suspendeu as prisões. Ao contrário da antecessora, a juíza Marjorie não conseguiu ver motivo para tê-los levado para a penitenciária. Escreveu ela: “No presente caso, a delegada da Polícia Federal (refere-se a Érika Marena) não apresentou fatos específicos dos quais se possa defluir a existência de ameaça à investigação e futuras inquirições”. Mandou libertar todo mundo. Até hoje, a advogada do reitor, Nívea Cademartori, não entende por que seu cliente foi preso sem que tivesse a chance de se explicar. “Bastaria que a PF intimasse o reitor para depor, o que seria imediatamente atendido. Há uma banalização das prisões temporárias no país.”
Em seus últimos dias, Cancellier chegou a dar sinais de que não abandonaria o ringue. Em artigo publicado no jornal O Globo em 28 de setembro, quatro dias antes do suicídio, saiu em defesa própria e dos demais professores presos: “A humilhação e o vexame a que fomos submetidos há uma semana não têm precedentes na história da instituição”. O reitor também tentou recorrer da proibição de pisar no câmpus. Alegou que, como orientava teses de mestrado e doutorado, não podia deixar os alunos à deriva. A resposta da Justiça veio no sábado 30 de setembro, dois dias antes do suicídio: Cancellier estava autorizado a entrar na UFSC por três horas em um único dia. A decisão o devastou. “Como pode?”, perguntava. “Se demorar um minuto a mais, serei preso?”
A humilhação a conta-gotas ajudou a reforçar o quadro de stress pós-traumático do reitor, como a psiquiatria define a reação descontrolada do cérebro diante de um evento que está além de sua capacidade de absorção. “É como se o sistema de defesa do organismo entrasse em pane”, compara o psiquiatra Marcelo Fleck, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Maria Oquendo, uma porto-riquenha baixinha que se tornou um gigante da psiquiatria americana e autoridade mundial em suicídio, diz que é dificílimo evitar a morte de vítimas desse tipo de stress. Elas nunca falam em suicídio, embora pensem no assunto constantemente. Um trauma como o que consumiu o reitor vira motivo de obsessão — mas, de acordo com as estatísticas, raramente conduz ao atentado à própria vida.
O reitor foi um dos raros casos. Na véspera de seu suicídio, sabe-se hoje, já estava tudo calculado. Ele recusou o convite dos irmãos para assistir a uma partida de futebol em que o clube de coração da família, o Hercílio Luz, tinha chance de voltar à elite catarinense. Preferiu sair com o filho Mikhail. Almoçaram, ele quis ver se estava tudo em ordem em sua casa, mas recusou-se a ficar para uma sessão de filmes na TV. “Preciso descansar”, despistou. Em vez de descansar, foi ao shopping em que morreria, assistiu a um filme e levou consigo a chave do apartamento, de modo a forçar seu irmão Acioli a dormir em outro lugar. Queria ficar sozinho na última noite. As cinzas de cigarro espalhadas pelo apartamento mostram que fumou ferozmente, quebrando a abstinência imposta pelo cardiologista. Escreveu quatro bilhetes. Um para o filho, outro para os irmãos, um terceiro para um amigo e o quarto carregou no próprio bolso. É o único cujo conteúdo é conhecido. “A minha morte foi decretada quando fui banido da universidade!!!”, diz o bilhete, com a ênfase dos três pontos de exclamação. No dos irmãos, referiu-se à imensidão do amor pelos dois, mas disse que a dor que o dilacerava era maior que tudo. Deixou bilhetes e documentos separados em uma pequena caixa no escritório de casa, encontrada por Mikhail. O filho disse: “O pai cumpriu a missão aqui”.
Até hoje, sabe-se apenas que o “esquema criminoso” durou principalmente de 2005 a 2015, quando Cancellier nem estava na reitoria. A Capes, que investigou o assunto, diz que o “esquema criminoso” era uma coleção de pequenas falcatruas de servidores escroques, sem a dimensão que se divulgou. O coordenador do programa do ensino a distância da Capes, Carlos Lenuzza, não revela detalhes da investigação, mas adianta: “Os valores dos desvios são muito distantes daquilo que se falou”. Até agora, um mês depois do suicídio do reitor, ninguém foi acusado formalmente de nada, e a polícia não chegou ao valor real que foi desviado. Ao ver a notícia do suicídio na TV, Zé, o garçom, desabou. Nem sabia que o amigo de toda a vida era reitor.
submitted by aureliano_babilonia_ to brasil [link] [comments]


2016.07.04 00:46 359gcu La gurú de San Francisco que hizo ganar las elecciones a Mariano Rajoy

El PP contrató a la agencia de las campañas de Obama, Macri, Renzi y Cameron para preparar las elecciones
La victoria 'le costó' al partido 290.000 euros 03/07/2016 19:02 En la fiesta de la calle Génova, Isabelle celebra. Sonrisa congelada. Es la confirmación de su talento y su esfuerzo. Llegó a España a finales de mayo. Sin saber español. Trabajando más de 14 horas al día en la zona noble del Partido Popular. Que incluso la había mandado al hospital. Con los ojos rojísimos de tanto calcular y mirar estadísticas, el día de las elecciones es su Día D. El presidente Rajoy levanta los brazos en señal de victoria. Jorge Moragas -su jefe de gabinete en La Moncloa y responsable de la campaña de los populares, quien convenció a los líderes del partido de traer a España a la empresa para la que trabaja Isabelle: The Messina Group (TMG)- aprieta el puño. "Es un secreto. Deben mantenerlo en secreto", les dijo el consejero delegado de TMG, Jim Messina, a los altos cargos del PP. Y así fue. La llegada de Isabelle fue un secreto. Pero en el fondo es quien revolucionó la campaña electoral de Rajoy por dentro. La que permitió un éxito que sus rivales aún no se explican. Crónica desvela cómo trabajaron y cómo consiguieron arrebatarle los votos decisivos a los partidos de la competencia. Cómo el PP venció con la asesoría del equipo que antes ayudó a ganar a Barack Obama y David Cameron. Isabelle escribe el 27 de junio, 1.00 de la mañana. "Increíble resultado para el PP en España esta noche. Los sondeos públicos predijeron 117 escaños para el PP, TMG predijo 135, resultado final 137". Euforia.
Es un trabajo que comenzó cuando Jim Messina "arribó a España, en junio de 2015, por primera vez", nos confirman desde el epicentro del equipo de campaña. Pasó desapercibido. La discreción es, de facto, su principal virtud. Su fama mundial comienza cuando revoluciona la campaña de reelección de Obama en 2012. Su apodo: The Fixer (El Reparador). El reconocimiento a su labor con Obama, donde planteó una estrategia total basada en el uso del Big Data (administrar y procesar la información de enormes bases de datos) para captar electores, fue el abrazo ganador entre ambos cuando se hizo pública la victoria.
Jim es un caso único. Nació en 1969, lejos de los centros tecnológicos de EEUU, en Denver (Colorado). Se licenció en Políticas y Periodismo en la Universidad de Montana, en 1993. Pero aprendió a codearse con los mejores pronto: Steve Jobs (Apple) o Eric Schmidt (Google) o Steven Spielberg... De ellos aprendió que la tecnología, la innovación y la escenografía son claves. En los negocios, el entretenimiento y la política. Y eso le enseña a sus pupilos, como Isabelle. "Jim Messina acordó formalmente trabajar para el PP en la primavera de 2016. Ha visitado España varias veces, incluyendo el miércoles anterior al día de las elecciones", confirman a este suplemento.
"Isabelle ha vivido en España durante las últimas semanas de la campaña. Empujó al PP para intentar el voto táctico. Aplicó la teoría del voto táctico como hizo en el Reino Unido en la campaña de David Cameron". Voto táctico focalizado en el uso de la red social que ha marcado esta campaña: Facebook.
No hay fondos suficientes
¿Por qué no fue contratado para diciembre de 2015, para la primera vuelta? Dinero. No había fondos suficientes. Eso que Jorge Moragas, el gran impulsor de su llegada, trataba de convencerlos a todos ya entonces. Y se experimentó con una fórmula más tradicional. Obtuvieron sólo 123 escaños. Hubo caras largas y una enorme decepción. Llegaron a verlo todo perdido. Golpes de puño en los escritorios y lágrimas, incluso. Los pactos del PP con otros partidos eran imposibles. No salían las cuentas. El "asalto al cielo" de Podemos los había hundido. Pero era la primera ronda.
El fracaso de acuerdo entre PSOE, Ciudadanos y Podemos en cualquier escenario les dio otra oportunidad. Moragas vuelve a la carga. Había que contratar a Jim fuera como fuera. Un miembro del equipo de campaña del PP cuenta las negociaciones: "En diciembre no sale por dinero. Messina nos pedía un millón de euros".
Messina, acostumbrado a presupuestos abultados -se gastó 1.100 millones en la campaña de Obama y 29 en la de Cameron-, nunca entendió la primera negativa. En la segunda negociación hay más en juego y esta vez es Messina el que dice "no". Todos sus esfuerzos estaban focalizados en apoyar al primer ministro británico en su "Bremain", o no al Brexit. Intercede el propio David Cameron y convence a TMG para que apoyen a Rajoy, que es un socio apreciado. Y así llega Isabelle Wright a España.
Es responsable de Estrategia Digital de TMG. "Un genio... Y extraordinariamente atractiva", dicen quienes la conocen. La ayuda Ben Mallet. Los dos jóvenes con aspecto de veinteañeros se integran rápidamente en el equipo de campaña de Rajoy. La tarifa era casi un pacto de amigos: "Unos 100.000 euros... El servicio se reducía a la publicidad en Facebook. Queríamos el Ferrari pero sólo pudimos comprar las ruedas. ¿Nos valdría?", se preguntaba un alto cargo del PP.
La carrera contra reloj se inicia. Aun así, Isabelle se siente muy cómoda desde el inicio, sabe lidiar con la presión. Ella, que dirige la oficina de San Francisco de TMG, que previamente trabajó para una empresa de capital riesgo ayudando en sus inversiones en redes sociales, que se describe como residente en la ciudad del Golden Gate, Londres, Washington DC y Los Ángeles, añade otra urbe a su lista, la primera en castellano. Escribe un tuit el 30 de mayo: "Palacio de Moncloa. Un maravilloso Miró y comida española #lavidaesbuena #Madrid".
Desde el partido tuvieron que adaptarse. Primero, contratarles un traductor, pues ninguno de los chicos de Messina habla español. Otra persona del equipo de campaña describe su esfuerzo inicial: "Isabelle y Ben han trabajado 14 horas al día desde que llegaron a España. Vivían en el barrio de Salamanca. Estaban en un despacho en la séptima planta de Génova entre el de Pablo Casado y el de Andrea Levy. No entendían la falta de puntualidad. Han recibido ayuda de mucha gente. La chica se puso mala dos días y hubo que llevarla al hospital. Se asustó un poco. No han tenido fines de semana. Comían en los sitios aledaños a Génova. El equipo de redes sociales llegó a ser de 25 personas. Pero no había una relación directa entre ellos y ese equipo". Iban por libre. Su misión era secreta y apenas hubo tiempo para distracciones.
Otro miembro del partido añade: «Son muy jóvenes y han currado demasiado. Se les contacta tarde. Toda la parte de segmentación se hace por encuestas. Se han pegado una paliza de pelotas. Había que definir todos los targets (objetivos), los portavoces, los mensajes. El sistema es muy sencillo. Definir públicos muy claros, cuáles son los mensajes que interesan a esos públicos, cómo puedes localizar a esos públicos por sus perfiles de Facebook para comprar publicidad y llegar a ellos y luego qué tipo de mensajes tienes que mandarle a esos tíos. Ellos han definido esos grupos, ellos han hecho la compra y la agencia de publicidad Shackleton ha hecho la creatividad». Shackleton tenía una orden clara: el principal impulso iba a ser digital. Pero mientras Podemos atiborraba la red de tuits, donde son los amos, los del PP iban por la vía de Facebook.
Periodo de aprendizaje
¿Qué tuvieron que aprender Isabelle y Ben? Mucho. "Los problemas al principio eran que estos jóvenes no conocían la política española. Conocían el lado técnico, pero el lado político se lo teníamos que dar y explicar. Ellos no entendían las provincias, el sistema electoral de circunscripciones.Han tenido que aterrizar primero en el sistema español, luego en la política... El sistema proporcional al principio les choca porque si tú estás acostumbrado a que si ganas uno lo ganas todo, es radicalmente distinto. No es un sistema muy habitual. Todos los inputs [datos] se los hemos tenido que dar. Igual que los mensajes". Aprendieron rápido. Muy rápido.
El 13 de junio, Isabelle Wright está atenta a la actuación de los candidatos en el debate televisivo. Las teclas las presiona furtivamente. Lanza un retuit de su publicación de cabecera en España: The Spain Report (que da en inglés las más importantes noticias de España). Es una frase de Rajoy: "Predicar es fácil, lo difícil es gobernar".
Al acabar el debate, publica un vídeo en su Facebook personal. Es el presidente siendo fotografiado tras el encuentro con los líderes del PSOE, Podemos y Ciudadanos. "Gran desempeño del primer ministro Rajoy en el debate de esta noche", describe. El reconocimiento a su trabajo viene en los comentarios de sus amigos. Shelley escribe: "¡Muy orgullosa! ¡Estás triunfando en España! Pepe [sic, por PP] ganó el debate y nunca había visto a una mujer tan dedicada como tú y llegando tan lejos. Es un honor verte y me inspiras todos los días... Además, tu piso aquí no está tan mal". Gabi añade: "Todo gracias a ti".
A la distancia también sigue la campaña del Brexit donde está volcado todo TMG. Y ella en España desarrollando cómo ganar unas elecciones donde todos hablaban del sorpasso. Seguía una premisa de su maestro Jim Messina, una que había aprendido del mismísimo Bill Clinton: "Todas las elecciones son un referéndum sobre el futuro". No sobre el pasado. De allí un hashtag clave para indirectamente contraatacar a Podemos. #Afavor.
Mientras, nos comenta un dirigente del partido, "se reducían partidas como la publicidad en la calle, banderolas, etc. Teníamos más recursos para Facebook. Aparecían anuncios en función de los gustos. En redes ensayaron perfiles concretos. Apuntaron a las caras que mejor respuesta tenían -en compartidos y favoritos-, las de Soraya Sáenz de Santamaría y Pablo Casado. Sólo han circulado memes -imágenes multimedia usadas para transmitir ideas- de ellos". ¿A quién apuntaban? "A los votantes de Ciudadanos principalmente".
Era un método que ya le había funcionado. Así lo explican: "Era sincronizar los mensajes oportunos a las personas oportunas en el momento oportuno. Que es muy parecido a lo que hizo David Cameron en las legislativas británicas, donde también se produjo el bombazo respecto a lo que decían los sondeos". Y allí también estuvo Isabelle. Era lo que desde TMG conocen como "lograr el voto táctico".
La experiencia con Cameron
Las encuestas no eran las más optimistas. Algunas incluso hablaban de un derrumbe hasta los 117 escaños. Era trascendental el trabajo silente y complementario de Ben, que "se encargó del correo directo y de los textos que se repartieron puerta a puerta en los lugares seleccionados en los días finales, lo más cercano al 26-J", comentan desde la organización de la campaña. "Además hicimos más de 100 pruebas online para descubrir qué mensaje funcionaría en qué circunscripción electoral. Isabelle lideraba esto, hizo lo mismo para David Cameron en 2015".
La remontada iba en esta línea: "Era buscar bolsas de indecisos. En Argentina también se aplicó el mismo sistema en la campaña de Macri y también hubo un bombazo. Aquí replicamos ese modelo... No íbamos al votante tradicional del PP. Era una tontería gastarnos dinero cuando ya los teníamos asegurados", cuenta un alto cargo del PP.
Y llegó el Brexit. Los resultados le rompieron el corazón a Isabelle. Fue un golpe directo hacia Messina y su equipo. Con diferentes enemigos, se hablaba de que había perdido el toque mágico. Cameron dimitió. Pero los jefes de campaña decidieron que incluso podía serles útil.
"En el sistema de Jim Messina se lanzaron más de 500 mensajes. Y luego los propios vídeos que se fueron lanzando los últimos días de campaña estaban destinados ya no sólo a la viralización propia de las redes sociales sino a segmentos que eran muy sensibles al mensaje de voto útil y a los mensajes de la búsqueda o la unidad de la España moderada frente a la posibilidad de que Pablo Iglesias llegase a La Moncloa... No eran mensajes que lanzaban a un millón de personas. Los que más éxito tuvieron fueron los que se lanzaron el viernes tras el Brexit".
Jim se dio cuenta de la importancia de estos mensajes oportunos cuando trabajaba para Obama en su reelección de 2012. Los sondeos estaban apretados y él siempre se había vanagloriado de que los indecisos caerían en bloque. "Lo mismo ocurrió con Cameron. Lo mismo ocurrió con Macri". Le falló con el Brexit y las elecciones del 26 de junio eran -también- un examen para probar si Messina conserva la frescura. Sudor frío. Más cuando aún le quedan las elecciones italianas, el referéndum constitucional, con otro cliente selecto: Matteo Renzi en octubre.
Miembro del equipo de campaña del PP: "Sólo podíamos anunciarnos durante dos semanas por la ley electoral. Conseguimos un coste por impresión [aparición de un anuncio en el timeline o muro del usuario de Facebook] de promedio de medio céntimo de euro. No podíamos permitirnos pagar por click porque eso es mucho más caro. Diseñamos las audiencias a las que queríamos atacar con muchísimas variables. Buscábamos garantizar impactos y para eso pujamos para evitar que otros anunciantes nos robasen el espacio".
El presidente Barack Obama y Messina, su jefe de campaña, se abrazan al lograr la reelección en 2012. PETE SOUZA Era el todo o nada y se la jugaron al final. Gastaron los últimos euros. "El último día el PP sí optó por un modelo llamado reach and frequency [alcance y frecuencia] que permitía garantizar una audiencia concreta en un período corto de tiempo sin necesidad de pujar, para que nadie se interpusiese entre su público objetivo y el PP. Y lo usaron para lanzar los vídeos más exitosos. El de Pablo Iglesias dudando del euro en plena resaca del Brexit. Y el del líder de Podemos, en [el programa de TV] La Tuerka, celebrando que le habían metido una paliza a un policía".
¿Por qué Facebook?, le preguntamos a Natalia Basterrechea, directora de asuntos públicos de la red social en España: "La audiencia es fundamental. 22 millones de personas entran en Facebook en España mensualmente, y la política es un tema importante de conversación en la plataforma. Las elecciones generales fueron el tema más debatido en Facebook España en 2015. La conversación política en Facebook es auténtica. Es un lugar para hablar en tiempo real y de forma genuina sobre los temas que importan a los votantes españoles y tomar el pulso de la opinión pública. En total, desde enero de 2016, seis millones de personas han generado 90 millones de interacciones (me gusta, comentarios y contenido compartido) en torno a temas políticos". Esto lo vieron los miembros del equipo de segmentación: Jim, Isabelle, Ben y los locales José Cerdán, Eduardo Baeza (traductor, cicerone de Wright y marido de la cantante Nena Daconte), Andrés Medina y Abelardo Bethencourt, estos últimos miembros del gabinete del presidente. Y su apuesta publicitaria les costó 190.000 euros impuestos incluidos, que se sumaban a los 100.000 por la asesoría de TMG, según fuentes del partido.
El consultor político Iván Redondo analiza la estrategia utilizada: "En política el mensaje más efectivo es silencioso. No se cuenta en una rueda de prensa ni se hace visible en los medios. Y una estrategia de microtargeting te permite conectar y comunicarte directamente con tu votante objetivo sin intermediarios. Para cuando tus adversarios se dan cuenta, ya es tarde".
"A formar gobierno"
Cuando el 26 de junio se cierran los colegios electorales, la encuesta a pie de urna destroza al PP. Pero era ficción. Lo describe la propia Isabelle a la 1 de la mañana: "Increíble resultado para el PP en España esta noche. Los sondeos públicos predijeron 117 escaños para el PP, TMG predijo 135, resultado final 137". Ben Mallet se pronuncia también: "Ha sido un gran privilegio haber trabajado con un equipo tan dedicado y patriótico en una campaña de elecciones histórica. Me emociona saber que el Reino Unido no es el único país con terribles encuestadoras... [Rajoy] se ha ganado el derecho a formar gobierno".
El 27 de junio, a las 06.23, otro post de Ben. Es sólo una foto, la del equipo de Rajoy celebrando en el balcón de Génova con un cartel de "Gracias" al frente. Comenta Isabelle con una sola palabra: "¡Victoria!".
Todos los tuits de Isabelle y Ben cobran sentido el 28 de junio, a las 0.15. El gurú Messina rompe su silencio: "Felicitaciones a nuestro cliente español PM [primer ministro] Mariano Rajoy y al PP por su decisiva y dilatada victoria".
Era el modo de Jim de celebrar su éxito, el de los suyos, y que no había perdido su "toque mágico".
Ciudadanos y Podemos han pasado los siguientes días en KO. Los primeros, reunidos para entender cómo perdieron 400.000 votos y siete diputados. Los segundos pensando en un sorpasso devenido en gatillasso...
Sucedió así, cuentan desde lo más alto de la organización de la campaña del PP: "Moragas nos pidió que atacásamemos varias provincias concretas donde podían caer escaños de más. Los 12 que marcó los conseguimos. Luego cayeron dos más que no esperábamos: A Coruña y el decimoquinto de Madrid", comenta un miembro del PP. Las provincias a atacar que especificó Moragas fueron: Orense, Salamanca, Lleida, Madrid (para ganar 14), Badajoz, Toledo, Cuenca, Valencia, Alicante, Almería, Sevilla y Tenerife". El paso de 123 diputados a 137. Victoria a precio de saldo -290.000 euros- de El Reparador.
submitted by 359gcu to podemos [link] [comments]


2015.02.22 20:40 suarep Venezuela

“Un poco fuerte lo que está usted diciendo, ¿no?”, me interrumpió la presentadora de la Cadena Ser poco antes de invitarme a terminar de una vez y expulsarme del programa. Al contrario, muchos comentarios de Internet se muestran perplejos ante tan agria reacción, pues lo que se estaba mencionando no era nada del otro mundo: el apoyo de los medios de comunicación venezolanos y españoles al golpe de Estado contra Chávez en abril de 2002.
Se trataba de un debate (25/07/2008) con William Cárdenas, presidente de una organización que quiere llevar a Hugo Chávez ante la Corte Penal Internacional. La Cadena Ser, en representación al parecer del pueblo venezolano, invita a un señor que, seis años después de los hechos, sigue repitiendo por radio y televisión que Chávez ordenó disparar contra una indefensa manifestación opositora, provocando una matanza, y que eso fue lo que originó su derrocamiento. Esta fue, en efecto, la noticia que en su momento airearon a los cuatro vientos los periódicos venezolanos y también los españoles, incluido, desde luego, El País. Lo sorprendente es que, seis años después, en la Ser se siga aceptando esa versión sin rechistar, y que, en cambio, se ponga el grito en el cielo al escuchar la cruda realidad: que esa versión de los hechos fue la coartada principal para dar un golpe de Estado contra el Gobierno constitucional de Chávez, y que, desde el principio, se contaba con la colaboración de los medios para propagarla. No hay más que recordar las palabras del vicealmirante golpista Ramírez Pérez, el propio día 11 de abril: “Tuvimos un arma fundamental: los medios de comunicación. ¡Gracias!”. El País aseguraba que “la gota que había colmado el vaso” fue “la represión protagonizada por la policía y francotiradores adictos a Chávez”. El día 14 se afirmaba que “los tiroteos de grupos chavistas causaron hasta 24 muertos” y se hablaba de “mártires de la democracia muertos a balazos por manifestarse en la calle contra el ex presidente Hugo Chávez”. El día 13, un titular de El País se refería al presidente golpista Pedro Carmona como “El hombre tranquilo” (“Nacido para el diálogo”, lo consideraba El Mundo), y lo erigía (¡en tanto que jefe de la Patronal!) en “representante de casi el 80% de los 10 millones de trabajadores venezolanos”. A los manifestantes que pidieron la restitución del orden constitucional se les denominó “muchedumbre desquiciada”, mientras que a los que asaltaron la embajada de Cuba y agredieron a los diputados se les llamó “resistencia civil”. El País del día 14 los llamó “focos aislados de insurrección castrense”. El editorial del día 13 instaba a la Unión Europea a contribuir a “un régimen democrático normal y estable en Venezuela” (¡aprovechando el golpe de Estado!), y se pedía que Chávez diera “cuenta de sus desmanes ante los tribunales”. Como es sabido, centenares de miles de personas que salieron a la calle en defensa de la Constitución, lograron –contra todas las previsiones– abortar el golpe de Estado. Para los medios de comunicación españoles, sin embargo, la situación era muy delicada, pues habían apoyado abiertamente un golpe de Estado y no iba a ser fácil disimularlo. La decisión fue seguir mintiendo y, a día de hoy, siguen haciéndolo. La mayor parte de los muertos fueron chavistas. Los francotiradores y la policía metropolitana que dispararon contra la población estaban a las órdenes del alcalde Alfredo Peña, el máximo opositor de Chávez en aquel momento. La matanza había sido planeada por los golpistas. Se trataba de utilizar a la población civil para que “pusiera los cadáveres necesarios sobre la mesa”, tal y como decía el telegrama que el embajador español envió al Gobierno de Aznar ese mismo día (y que Moratinos –se recordará– leyó en el Congreso). La prueba fundamental de la matanza, el vídeo que se utilizó para jalear el golpe de Estado, en el que se veía a unos chavistas disparando contra la “manifestación indefensa”, estaba trucado. Así lo reconoció su mismísimo autor, Luis Alfonso Fernández, que, por cierto, había sido ya galardonado con el Premio Periodismo Rey de España. Durante el juicio contra los chavistas (que resultaron absueltos) reconoció que estos jamás dispararon contra ninguna manifestación, sino contra la policía metropolitana que los estaba cosiendo a balazos. Y reconoció que la voz en off que gritaba que estaban disparando contra la manifestación había sido superpuesta en los estudios de Venevisión (el canal del Grupo Cisneros, que mantiene intereses compartidos con Prisa en América Latina). No habría hecho falta esperar tanto para saber la verdad: pocos días después de los acontecimientos, Le Monde Diplomatique había ya demostrado que todo era una burda patraña. Carlos Fernández Liria es profesor titular de Filosofía en la Universidad Complutense de Madrid Izquierda Unida, fuerza parlamentaria que condenó el golpe de estado desde el primer momento, inició desde el primer momento una investigación sobre el apoyo prestado al golpe por el gobierno español. Su Coordinador General, Gaspar Llamazares, interpeló al presidente Aznar el 17 de abril, en la sesión de control inmediatamente posterior al golpe y solicitó la comparecencia del ministro de Asuntos Exteriores, Josep Piqué, ante la comisión parlamentaria correspondiente. Un alto funcionario de la Administración Bush afirmó que “la legitimidad democrática es algo que no se basa solamente en una mayoría de votos”. En Wall Street, Merrill Lynch anunció a los especuladores que el panorama de inversiones en Venezuela “ya había mejorado”. En octubre de 2001, la Casa Blanca llamó para consultas a su embajadora en Caracas, Donna Hrinak, como respuesta a las críticas de Chávez contra la guerra de Afganistán. Veinte días antes del golpe, Donna Hrinak fue sustituida por Charles S. Schapiro, un embajador más ducho en golpes militares, que fue agregado militar en Chile durante el golpe a Salvador Allende, agregado militar en El Salvador y en Nicaragua durante la guerra sucia. La conexión “Opus Dei” Pedro Carmona es una persona vinculada al Opus Dei. Muchos de los involucrados en el golpe y varios miembros del “gobierno provisional” son miembros numerarios del Opus. El más conocido es José Rodríguez Iturbe, amigo personal de Aznar y ministro de Asuntos Exteriores de Carmona, que reside en la misma sede del Opus en Caracas. El golpe contó “in situ” con la bendición de Baltasar Porras, presidente de la Conferencia Episcopal, presente en la jura del usurpador junto al cardenal Velázquez. La conexión empresarial Fuentes de la patronal española CEOE afirmaron el 13 de abril a Europa Press: “Acogemos su nombramiento con agrado”, en referencia a Pedro Carmona. Pedro Carmona Estanga, el jefe civil del golpe, era presidente de la patronal venezolana, Fedecámaras y dirigía, entre otras compañías, Promotora Venoco y Química Venoco, al servicio de su propietario, el golpista y traficante de armas, Isaac Pérez Recao. Varios Bancos españoles están sólidamente instalados en Venezuela, donde defienden ingentes inversiones e intereses. El juez de la Audiencia Nacional, Baltasar Garzón, investigaba las contribuciones financieras a determinados candidatos en la campaña electoral venezolana en 1998, presuntamente realizadas por el BBVA, cuya filial es el Banco Provincial de Venezuela, perteneciente a la familia Mendoza, del Grupo Polar, uno de los más potentes conglomerados venezolanos. Lorenzo Mendoza participó en una reunión de los conspiradores y existen otras pruebas de su participación en el golpe. El BBV llegó a controlar el 30% del mercado financiero venezolano a finales de los 90. Prueba de su importancia es el envío desde la Oficina de Madrid a Caracas del hombre clave del BBV, Juan Carlos Zorrilla, para hacerse cargo del Banco Provincial. El Banco Santander Central Hispano (BSCH) tiene también una fuerte implantación en Venezuela. El magnate venezolano de los medios de comunicación, (y propietario entre otros de Venevisión, Direct tv, Telcel, Pepsi-Cola y Banco Latino, nacionalizado por Chávez), Gustavo Cisneros, tiene fuertes inversiones en España (entre otras, consiguió un “pelotazo” con la compraventa de Galerías Preciados, gracias al gobierno de Felipe González). Según Newsweek, fue el verdadero instigador del golpe. Es amigo y compañero de pesca de altura del ex presidente Bush padre y máxima cabeza de un imperio empresarial que se extiende de EE.UU a la Patagonia. También actúa como testaferro del ex presidente Carlos Andrés Pérez, procesado por corrupción y protegido por la Casa Blanca. Quien leyó el decreto de Carmona y fue nombrado Procurador General por éste, Daniel Romero, fue secretario privado de Pérez y funcionario de la Organización Cisneros. La conspiración, entre otros objetivos, pretendía la privatización de Petróleos de Venezuela S.A. (Pdvsa) en beneficio de una sociedad estadounidense vinculada al presidente Bush y a la española Repsol, vender la filial estadounidense de Pvdsa, Citgo, a Gustavo Cisneros y sus socios de EE.UU., y suprimir la reserva del Estado venezolano sobre el subsuelo. El propio Presidente Aznar, después del fracaso del golpe, se reunió con los empresarios y banqueros con intereses en Venezuela, a quienes reiteró su compromiso de apoyar “la democracia”, aunque también les confesó que España no podía garantizar la seguridad de sus inversiones en Venezuela.
Patricia Poleo (periodista famosa en Venezuela, por haberse movido en las aguas turbias de la conspiración, y cuyo nombre en letra manuscrita figuraba en la agenda de Carmona como posible ministra de Información), recibió del Rey Juan Carlos el premio “Rey de España de Periodismo”, por su cobertura del asunto Montesinos. Puede que solo sea una coincidencia, o el Rey ha sido manipulado. Es de todos conocido el vergonzoso papel del Grupo PRISA y, particularmente, del diario El País en el apoyo al golpe . En este feo asunto, El País ha actuado como mascarón de proa del imperio Polanco y de sus adláteres en Venezuela, donde Chávez se resistía a facilitar a Polanco negocios de televisión y venta de libros escolares. Es de todos conocida la red que la editorial Santillana, vinculada a Jesús Polanco y a PRISA, tiene desplegada en América Latina, donde cuenta con suculentos contratos de distribución de libros y todo tipo de material escolar a cargo del erario público de varios estados iberoamericanos. Esta editorial ha contado con numerosos créditos blandos y ganado licitaciones de la partida de Ayuda al Desarrollo del Ministerio de Economía y de la Agencia Española de Desarrollo. Tampoco son casuales las declaraciones realizadas por el ex presidente del Gobierno español, Felipe González, en las que justificaba el apoyo político al golpe de estado desde una crítica severa a Hugo Chávez, calificado de “caudillo” y “dictador”. Felipe González mantiene desde hace años una estrecha conexión con PRISA y con el magnate venezolano Gustavo Cisneros. El enviado especial de El País en Caracas, Juan Jesús Aznárez, coincidió en vísperas del golpe con el enviado de El Mundo, en el aeropuerto caraqueño de Maiquetía, y le confió que “Chávez se va a enterar quién es Jesús de Polanco, que siempre logra lo que quiere. Dentro de unos días hablamos”. Aznárez mantenía estrechos contactos con el embajador de España, Manuel Viturro, con el embajador de EE.UU y con el propio Pedro Carmona. La corresponsal de El País en Caracas, Ludmila Vinogradoff, asesora y amiga de Gustavo Cisneros, promovió una verdadera campaña de apoyo a los golpistas. Los titulares de primera página del día 13 en El Mundo (“Venezuela derroca a Chávez” y en El País (“Venezuela fuerza la renuncia de Chávez”). En palabras del periodista Pascual Serrano, “el espectáculo golpista ofrecido al mundo por Estados Unidos, España y los medios de comunicación españoles ha superado todo lo imaginable”. Entre otras perlas, reproduce los panegíricos del 13 de abril al golpista Pedro Carmona: “nacido para el diálogo” (El Mundo), “un hombre tranquilo” (El País). Mientras, para el presidente constitucional se reservan en editoriales calificativos de “Golpe al caudillo” (El País) o “estrafalario” (El Mundo), y “Venezuela dijo basta a Chávez” (ABC). Ludmila Vinogradoff, corresponsal de El País, señalaba el 14 de abril “el luto de los caraqueños por los 16 primeros mártires de la democracia, muertos a balazos el pasado jueves por manifestarse en la calle contra el ex presidente Hugo Chávez”. La misma Ludmila Vinogradoff, en reportaje emitido en directo el 13 de abril a las 22h por CNN Plus, abandona toda objetividad y se muestra como parte interesada: insiste en la existencia de un video con la renuncia de Chávez y denuncia haberse encontrado con “turbas armadas chavistas en el centro de la capital”. A los manifestantes favorables al golpe, se les denomina “resistencia civil” (editorial de El país, el 13 de abril) o “indignación popular” (editorial de “El Mundo”, ese mismo día). A los que al día siguiente pedían el retorno a la legalidad constitucional, se les denomina “muchedumbre” o “manifestantes desquiciados” (El País, 15 de abril). Legitimar el golpe requería buscar argumentos contra el presidente Chávez. El editorial del 13 de abril de El País destaca “el deterioro de la situación económica que creció con la aprobación en diciembre pasado de 49 decretos-leyes de inpiración castrista. Chávez introdujo varios centenares de asesores cubanos en Venezuela, al tiempo que suministraba a La Habana petróleo gratuito”.Aznárez presenta a Carmona de forma atractiva: “presidente de la junta cívico-castrense que conducirá a Venezuela hacia unas nuevas elecciones a corto plazo” y proclama sus buenas intenciones: “prometió una democracia amplia, pluralista, de fuertes valores democráticos”, “diferente –aclara por su cuenta El País- a la practicada por Hugo Chávez”.
submitted by suarep to podemos [link] [comments]


2014.04.27 20:02 brasilbitcoin O QUE VEM DEPOIS DO BITCOIN?

O bitcoin parece estar em toda parte. Programas de TV aberta, revistas de economia, amigos no Facebook e até outdoors em avenidas “falam” dele (nesse último caso, numa campanha de entusiastas, em São Francisco, nos Estados Unidos). A cotação da moeda virtual decolou de menos de US$ 1, em 2009, para quase US$ 1 mil, nas últimas semanas. O BTC – esse é o código comercial – já serve para comprar quase tudo, de sanduíches orgânicos a viagens ao espaço. Seja ele o dinheiro do futuro ou uma nova bolha especulativa, uma coisa parece certa: a porta que foi aberta, pela qual o mundo enxergou uma forma mais flexível de fazer transações online, não se fechará mais. Um batalhão de novas moedas digitais e tecnologias promissoras já aproveita o embalo para avançar rumo a essa prometida nova ordem monetária.
O bitcoin mostrou que é possível existir uma moeda descentralizada, não regulada por governos ou bancos centrais. O mérito de seu criador, uma figura desconhecida que usava o pseudônimo de Satoshi Nakamoto, foi formular um elegante preceito matemático que garante a segurança do sistema. Funciona assim: cada transação é validada por um grande número de computadores de usuários (os mineradores) pelo mundo, de forma que ninguém tenha capacidade de processamento maior que essa rede (para evitar operações fraudulentas). Como recompensa, esses usuários recebem novos bitcoins, que serão criados até o limite de 21 milhões de unidades, por volta do ano de 2140. Além disso, todas as transações ficam registradas numa espécie de lista pública.
Entusiastas afirmam que a grande contribuição do BTC foi cultural. Ele uniu uma vasta rede de pessoas interconectadas por uma causa que agora parece ser o futuro inevitável: usar a internet para enviar dinheiro, com menos taxas e burocracia. Se olharmos em perspectiva, ainda que exista essa profusão de seguidores, o bitcoin é coisa de nicho. Para se tornar um novo dólar ou euro, há alguns empecilhos. Primeiro, é difícil de usar. Mandar e receber moedas significa ter de lidar com conceitos como blockchain e public ledger, além de chaves necessárias para cada transação, coisas como 17EC4TXZRzr4UbmrkMc7gUEuCtn73xhTeN.
Também existem questões como a alta volatilidade, a suspeita de que milhares de chineses andam especulando com a moeda e, principalmente, os problemas de uso criminoso do dinheiro virtual. O caso mais notório envolveu o Silk Road, um supermercado online de drogas e armas fechado em 2013, no qual o BTC – por permitir anonimato – era a moeda corrente.
Por todos esses problemas, o bitcoin pode vir a confirmar uma conhecida tese sobre produtos de sucesso: o pioneiro raramente se torna o líder do mercado. Google, Facebook, Apple e outras empresas vencedoras não inventaram seus produtos – já existiam buscadores, redes sociais e computadores antes. Assim como a Coca não inventou o refrigerante e o McDonald’s não foi a primeira lanchonete a vender hambúrgueres. (Cabe a observação: o bitcoin não foi a primeira moeda digital, mas criou os conceitos que agora são usados por todas as outras, por isso é vista como pioneira.)
Como era previsível, várias candidatas já estão no jogo para tentar ser a Apple ou o Facebook dessa teoria. Receberam até um nome na comunidade dos internautas: criptomoedas 2.0 (veja o quadro abaixo). Ainda que nenhuma possa ser declarada vencedora, cada uma expande a seu modo os caminhos para o futuro do dinheiro. “As moedas digitais marcam uma mudança significativa no sistema financeiro, porque são capazes de prover uma cadeia de troca de valores descentralizada”, diz David Furlonger, vice-presidente da consultoria Gartner Group e uma das maiores autoridades em futuro das finanças. “Mas, no momento, nenhuma delas é mais relevante que as outras. O hype em torno do bitcoin é apenas isso: hype.”
http://s2.glbimg.com/fIw5bBIj3hFN-RIFMxrKCa_WvC0=/top/e.glbimg.com/og/ed/f/original/2014/03/04/bitcoin-02.jpg
Na última contagem do site coinmarketcap.com existiam cem moedas digitais, com nomes como quark, mastercoin ou devcoin. Juntas, somam por volta de US$ 10 bilhões em circulação. Quase todas são versões modificadas do bitcoin. A maioria também usa a mineração digital. Entre as que se destacam está o litecoin (ou LTC). Sua contribuição: pode ser minerada por computadores comuns, enquanto o bitcoin acabou restrito a donos de supermáquinas – o que pode criar distorções no futuro. Assim, o tempo para uma transação ser confirmada cai de dez minutos (no BTC) para dois e meio (no LTC), em média.
“Essa segunda geração tem moedas lançadas por companhias bem financiadas e com fundadores experientes, inclusive alguns que participaram da história do bitcoin. O dinheiro graúdo chegou à nossa área, permitindo que mais camadas de segurança e inovação sejam adicionadas”, diz Chris Larsen, CEO do Ripple Labs, que cunhou a moeda digital ripple.
O ripple também tem se destacado. Já é a segunda maior em volume circulante (juntas, ela e o BTC formam quase 90% dos US$ 10 bilhões virtuais). Recebeu aportes de investidores badalados do Vale do Silício, como o Google Ventures, o Founder’s Fund e o Andreessen Horowitz. O ripple, na verdade, são duas coisas. É uma moeda baseada em matemática (como o bitcoin), cujo símbolo é XRP. Mas também é um novo protocolo financeiro para a internet. Para entender, vale uma comparação entre dinheiro e e-mails. São os protocolos de e-mail que permitem que um usuário do Hotmail, por exemplo, mande mensagens para um do Gmail, de graça e instantaneamente. O ripple quer fazer isso entre moedas e bancos.
Quem cria uma “carteira ripple” pode mandar, por exemplo, US$ 1 mil para uma sobrinha na Austrália com razoável facilidade – e com taxas na faixa de 0,5%. Mas também pode mandar ouro, milhas aéreas, café e qualquer coisa que tenha um valor acordado. Inclusive bitcoins. “Dá para fazer pelo próprio banco, até sem saber que por trás da operação estará o protocolo”, diz Larsen. “Antes do bitcoin, ninguém achava que era possível fazer transações pela internet sem um operador central. Agora o mundo sabe como fazer isso. Mas estamos apenas na pré-história dessa evolução”, afirma. No momento, o protocolo já opera mais de 50 moedas e existem 65 mil contas criadas – número que, segundo Larsen, cresce 7% por semana.
Assim como o ripple, outra moeda, chamada next (símbolo: NXT), traz uma inovação importante: ela permite que você adicione novas funcionalidades aos protocolos. Por exemplo, criar contratos. Eles podem servir para executar pagamentos de um serviço, ou fazer operações parecidas com um “débito automático”, mas para a transferência de valores. Como são plataformas de código aberto, permitem que qualquer contrato seja criado, dependendo só da habilidade do programador.
http://s2.glbimg.com/x3wY_Vb1vq6T58liOfaY-ADxLWY=/e.glbimg.com/og/ed/f/original/2014/03/04/bitcoin-03.jpg
Para mandar dinheiro entre pessoas, protocolos como os do ripple ou do next encontram ordens de compra e venda – como no sistema financeiro – e acham um caminho para mandar o dinheiro. Por exemplo: podem usar ordens de venda de reais e compra de XRPs no Brasil, depois outras de venda de XRPs e compra de dólares na Austrália. “Ele acha o caminho mais ‘barato’ para o usuário, não importa quais moedas serão usadas”, diz Rafael Olaio, fundador da Rippex, a primeira casa de câmbio de ripple do Brasil, prevista para entrar no ar este mês. A ideia de usar moedas digitais para triangular moedas convencionais e permitir o envio de euros ou dólares para outros países, ao que parece, será uma das principais heranças do bitcoin.
Outra moeda virtual que aparece entre as mais usadas é o dogecoin, cujo símbolo é um cachorrinho. Assim como o litecoin, é uma filha direta do bitcoin. Mas avança numa direção crucial: sair da obscuridade. Ela é negociada numa casa de câmbio – chamada Cryptsy – regulada pelo Departamento do Tesouro dos EUA. “No caso do ripple no Brasil, para abrir uma conta vai ser preciso mandar RG, CPF e comprovante de filiação. Quero me preparar para quando a regulamentação chegar”, diz Olaio.
A regulação, a propósito, é um aguardado capítulo do futuro das moedas virtuais. Ainda que não dependam de governos para nascer, os legisladores podem banir ou restringir seu uso num país. “No Brasil, ainda não há discussão regulatória consistente sobre o tema”, diz o advogado Marcelo Godke Veiga, que acompanha a questão. “O Banco Central sequer definiu se essas moedas serão consideradas moedas. Nos EUA, já existe a decisão de um tribunal de que o bitcoin ‘pode ser entendido’ como moeda.”
A aceitação dos bancos será outro momento crítico. “Tenho falado com bancos de diferentes países e eles estão mudando a postura: de ‘avaliando’ para ‘considerando integrar com o sistema’”, afirma Larsen. “Os bancos ainda tentam proteger suas formas tradicionais de mandar e receber dinheiro. Mas terão de se adaptar. No futuro, acredito que eles serão um misto de empresa de tecnologia e de marketing”, diz Furlonger. A Febraban, que representa os bancos no Brasil, não quis falar sobre o tema.
Alheias aos bancos, milhares de pessoas usam os dinheiros formados por zeros e uns. Qual será dominante? Talvez nem seja essa a questão. “A grande contribuição dessas moedas é mostrar o potencial da internet para a troca de valores, ainda que se usem as moedas ‘antigas’. Ninguém deve ser forçado a adotar uma nova moeda, nem acho que isso possa acontecer. A ideia importante é usar a internet para trocar valores”, diz Larsen. “O que a ascensão do bitcoin deixou claro é que as pessoas querem mais flexibilidade para mandar e receber dinheiro”, afirma Furlonger. Mesmo se não for a moeda do futuro, o bitcoin pode ter definido o futuro das moedas.
FONTE EPOCA NEGOCIOS
submitted by brasilbitcoin to BrasilBitcoin [link] [comments]


Los mejores programas cómicos de la televisión Mexicana ... Imitaciones de Carlitos Russo Hemeroteca: programas de debate en la televisión de los 90 - ¿Dónde estabas entonces? Ideas Fáciles NICRON TV Cómo hacer Rosca Navideña - Especial Navidad con amigas! Bad bunny programa de TV Reymond y sus amigos Sonora Ponceña - Como amigos como amantes TV Cultura - 10 aberturas nostálgicas de desenhos e ... TUTORIAL BELIVE.TV: CÓMO COMPARTIR PANTALLA EN UN VÍDEO ... ROCIO DURCAL - Recopilación de Varias Presentaciones en ... Vinicius e Venâncio no Programa Fabiana Gomes e Amigos

Series de TV drama - SensaCine.com

  1. Los mejores programas cómicos de la televisión Mexicana ...
  2. Imitaciones de Carlitos Russo
  3. Hemeroteca: programas de debate en la televisión de los 90 - ¿Dónde estabas entonces?
  4. Ideas Fáciles NICRON TV Cómo hacer Rosca Navideña - Especial Navidad con amigas!
  5. Bad bunny programa de TV Reymond y sus amigos
  6. Sonora Ponceña - Como amigos como amantes
  7. TV Cultura - 10 aberturas nostálgicas de desenhos e ...
  8. TUTORIAL BELIVE.TV: CÓMO COMPARTIR PANTALLA EN UN VÍDEO ...
  9. ROCIO DURCAL - Recopilación de Varias Presentaciones en ...
  10. Vinicius e Venâncio no Programa Fabiana Gomes e Amigos

No Programa Fabiana Gomes e Amigos desta semana tem os irmãos gêmeos Vinicius e Venâncio, direto da cidade de Anápolis , a jovem dupla já tem uma carreira extensa , começou cantar ao quatro ... Tambien estuvo en programas de TV como Calabromas (1980), La Peluquería de Don Mateo (1982), 'Finalísima' (1988 al 90), 'Kanal K' (1990 al 96) y realizó las voces de los videos de 'TV ... Tomado de un cassette VHS casero, para presentar el trabajo del artista en cuestión. En orden de aparición: - Para que seas tan cruel - Como tu mujer - La di... TUTORIAL BELIVE.TV: CÓMO COMPARTIR PANTALLA EN UN VÍDEO LIVE DE FACEBOOK 👉👉 Mi Escuela Virtual: http://martaemerson.com/escuela-virtual/ 👇👇👇 VER MAS ... Carolina García León nos presenta un programa Especial de Navidad con Amigas! Hoy nos visita Belen Rizzo y juntar harán una hermosa rosca navideña, ideal para decorar tu casa en estas fiestas ... Sonora Ponceña 55 Aniversario en vivo Desde el Coliseo Roberto Clemente 23 Mayo 2009 Músicos: Piano y Teclado – Enrique ‘’Papo’’ Lucca Cantantes – Héctor ‘’Pichi’’ Pérez ... Lista de los mejores programas cómicos de la televisión Mexicana A continuacion enlistare los que para mi gusto son los mejores programas de comedia de la te... Compilação de 11 aberturas de desenhos e programas da TV Cultura, que certamente farão as crianças dos anos 90, sentirem saudades da infância. Raymond Y Sus Amigos Bad Bunny Men And The City 10 marzo 2020 - Duration: 32:42. Entretenimiento Boricua 231,201 views Mercedes Milá, Jesús Hermida o José Luis Balbin: estas fueron las caras que impulsaron los debates en televisión en 1990, año en el que aparecieron canales privados de TV como Antena 3 ...